back to top

Você é capaz de lembrar quais desses envolvidos na Lava Jato estão presos?

Na semana passada, o Supremo Tribunal Federal concedeu habeas corpus a um ex-ministro petista — qual deles?

publicado

Na semana passada, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal concedeu habeas corpus a um ex-ministro petista.

  1. José Dirceu
    Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Essa era fácil, né? A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal decidiu a favor do habeas corpus de Dirceu nesta terça (2).

  2. <br><br><br>Nestor Cerveró
    Wilson Dias / Agência Brasil
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró foi preso em janeiro de 2015. Desde junho do ano passado, ele está em prisão domiciliar, num condomínio fechado em Petrópolis (RJ), monitorado por tornozeleira eletrônica.

  3. <br><br><br>Eduardo Cunha
    Antonio Cruz/ Agência Brasil
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    O ex-presidente da Câmara foi preso em outubro do ano passado, e teve pedidos de soltura negados em várias instâncias da Justiça, inclusive no Supremo Tribunal Federal.

  4. <br><br><br>André Vargas
    Gustavo Lima/ Câmara dos Deputados
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Ex-vice-presidente da Câmara, André Vargas (PT-PR) afrontou o então ministro do STF Joaquim Barbosa, que visitava a Casa, e levantou o braço em solidariedade a petistas presos no mensalão. Agora, quem está preso é ele — desde abril de 2014, um dos primeiros políticos a cair nas grades da Lava Jato. Ele já foi condenado pelo juiz Sergio Moro, a 14 anos e 4 meses de reclusão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

  5. <br><br>Eike Batista
    Fábio Pozzebom / Agência Brasil
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Preso no Rio em janeiro passado, Eike Batista foi solto por decisão do ministro Gilmar Mendes, do STF, na semana passada. Em sua decisão, o magistrado alegou que, mesmo solto, Eike não poderia atrapalhar as investigações.

  6. <br><br><br><br><br>João Cláudio Genu
    Câmara dos Deputados
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Preso na 29ª fase da Lava Jato, em maio de 2016, o ex-tesoureiro do PP João Claudio Genu foi solto pelo Supremo Tribunal Federal na semana passada. Apesar de Genu já ter sido condenado na Lava Jato, o STF firmou o entendimento de que os presos só devem começar a cumprir suas penas a partir da condenação em segunda instância.

  7. <br><br><br>Delcídio do Amaral
    Geraldo Magela /Agência Senado
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    O ex-senador petista deixou a cadeia e passou a cumprir prisão domiciliar em fevereiro do ano passado, por decisão do então relator da Lava Jato no STF — o ministro Teori Zavascki, morto em janeiro deste ano. Delcídio foi preso em novembro de 2015, e deixou a carceragem após celebrar um acordo de delação premiada.

  8. <br><br><br>Marcelo Odebrecht
    Cicero Rodrigues/ World Economic Forum
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Delator-geral da República, o empresário Marcelo Odebrecht continuará preso em regime fechado até o fim deste ano. A partir daí, o regime de sua prisão irá progredir para semiaberto e, mais tarde, aberto. É o que determina seu acordo de colaboração com o Ministério Público.

  9. <br><br>Alberto Youssef
    Lula Marques/Agência PT
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Pivô da Lava Jato, o doleiro Alberto Youssef foi preso na 1ª fase da operação, em março de 2014, e deixou a carceragem da Polícia Federal em Curitiba só em novembro de 2016. Ele cumpriu os últimos quatro meses de sua pena em regime domiciliar, com tornozeleira eletrônica, num apartamento de luxo na Vila Nova Conceição, em São Paulo.

  10. <br><br><br>Paulo Roberto Costa
    Fabio Rodrigues Pozzebom /Agência Brasil
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Pioneiro entre os delatores, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa retirou sua tornozeleira eletrônica em novembro do ano passado.

  11. <br><br><br><br>João Vaccari Neto
    Luis Macedo / Câmara dos Deputados
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Preso na 12ª fase da Lava Jato, em abril de 2015, o ex-tesoureiro petista João Vaccari Neto continua preso em Curitiba. Na nota que divulgou para comemorar a soltura de José Dirceu, nesta terça (2), o presidente do PT, Rui Falcão, mencionou o caso do companheiro: "Saudamos a decisão do Supremo Tribunal Federal de libertar José Dirceu e esperamos que a mesma decisão se estenda ao companheiro João Vaccari".

  12. <br><br><br>Otávio Azevedo
    Heuler Andrey / AFP / Getty Images
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Em prisão domiciliar, mas preso. Otávio Marques Azevedo, ex-presidente da construtora Andrade Gutierrez, deixou a carceragem da PF em Curitiba em fevereiro de 2016, após fechar um acordo de delação.

  13. <br><br><br>Japonês da Federal
    Rodolfo Buhrer / Reuters
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    Numa das tantas reviravoltas inusitadas que o enredo da Lava Jato ofereceu aos brasileiros, o agente da Polícia Federal Newton Ishii — o temido Japonês da Federal — foi preso, em setembro de 2016, por facilitar contrabando na fronteira entre o Brasil e o Paraguai. Depois, ele foi solto e continuou a trabalhar. Ironia final: ele usa uma tornozeleira eletrônica.

  14. <br><br><br>Fernando Baiano
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    É em uma mansão na Barra da Tijuca? Sim, mas o lobista Fernando Soares, o Baiano, está em prisão domiciliar desde que fechou sua delação, em novembro de 2015.

  15. <br><br><br><br>João Santana e<br>Mônica Moura<br>
    Rodolfo Buhrer / Reuters
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Soltos

    O casal de publicitários responsável pelas campanhas presidenciais de Lula (2006) e Dilma (2010 e 2014) pagou fiança de R$ 31 milhões, em agosto de 2016, e foi solto por decisão do juiz Sergio Moro. Depois, eles firmaram acordo de delação premiada.

  16. <br><br><br>Cláudia Cruz
    Evaristo Sa / AFP / Getty Images
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solta

    Mulher do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, a jornalista Cláudia Cruz gastou parte do dinheiro que o marido mantinha na Suíça com joias e roupas de grife. Ao contrário dele, no entanto, ela não foi presa — e apesar de ser ré, ainda não foi condenada na Justiça.

  17. <br>Antônio Palocci
    Rodolfo Buhrer / Reuters
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    O petista foi preso em setembro do ano passado e continua na cadeia. O juiz Sergio Moro justificou a decisão de converter a prisão de Palocci de temporária para preventiva — por tempo indeterminado — argumentando que o ex-ministro poderia destruir provas ou fugir.

  18. <br><br><br>Sérgio Cabral
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    Foi em novembro do ano passado, por decisão da Justiça do Rio. Esta semana, o Superior Tribunal de Justiça julgou e negou um pedido de habeas corpus do ex-governador.

  19. <br><br>Léo Pinheiro
    Câmara dos Deputados
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Preso

    O ex-sócio da OAS que levou Lula para conhecer o tríplex no Guarujá está preso em Curitiba. Durante negociações para uma delação premiada, ele chegou a ficar em prisão domiciliar, mas voltou para trás das grades em setembro, quando o acordo melou. Agora os advogados de José Adelmário Pinheiro, o Léo Pinheiro, estão de volta à mesa de negociações com o Ministério Público.

  20. <br><br><br>Lula
    Heinrich Aikawa/Instituto Lula
    Correct
    Incorrect
    Correct
    Incorrect
    Correto!
    Errado!

    Solto

    O ex-presidente é réu em cinco ações penais em Brasília e em Curitiba. Seus partidários acusam a Lava Jato de persegui-lo para inviabilizar sua candidatura em 2018. Já alguns de seus antagonistas torcem para que ele seja preso — de preferência, "amanhã".

Alexandre Aragão é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ele pelo email alexandre.aragao@buzzfeed.com

Contact Alexandre Aragão at alexandre.aragao@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.