go to content

Avenida Paulista terá protesto e debate de candidatos no mesmo horário

Ato anti-Temer começará às 14h, no Masp, onde ficará parado. Encontro entre postulantes à prefeitura será às 18h30, na TV Gazeta, que fica a 650 metros do museu.

publicado

No domingo (18), os principais candidatos à Prefeitura de São Paulo passarão ao lado do ato anti-Temer para chegar ao debate organizado por Gazeta, O Estado de S. Paulo e Twitter.

Isso porque o evento ocorrerá à tarde, na avenida Paulista. A sede da Gazeta, no prédio da Fundação Cásper Líbero, fica a 650 metros do Masp, onde está marcado o protesto.

Além disso, desde o ano passado, a Paulista e outras vias de São Paulo ficam fechadas aos domingos, das 10h às 18h.

O ato, organizado pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, começará às 14h e ficará no Masp. O debate terá início às 18h30, quando a manifestação ainda estará na Paulista.

Desde a decisão final sobre o impeachment de Dilma Rousseff, em 31 de agosto, frentes de esquerda convocaram atos em São Paulo em todos os domingos, principalmente na avenida Paulista.

Questionada pelo BuzzFeed Brasil, a TV Gazeta afirmou que os candidatos devem ir ao debate de carro, pela entrada da rua São Carlos do Pinhal. Eles devem chegar a partir das 17h.

Até agora, dois candidatos compareceram em atos anti-Temer. A primeira a ir foi Luiza Erundina (PSOL), que compareceu nos últimos dois domingos. Dessa vez, não deve ir.

No protesto na Paulista, a candidata Luiza Erundina diz que o governo Temer é ilegítimo.

A assessoria de imprensa da candidata afirmou ao BuzzFeed Brasil que Erundina deve tirar a tarde para se preparar para o confronto com seus adversários.

O segundo é Fernando Haddad (PT), que tenta a reeleição — ele foi no domingo passado. Consultada, sua assessoria disse que, na ocasião, ele decidiu ir ao ato 20 minutos antes de sair.

Candidato à reeleição, Haddad (PT) chega a ato anti-Temer. Colar sua imagem à manifestação é estratégia de campanha

No dia 11, Erundina e Haddad subiram juntos no carro de som. Nos discursos, ambos passaram indiretas a outros candidatos — principalmente Marta Suplicy, que trocou o PT pelo PMDB.

Erundina, Ivan Valente, Haddad e Eduardo Suplicy dividem o palanque da manifestação. Agora fala Suplicy


Alexandre Aragão é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ele pelo email alexandre.aragao@buzzfeed.com

Contact Alexandre Aragão at alexandre.aragao@buzzfeed.com.

Tatiana Farah é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ela pelo email tatiana.farah@buzzfeed.com.

Contact Tatiana Farah at Tatiana.Farah@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.