back to top

Doria fez pesquisa para saber se ser chamado de 'coxinha' é bom ou ruim

Entre grupos de eleitores da periferia, o termo teve um significado completamente diferente do que os marqueteiros esperavam.

publicado

Dono de uma fortuna de R$ 180 milhões e normalmente muito alinhado da cabeça aos pés, o tucano João Doria andou testando se as pessoas acham que "ser coxinha" é uma coisa boa ou ruim.

Divulgação

Divulgação

Antes da crise política, coxinha já era usado com desdém para falar daquele jovem de classe média, bem criado e de estilo certinho. Enfim, é o "criado pela avó".

Seus marqueteiros fizeram pesquisas com eleitores de São Paulo para ver se as pessoas têm uma visão positiva ou negativa do termo "coxinha".

BuzzFeed

As campanhas eleitorais geralmente fazem as pesquisas quantitativas, que mostram o cenário com a intenção de voto dos candidatos, mas fazem outro levantamento, que é a pesquisa qualitativa, as chamadas "qualis".

Nas qualis, os publicitários submetem o programa eleitoral e algumas questões a pequenos grupos específicos de eleitores. Assim, têm um termômetro sobre peças publicitárias e ataques sofridos e desferidos pelo candidato.

A surpresa veio da resposta surgida com grupos de eleitores que vivem na periferia.

Nestes grupos, "coxinha" não tem nada a ver com briga política, mas com a percepção negativa destes eleitores a respeito de policiais militares que filam um salgado em bares e padarias.

Os assessores de Doria disseram que o candidato ficou tranquilo porque, segundo eles, "na população a intenção pejorativa não pega".

Um de seus auxiliares explicou que, quando se pergunta sobre "coxinha", muitos eleitores ficam sem entender nada.

Divulgação / Via facebook.com

Então, Doria passou a fazer graça com o adjetivo de "coxinha". Aparece em fotos segurando o salgadinho. E seu marqueteiro até divulgou uma imagem fazendo piada com o tucano.

"João é o único candidato que sobe nas pesquisas como mostra o gráfico", brincou o marqueteiro Lula Guimarães em uma rede social ao divulgar esta foto:

Assessoria João Doria

Doria, que não gosta de ser fotografo comendo, já disse que gosta "muito" de coxinha. A campanha até pensou em usar o apelido a seu favor, vendendo a ideia de que, em seu eventual governo, o transporte público seria "padrão coxinha". Mas desistiu.

Com 5% das intenções de voto, Doria está numericamente em quinto lugar na pesquisa Datafolha divulgada no dia 26 de agosto. Russomanno lidera, com 31%, e é seguido por Marta (16%), Erundina (10%) e Haddad (8%).

Tatiana Farah é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ela pelo email tatiana.farah@buzzfeed.com.

Contact Tatiana Farah at Tatiana.Farah@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.