back to top

Notícia de que viaduto Marisa Letícia pode mudar de nome para "Professora Helley" é FALSA

O prefeito João Doria chegou a criticar a homenagem à mulher de Lula, mas já confirmou que NÃO vai mudar o nome do viaduto.

publicado

É falsa a notícia que vem sendo compartilhada via Facebook e WhatsApp segundo a qual o prefeito João Doria (PSDB) vai mudar o nome do viaduto Marisa Letícia Lula da Silva, recém-inaugurado na zona sul de São Paulo, para homenagear a professora Helley de Abreu, que morreu em um incêndio criminoso em outubro, em Janaúba (MG), ao tentar salvar as crianças da creche onde trabalhava.

O texto compartilhado foi publicado na manhã de ontem, dia 1º, pelo site Jornal da Cidade Online, com o título Dória cancela homenagem a Marisa e viaduto deve recebre o nome de "Professora Heley".

O site indica que, até hoje, já houve mais de 130 mil compartilhamentos do texto, que também circulou em grupos de WhatsApp de direita.

Não é verdade que Doria pretende mudar o nome do viaduto.

A homenagem que foi cancelada era apenas a cerimônia de inauguração do viaduto Marisa Letícia Lula da Silva, que iria ocorrer amanhã (dia 3), e não o nome do viaduto.

O prefeito divulgou ontem uma nota dizendo que considerava "injusta" a homenagem "a alguém envolvido no maior escândalo de corrupção já registrado no país e que nunca morou na cidade nem jamais lhe trouxe qualquer benefício".

Mas o nome do viaduto continuará homenageando a mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, morta em fevereiro do ano passado.

Na mesma nota, Doria dizia que "a escolha do nome do viaduto é prerrogativa da Câmara Municipal e fruto de um acordo entre a maioria dos vereadores" — e deixou claro que não pretende mais mexer nesse vespeiro.

A sugestão de adotar o nome "Professora Helley de Abreu", conforme circulou em páginas antipetistas, não chegou a ser discutida, segunda a prefeitura, porque o projeto de lei é do Legislativo municipal.

A lei municipal que deu o nome da ex-primeira-dama a um viaduto em M'Boi Mirim foi sancionada em 29 de dezembro pelo vereador Milton Leite (DEM), na condição de prefeito em exercício — devido à ausência de Doria e do vice Bruno Covas.

Veja também:

Doria diz que mulher de Lula "jamais trouxe qualquer benefício" para SP e que homenagem é "injusta"




Contact Mauro Albano at mauro.albano@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.