back to top

Seguranças do Metrô deixam local de trabalho e apreendem panfletos de Haddad

Vigilantes terceirizados brigaram com militantes em um dos acessos à estação Artur Alvim, nesta manhã. Metrô diz que "medidas cabíveis" serão tomadas.

publicado

Seguranças do Metrô deixaram seus locais de trabalho, na estação Artur Alvim, para apreender panfletos da campanha de Fernando Haddad (PT) à prefeitura, nesta quinta-feira (29).

Os vigilantes agiram num dos acessos à estação, fora do local onde deveriam atuar. O Metrô informou ao BuzzFeed Brasil que os seguranças são terceirizados e que "medidas cabíveis" serão tomadas em relação ao episódio.

Henrique Domingues, presidente do Diretório Central dos Estudantes da Fatec, é quem aparece no vídeo brigando com os seguranças. Foi ele quem publicou o vídeo no Facebook.

O Metrô informou que "atividades comerciais e de propaganda" devem ser autorizadas previamente pela empresa, "não podendo ter cunho religioso ou político-partidário".

No vídeo, enquanto segurança e militante brigam por panfletos, um ambulante anuncia suas mercadorias sem ser incomodado.

Leia a íntegra da nota enviada pelo Metrô ao BuzzFeed Brasil:

Os vigilantes são terceirizados e não possuem atribuição para atuar no local da ocorrência. O Metrô já acionou a empresa contratada para que as medidas administrativas cabíveis sejam adotadas.

De acordo com o regulamento do Metrô, as atividades comerciais e de propaganda de qualquer natureza nas estações precisam ser previamente informadas e autorizadas pela companhia, não podendo ter cunho religioso ou político-partidário.

Alexandre Aragão é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ele pelo email alexandre.aragao@buzzfeed.com

Contact Alexandre Aragão at alexandre.aragao@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.

Em parceria com