back to top

Fotógrafo agredido por Freixo é perseguido por militantes na internet

Profissional levou socos e chutes do candidato no enterro de Renato Freixo, irmão dele morto em 2006. “Sinto que estou sendo coagido. Estou sendo ameaçado de todas as maneiras”, ele diz.

publicado

O fotógrafo Bruno de Lima publicou no Facebook, na segunda (23), um post relatando que foi agredido pelo candidato do PSOL à Prefeitura do Rio, Marcelo Freixo, enquanto trabalhava no velório do irmão dele, Renato, assassinado há 10 anos.

Desde então, simpatizantes passaram a perseguir o fotógrafo, o acusando de ter desrespeitado pedido da família para não tirar fotos — Freixo alegou o mesmo para justificar a agressão e admitiu que errou. Lima nega que soubesse do pedido.

A imagem acima, em que o fotógrafo (de amarelo) é chutado por Freixo (sendo contido pelo homem de preto), foi registrada por um colega de Lima que pediu para não ser identificado. Ela estava no post do fotógrafo, que foi apagado.

Antes de deletá-lo, Lima atualizou o post com o seguinte texto:

Para os eleitores do Freixo que estão enchendo o meu saco, não sou cabo eleitoral e não votarei no Crivella. Infelizmente chegamos ao ponto de ter que decidir entre um e outro. MEU VOTO É NULO!

A maioria das mensagens enviadas por apoiadores de Freixo mistura palavras de baixo calão e ameaças. "Querido, no lugar dele eu tinha te quebrado em dois", diz um dos comentários.

"Não esperava essa repercussão muito menos essa agressividade toda", diz Lima em entrevista ao BuzzFeed Brasil.

"Sinto que estou sendo coagido. Estou sendo ameaçado de todas as maneiras", completa o fotógrafo.

Lima conta que chegou atrasado ao velório, e não estava presente quando os fotógrafos foram orientados a ficar longe.

Segundo o profissional, ele deu a volta por outro corredor e encontrou o cortejo no momento em que chegava ao túmulo — quando aconteceu a agressão.

"Depois da confusão é que foram me explicar o que tinha rolado no velório", ele conta. "Por que eu iria fazer diferente dos outros fotógrafos? Pra tomar porrada?"

O BuzzFeed Brasil entrou em contato com a assessoria do candidato na noite desta terça-feira (25), mas não obteve resposta.

Veja também:

Cinco frases que Crivella disse, mas prefere que o eleitor esqueça

Candidatos do Rio dizem que são mais pobres do que aparentam

Alexandre Aragão é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ele pelo email alexandre.aragao@buzzfeed.com

Contact Alexandre Aragão at alexandre.aragao@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.