back to top

Exclusivo: Mantega faz acordo com Procuradoria para evitar prisão

Os termos do acordo já foram acertados e enviados à Justiça. Mantega não admite culpa, mas se compromete a colaborar com a investigação.

publicado
Nacho Doce / Reuters

Ex-ministro da Fazenda nos governos de Lula e Dilma, Guido Mantega fez um acordo com o Ministério Público Federal em Brasília para evitar sua prisão na investigação que apura se houve favorecimento do BNDES nos investimentos bilionários da JBS, do empresário Joesley Batista.

Segundo o BuzzFeed News apurou, o acordo já foi assinado com o procurador Ivan Marx e está pendente de homologação pelo juiz Ricardo Leite, da 10a Vara Federal em Brasília.

Pelo acerto, Mantega se compromete a colaborar com a investigação, com a entrega de documentos e, se necessário, abrindo seu sigilo. Em troca, ele evita a prisão durante a investigação.

Sob o nome de “termo de ciência e compromisso”, esse acordo NÃO é uma delação, uma vez que ele não admite crimes.

Como o BuzzFeed News revelou, o empresário Joesley Batista disse em seu depoimento que fez pagamentos a pessoas ligadas a Mantega e que o apoio do ex-ministro foi decisivo para viabilizar os negócios do BNDES.

Esse é o segundo movimento que Mantega faz para evitar a prisão. À Justiça, ele já admitiu que, quando era ministro mantinha uma conta secreta na Suíça, com US$ 600 mil que ele diz ter recebido da venda de um imóvel herdado do pai. (SIm, um ministro da Fazenda que sonegava imposto).

Mantega chegou a ter a prisão determinada na Lava Jato pelo juiz Sergio Moro, mas foi revogada no mesmo dia em razão do estado de saúde da mulher do ex-ministro.

Desde então, Mantega teme levar o mesmo destino dos colegas de partido José Dirceu e Antonio Palocci.

A delação da JBS e as investigações no BNDES fizeram o ministro acelerar o acordo com o Ministério Público para escapar da prisão.

O BuzzFeed News não conseguiu contato com a defesa de Mantega. A assessoria do Ministério Público Federal em Brasília disse que não comenta porque a investigação é sigilosa.

Veja também:

PF investiga fraudes no BNDES em favor da JBS

Filipe Coutinho é repórter do BuzzFeed News, em Brasília

Contact Filipe Coutinho at filipe.coutinho@buzzfeed.com.

Severino Motta é repórter do BuzzFeed News, em Brasília

Contact Severino Motta at severino.motta@BuzzFeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil?

Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.