• newsbr badge

12 fotos (dos últimos dez dias) que explicam o que está acontecendo na Amazônia

A Floresta Amazônica está em chamas, mas ainda há maneiras de ajudar.

Ueslei Marcelino / Reuters

Nuvem de fumaça durante um incêndio em uma área da Floresta Amazônica perto de Humaitá, no Amazonas, em 17 de agosto.

Ela é chamada de "os pulmões do planeta".

A vasta Floresta Amazônica, lar de algumas das mais incomuns espécies de plantas e animais, produz 20% do oxigênio do mundo e é crucial para fazer da Terra um lugar habitável. Mas a exuberante floresta tropical, que absorve grande parte da poluição do efeito estufa da humanidade, tem sido alvo de um ataque sem precedentes este ano.

O discurso do presidente Jair Bolsonaro, que fala em acelerar o desenvolvimento na região amazônica, está gerando sérias preocupações entre os ambientalistas. Nos últimos 50 anos, cerca de um quinto da floresta tropical foi perdido devido ao desmatamento. Os cientistas estimam que, se perdermos mais 20% desse habitat exuberante, pode ocorrer uma série catastrófica de eventos conhecidos como retração florestal, no qual a floresta seca e é mais suscetível a incêndios e secas.

O INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), responsável pelo monitoramento de incêndios e desmatamento, registrou um número recorde de incêndios este ano. Até 20 de agosto, foram registrados 74.155 incêndios — um aumento de 84% em relação ao mesmo período do ano passado — e a fumaça dos incêndios fez o dia parecer noite em São Paulo. Tanto o desmatamento quanto a mineração aumentaram.

Já passamos por isso antes, na década de 1980, e ainda há algumas coisas que podem ser feitas, além de participar de protestos. Você pode fazer uma doação para uma instituição de caridade respeitada, encarregada de proteger a floresta tropical. Você pode comprar produtos de papel que são endossados pela Rainforest Alliance. Você pode parar de comer carne bovina, já que a indústria pecuária brasileira contribui para o desmatamento cortando florestas para convertê-las em pastos para os animais. Você pode pedir às empresas que não apoiem atividades que promovam o desmatamento.

Enquanto isso, aqui vai uma visão de como a Amazônia está neste momento.

Ueslei Marcelino / Reuters

Nuvem de fumaça durante um incêndio em uma área da floresta amazônica perto de Porto Velho, Rondônia, Brasil, em 21 de agosto.

NASA / AP

Esta imagem de satélite fornecida pela NASA em 13 de agosto mostra vários incêndios na floresta amazônica brasileira.

J.F. Diorio / AP

Nevoeiro e céu escuro na Avenida Paulista, em São Paulo, na tarde de 19 de agosto.

Corpo De Bombeiros De Mato Grosso / AP

Nesta foto tirada em 20 de agosto por um drone e divulgada pelo Corpo de Bombeiros de Mato Grosso, incêndios florestais queimam no município de Guarantã do Norte, Brasil.

Ueslei Marcelino / Reuters

Um lote desmatado da Amazônia perto de Porto Velho, em 21 de agosto.

Adriano Machado / Reuters

Um pássaro é visto empoleirado em uma árvore devastada por um incêndio no Centro-Oeste, em 21 de agosto.

Adriano Machado / Reuters

Uma visão da devastação causada por um incêndio no Centro-Oeste, em 21 de agosto.

Ueslei Marcelino / Reuters

Nuvem de fumaça durante um incêndio em uma área da Floresta Amazônica perto de Humaitá, no Amazonas, em 14 de agosto.

Ueslei Marcelino / Reuters

O lago da hidrelétrica de Samuel, em uma área perto de Porto Velho, em 21 de agosto.

Ueslei Marcelino / Reuters

Um lote desmatado perto de Porto Velho, em 21 de agosto.

Corpo De Bombeiros De Mato Grosso / AP

Nesta foto tirada em 20 de agosto por um drone e divulgada pelo Corpo de Bombeiros de Mato Grosso, incêndios florestais no município de Guarantã do Norte.


Este post foi traduzido do inglês.

Kate Bubacz is the Photo Director for BuzzFeed News and is based in New York.

Contact Kate Bubacz at kate.bubacz@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here

Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, que o reconhecem e identificam como um usuário único, para garantir a melhor experiência de navegação, personalizar conteúdo e anúncios, e melhorar o desempenho do nosso site e serviços. Esses Cookies nos permitem coletar alguns dados pessoais sobre você, como sua ID exclusiva atribuída ao seu dispositivo, endereço de IP, tipo de dispositivo e navegador, conteúdos visualizados ou outras ações realizadas usando nossos serviços, país e idioma selecionados, entre outros. Para saber mais sobre nossa política de cookies, acesse link.

Caso não concorde com o uso cookies dessa forma, você deverá ajustar as configurações de seu navegador ou deixar de acessar o nosso site e serviços. Ao continuar com a navegação em nosso site, você aceita o uso de cookies.