back to top

Uma semana após Snap estrear na Bolsa, Facebook lança clone do Snapchat Stories no Messenger

Outro movimento implacável da empresa de Mark Zuckerberg.

publicado

Uma semana após o Snap ter tido uma ótima performance com sua oferta pública inicial de ações (IPO) na Bolsa de Valores de Nova York, o Facebook atacou a jugular da concorrente.

A empresa apresentou, nesta quinta-feira (9), mais uma cópia do recurso Stories do Snapchat, desta vez para o seu popular app Facebook Messenger e para os seus 1 bilhão de usuários.

Chamado de Messenger Day, o novo recurso, que permite que os usuários postem fotos e trechos de vídeos de seu dia em atualizações que aparecem no topo do app, está sendo lançado globalmente para usuários de Android e iOS a partir desta quinta.

A ação pode minar ainda mais as perspectivas de crescimento do Snap, visto que a empresa só recentemente passou a ser negociada na Bolsa de Valores de Nova York. Como o BuzzFeed News noticiou em fevereiro, com a introdução do Stories no Instagram, já havia diminuído o tempo gasto por usuários no Snap em comparação ao Instagram em dispositivos Android

Com a adição do Messenger Day, o Facebook agora oferece três produtos principais com cópias óbvias do Stories do Snapchat: o Instagram (600 milhões de usuários), o WhatsApp (1,2 bilhão de usuários) e agora o Messenger (1 bilhão de usuários).

O Facebook também está testando uma versão de Stories em seu aplicativo principal que conta com 1,82 bilhão de usuários. O Snapchat, em comparação, tem 158 milhões de usuários diários.

Embora tenha fornecido uma câmera rica em recursos, cheia de lentes divertidas e adesivos parecidos com aqueles em que o Snapchat construiu seu sucesso, o Messenger anteriormente não oferecia um meio do público compartilhar amplamente as fotos e os vídeos criados nele. Agora, graças a mais uma cópia descarada do Snap, ele oferece. O Facebook está testando o Messenger Day desde o último outono (primavera, aqui no Brasil).

A empresa-mãe do Snapchat, a Snap Inc., permanece em silêncio sobre a cópia do seu recurso pelo Facebook, com exceção de um reconhecimento no lançamento do seu IPO onde dizia que a empresa "pode ser diretamente competitiva".

A modelo Miranda Kerr, noiva do CEO da Snap, Evan Spiegel, no entanto, age diferentemente. "Como eles conseguem dormir à noite?", disse Miranda a respeito do Facebook em fevereiro deste ano em uma entrevista. "Quando você copia algo diretamente de alguém, isso não é inovação."

O Facebook parece estar bem despreocupado diante de tais acusações. Perguntado sobre qual era a sua opinião sobre as acusações de plágio feitas por um rival emergente, um porta-voz da empresa ofereceu uma declaração que era basicamente um encolher de ombros.

"A maneira como as pessoas compartilham hoje é diferente da que era há cinco ou mesmo dois anos, não apenas em nossa plataforma, mas em qualquer plataforma de mídia social", disse. "O formato do Stories é popular e vimos que ele funciona em uma variedade de contextos. Agora estamos disponibilizando-o da forma que achamos que as pessoas que usam o Messenger vão gostar. Assim como o News Feed se tornou um formato padrão do segmento para exibir atualizações de várias pessoas ou fontes, o formato de estilo do Stories, que permite que as pessoas postem uma coleção de fotos e vídeos rápidos do seu dia de forma efêmera, é agora uma maneira proeminente que as pessoas querem compartilhar. "

Embora o "formato do estilo do Stories" seja de fato um novo método proeminente de compartilhamento, ele é proeminente em várias plataformas em grande parte porque o Facebook o trouxe para muitas de suas próprias plataformas. E embora o gigante social tenha sido rápido em dar crédito ao Snapchat pelo desenvolvimento do Stories, desde então, abandonou essa atitude. Pressionado sobre a influência do Snapchat durante o lançamento do "Status" (inspirado pelo Snapchat) no WhatsApp, por exemplo, um gerente de produto do WhatsApp disse apenas: "Eu não acho que o formato existe em apenas um aplicativo no ponto em que chegamos."

Vale a pena notar que o Facebook está lançando o Messenger Day com um forte aceno para os influenciadores e criadores de mídia social que conseguiram muitos seguidores no Snapchat, mas que recentemente ficaram desiludidos com a falta de suporte técnico da plataforma e com a dificuldade em fazer buscas de seu conteúdo na plataforma. Como parte de seu plano de lançamento para o Messenger Day, o Facebook está promovendo vários influenciadores digitais. O tom está implícito: há um lar para vocês no Messenger.

Do ponto de vista financeiro, a introdução de um clone do Stories do Snapchat para o Messenger poderia ser uma bênção para o Facebook, que ainda tem de fazer receitas significativas com o Messenger. Dito isto, a empresa disse que não tem planos imediatos de vender publicidade dentro do Messenger Day, embora o recurso pareça um bom candidato para gerar interesse de anunciantes.

Este post foi traduzido do inglês.

Alex Kantrowitz is a senior technology reporter for BuzzFeed News and is based in San Francisco. He reports on social and communications.

Contact Alex Kantrowitz at alex.kantrowitz@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.