back to top

13 mitos sobre a perda de peso que ninguém mais deveria acreditar

Começando pelo mito de que você sempre precisa perder peso.

publicado

Quando o assunto é perder peso, não faltam dicas sobre como fazer isso ou por que você deveria querer emagrecer.

Diana Pietrzyk / Via giphy.com

Mas o que praticamente não existe é a análise crítica dessas dicas e desses truques. Por exemplo, elas são coisas física e emocionalmente saudáveis de se fazer? Além disso, funcionam ou não?

Da mesma forma, quase nunca é contestada a cobrança social pela perda de peso, em primeiro lugar.

Por isso, o BuzzFeed Health entrou em contato com alguns nutricionistas, personal trainers e treinadores, todos certificados nos EUA, para saber quais mitos sobre esse assunto ainda persistem e que eles gostariam que tivessem fim.

Eis o que eles disseram:

1. O mito de que você sempre precisa perder peso.

"Eu conheci muitos clientes ao longo dos anos que estão eternamente '2 kg acima do seu peso ideal'. Mesmo depois que eles chegam perto desse ideal arbitrário, os objetivos mudam. É como se fosse o purgatório da perda de peso – uma mentalidade de que o corpo é uma constante decepção. Se nós vivêssemos em um mundo onde não existisse discriminação por conta do corpo ou do peso, como seria nosso relacionamento com a perda de peso? Eu sei que essa realidade não existe em grande escala, mas podemos lutar para criar esse mundo para nós mesmos? Sim. Podemos. E eu diria que essa batalha é extremamente importante."

—Rob Sulaver, treinador-fundador da Rumble Boxing e da Bandana Training

Publicidade

2. O mito de que certos alimentos queimam gordura ou aceleram seu metabolismo.

@damnthediets / Via instagram.com

"AS MELHORES COMIDAS PARA QUEIMAR GORDURA
1. Não
2. Existem
3. Comidas
4. Que
5. Queimam
6. Gordura
7. Para de
8. Ler
9. Listas
10. Estúpidas"

"Eu não suporto quando até mesmo redes respeitadas proclamam que nós deveríamos comer esses alimentos para 'queimar gordura' e 'acelerar nosso metabolismo'. Esse é o melhor exemplo de como ciência é distorcida.

Alguns alimentos — como água gelada ou pimenta — tendem a aumentam a taxa metabólica. Porém, esse não é o fim da história. A proporção na qual eles aumentam seu metabolismo é minúscula — são mais ou menos cinco calorias — e isso é passageiro, o efeito acaba rapidamente depois que você consome o alimento.

Além disso, quantas pimentas você acha que vai comer?

Toda vez que você vir um manchete sobre nutrição, o ideal é você avaliar a fonte, ou ainda melhor, ler a própria pesquisa por trás dela."

—Abby Langer, nutricionista certificada, Abby Langer Nutrition

3. O mito de que as dietas voltadas para a perda de peso realmente funcionam.

@buffalodietitian / Via instagram.com

"REVIRAVOLTA: talvez comer cookies não fosse trair minha dieta. Talvez fazer uma dieta fosse trair meus cookies."

"Eu acho que o maior mito sobre perda de peso é o de que as dietas de perda de peso funcionam. Embora elas possam funcionar a curto prazo, elas não funcionam para manter a perda de peso no longo prazo. Isso porque a maioria das dietas de perda de peso não são balanceadas e cortam grupos alimentares inteiros (baixo carboidrato/zero carboidrato, por exemplo), o que não é realístico para as pessoas adotarem para o resto de suas vidas. Assim que a pessoa termina a dieta, ela recupera o peso. Além disso, cortar grupos alimentares inteiros não é saudável no longo prazo!"

—Anjali Shah, treinador de saúde certificado e fundador da The Picky Eater

"A realidade é que 95% das pessoas recuperam o peso em um período de cinco anos após fazerem uma dieta. Nós precisamos parar de prescrever uma intervenção que não tem evidência de ser sustentável."

—Aaron Flores, nutricionista certificado, prática particular, Calabasas, EUA, e cofundador da Dietitians Unplugged

4. O mito de que todo mundo deveria parar de comer carboidratos.

@fat2fitwcrossfit / Via instagram.com

"Quando você corta os carboidratos e o açúcar da sua dieta:
– Eu comi a parede."

"A vasta maioria das pessoas perde peso melhor com uma dieta que NÃO tem baixo carboidrato. Sim, eu vi os fatos com meus próprios olhos e testei isso com 30 dos meus próprios clientes. Na minha experiência, as pessoas perdem peso melhor em uma dieta com pelo menos 45% de carboidrato. Na minha prática de treinamento pessoal, eu testemunhei clientes dobrando o consumo de carboidratos e finalmente começando a perder peso."

Holly Perkins, autora de Lift to Get Lean e fundadora da Women’s Strength Nation

5. O mito de que você precisa se exercitar muito e fazer esforço extremo o tempo todo.

Fox / Via instagram.com

"Quando você mostra para seu parceiro de treino a sala em que faz exercícios cardiovasculares:

– É aqui que eu venho para chorar.
– Legal."

"As pessoas sempre querem resultados rápidos e imediatos, então optam por levar tudo ao extremo e por fazer coisas que não são sustentáveis. Ou seja, fazem coisas difíceis de se manter em uma vida normal.

Por exemplo, circuitos antes do trabalho ou boxe depois do trabalho seis vezes por semana.

As pessoas tendem a fazer aquilo que é extremo por um tempo, talvez vejam alguns resultados, mas nada que seja enorme, e desgastam seu corpo no processo. Então, elas chegam à conclusão de que exercícios não funcionam.

O certo são pequenas mudanças ao longo do tempo — é disso que seu corpo precisa e é com isso que ele funciona bem.

—Albert Matheny, nutricionista certificado, cofundador do SoHo Strength Lab e conselheiro da Promix Nutrition

6. O mito de que existe uma dieta que é "a certa", "a melhor" ou "a perfeita", e você só precisa descobrir qual é.

Twitter: @pakalupapito

"eu tomando chá verde: isso vai solucionar tudo."

"Isso é pensamento mágico — que se você descobrir a combinação ideal de nutrientes, ou alimentos/'superalimentos', ou método de se alimentar, então, de alguma forma, tudo vai mudar e você vai ser completamente transformado. Você nunca mais vai sentir fome. Você vai sempre ter energia. Você vai acabar com suas dores. Curar o câncer. Vencer a morte. Basicamente, evitar a realidade em todas as suas formas.

Em vez disso, eu sugiro aos pacientes adotarem uma abordagem adulta à saúde e à boa forma, uma abordagem que reconheça complexidade e realidade. Nossos corpos e nossas vidas são coisas complicadas.

Para ser eficaz ao máximo na mudança, precisamos ser calmos e maduros, aceitando que não existe perfeição e que você não deve correr atrás dela. Tudo que podemos fazer é tentar dar pequenos passos em direção aos nossos objetivos, e repetir esses passos todos os dias."

—Krista Scott-Dixon, diretora de educação, Precision Nutrition

Publicidade

7. O mito de que, se o exercício não parece impossível e entediante, provavelmente não funciona.

Mike Hinson / Via buzzfeed.com

"Este é o momento em que eu morro."

"Tente participar de uma aula de dança, patinação, remo, natação e outros. Os exercícios não são rigidamente limitados às atividades dentro da academia."

Anowa Adjah, dona e CEO da Anowa Adjah Works

8. O mito de que a perda de peso é o melhor motivo para se exercitar.

@combinefitness209 / Via instagram.com

"A quanto tempo eu estou na esteira?
*Olha* 0:01:15"

"Um dos equívocos sobre a perda de peso é que ela é o resultado ou benefício mais importante da atividade física. Ela é UM dos resultados, mas não é o único, e, na maioria dos casos, não é o mais importante. Existe uma gama de benefícios para a nossa saúde física, saúde mental e bem-estar geral que se estendem muito além dos benefícios estéticos que a sociedade nos faz desejar.

Prevenção de doenças crônicas, maior saúde mental, ossos e músculos mais fortes e prevenção de morte prematura estão entre alguns dos benefícios da atividade física regular. Claro, perda/controle do peso também pode ser um resultado, mas eu acho que seria sábio para nós mudarmos o foco para esses benefícios de longo prazo e com potencial para salvar uma vida.

Não é SÓ perda de peso."

Shauna Harrison, PhD, treinadora da Bay Area, diretora criativa e atleta de estilo de vida, Zenrez, professora de ioga, embaixadora da marca

9. O mito de que existe uma hora "certa" do dia para se exercitar e obter os melhores resultados.

Twitter: @CaseyGueren

"Razões pelas quais eu estou atrasada para o treino da manhã:
1. Sono
2. Filhotinho do lado de fora do mercado querendo companhia."

"Quando as pessoas me perguntam: 'Qual é a melhor hora para se exercitar?', minha resposta é: 'Qual é a melhor hora para VOCÊ?'

Faça a si mesmo(a) estas três perguntas: a que horas é possível eu me exercitar durante o meu dia? Quando eu posso me exercitar com mais intensidade? A que horas o exercício mais faz eu me sentir bem durante o dia? Estruture seus treinos com base nas respostas a essas perguntas.

Se você levanta peso melhor às 6 da manhã do que às 6 da tarde, vá em frente! Se você quer fazer uma corrida à 1 da tarde para dar a si mesmo(a) uma dose extra de energia para aquele cansaço das 3 da tarde, faça isso! Se o único horário que você tem no seu dia é às 8 da noite, depois de terminar um dia absurdamente longo no trabalho, então essa é a SUA hora. Faça o que é melhor para você. A sua hora é sempre a melhor hora."

—Erica Giovinazzo, nutricionista certificada, treinadora de CrossFit e gerente da BRICK Los Angeles

10. O mito de que você precisa evitar ou restringir determinados alimentos.

@swme1406 / Via instagram.com

"Quando você está tentando ser saudável, mas os demônios ainda te assombram"

"Você não precisa cortar comidas que você ama para ser saudável. E, na verdade, tentar evitar esses alimentos provavelmente só vai fazer com que você se esbalde neles mais tarde; não é sustentável a longo prazo. Eu sempre trabalho com meus clientes falando daquilo que eles podem acrescentar às suas dietas, em vez do que eles devem tirar. Por exemplos, mais verduras! Ou mais equilíbrio em determinadas refeições, para que eles não fiquem com fome de novo uma hora depois. Comer com saúde e realmente apreciar a comida não precisam ser mutuamente exclusivos."

—Anne Mauney, mestre em saúde pública, nutricionista certificada, da fANNEtasticfood.com

11. O mito de que a balança sempre fornece informações úteis.

@ellas_leap_of_faith / Via instagram.com

"Você nunca ficará satisfeito(a) com o número que mostro."

"Ao tentar fazer mudanças na composição do corpo, é melhor prestar mais atenção à forma como suas roupas se ajustam, que é um indicador melhor de perda de gordura, e é exatamente o que as pessoas querem dizer quando buscam perder peso. Além disso, de uma perspectiva de saúde, perder gordura (em oposição a perder músculos e água) é o ideal. Mas a balança só mede o peso do seu corpo, não mede quanta gordura, músculo ou água têm nele."

—Ben Sit, nutricionista certificado, presidente da Evolved Sport and Nutrition

Publicidade

12. O mito de que você deveria comer exatamente a mesma quantidade (pequena) de comida todos os dias da sua vida.

@kezwink / Via instagram.com

"Olhe toda essa comida que não posso comer"

"As pessoas muitas vezes acham que comer com saúde ou controlar o peso precisa ser feito de maneira leve, sacrificante e com porções pequenas em 100% do tempo. Mas, na verdade, a vida é cheia de altos e baixos, e sua dieta também. Um dia, você pode querer comer muito acima das suas necessidades calóricas (como no seu aniversário!) e, no dia seguinte, você talvez queira uma vitamina e uma salada. O mesmo padrão pode se aplicar por semanas de cada vez — um período comendo mais, seguido por um período comendo menos. Eu chamo isso de Efeito da Linha Torta. A vida saudável é fluída, e você precisa seguir o fluxo."

—Kath Younger, nutricionista certificada, fundadora da Kath Eats Real Food

13. O mito de que você pode "iniciar" sua perda de peso com uma dieta que "limpa" o organismo.

@goodvibes0712 / Via instagram.com

"A única coisa que essa dieta de sucos limpou foi minha vontade de viver"

"Os publicitários por trás disso tentam nos fazer acreditam que "limpar" nosso corpo de dentro para fora vai, de alguma forma, iniciar um novo estilo de vida saudável, como se estivéssemos organizando a sala para recomeçar. Mas a realidade é que a melhor saúde é conquistada ao longo do tempo, e nenhum ingrediente único ou conjunto de ingredientes (limão, vinagre, pimenta-caiena, ervas, suco verde) vai ter um impacto significativo na nossa capacidade de perder peso. Se quisermos perder peso e não recuperar esses quilos, precisamos mudar nossos hábitos alimentares e estilo de vida em geral, e por um longo tempo. Infelizmente, não existem atalhos."

Amelia Winslow, MS, mestre em saúde pública, criadora do Eating Made Easy

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil no seu celular? Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.

Este post foi traduzido do inglês.

Em parceria com

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss