back to top

10 fatos assustadores sobre animais bonitinhos que vão arruinar o seu conceito de fofura

Sinto muito.

publicado

Na verdade, eles são predadores agressivos e machos participam regularmente de estupros em grupo.

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com
Publicidade

Eles também são super nervosos e gostam de apunhalar uns aos outros com "dardos de amor" durante o sexo.

Peer_marlow / Getty Images

Esses "dardos amorosos" são estruturas de cálcio pontudas que permanecem ligadas ao atirador e unem os dois amantes pegajosos. Como você poderia esperar, disparar coisas pontudas como preliminares pode ser perigoso, e esses dardos de amor muitas vezes perfuram os órgãos internos dos caracóis fornicantes.

Bem, elas também estupram filhotes de foca, o que normalmente resulta na morte da foca.

Len Jellicoe / Getty Images

Lontras macho são conhecidas por montar em filhotes de foca. Devido ao fato de a cópula das lontras consistir em o macho afundar a cabeça da fêmea debaixo d'água, esse ato também costuma resultar no afogamento do filhote de foca (e, às vezes, da lontra fêmea, também). Às vezes, as lontras macho são conhecidas por continuar montando no corpo da foca morta por até uma semana após sua morte.

Publicidade

E os filhotes de coala não conseguem digerir o veneno nas folhas de eucalipto – a única coisa que coalas comem – da mesma forma que os coalas adultos, então eles comem as fezes de suas mães.

Appfind / Getty Images

Bem, não exatamente fezes, mas dejetos um pouco menos digeridos – papa fecal. Direto de sua cloaca.

Publicidade

Bem, eles são lindos, mas eles conhecem o sabor do osso humano.

Lauren A. Meckel / Journal of Forensic Sciences

Veados têm sido conhecidos por comer todos os tipos de animais – incluindo pássaros, coelhos e até mesmo restos humanos, como ilustrado acima. A razão pela qual eles fazem isso é provavelmente porque eles têm certos nutrientes em falta, como fósforo e sal. Eles não são realmente os herbívoros inofensivos que percebemos, mas omnívoros oportunistas.

Pois eles transmitem lepra. Se você tocar em um infectado, poderá pegar a doença.

Joesboy / Getty Images

Poucos animais transmitem a lepra, pois é um patógeno que só pode sobreviver a uma temperatura muito específica – ou seja, a temperatura do corpo humano. A temperatura corporal do tatu é notavelmente próxima dessa, o que é uma pena para eles, porque foi assim que os humanos, na verdade, passaram a doença para eles há cerca de 400 anos. Eles estão retornando o favor.

Publicidade

Sim, tudo bem, mas eles também precisam nutricionalmente comer o próprio cocô.

Getty Images

Eles digerem alimentos tão rapidamente que nem todos os nutrientes são absorvidos, e alguns de seus resíduos ainda contém nutrientes. Então os coelhos começam suas manhãs com uma boa dose de fezes macias e nutritivas, diretamente consumidas do ânus. Francamente, isso é muito inteligente – eles estão apenas reciclando a comida.

Publicidade

Bem, desculpe por arruinar tudo o que você sabe, querido, mas sim. Se a única fêmea dominante em um grupo de peixe-palhaço morre, o macho mais dominante desenvolverá órgãos reprodutivos femininos, e se reproduzirá com os outros peixes do sexo masculino no grupo que são, muitas vezes, sua descendência.

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

Todos os peixes-palhaço são hermafroditas, o que significa que eles nascem machos e, mais tarde, podem se tornar fêmeas.

Este post foi traduzido do inglês.