back to top

O chefe desta mulher teve uma atitude incrível quando ela avisou que tiraria uma folga para sua saúde mental

Saúde mental É saúde.

publicado

Nesta semana, Parker compartilhou uma experiência que teve com seu chefe, Ben Congleton, depois de ter comunicado que iria tirar um dia de folga para sua "saúde mental".

When the CEO responds to your out of the office email about taking sick leave for mental health and reaffirms your… https://t.co/KLfhpXNBfB

"Quando o CEO responde ao seu e-mail de aviso de licença médica para cuidar da saúde mental reafirmando sua decisão

Olá time,
Separei hoje e amanhã para me focar em minha saúde mental. Se tudo der certo, estarei de volta na semana que vem renovada e 100%
Obrigada, Madalyn

Olá Madalyn,
Eu só queria agradecer pessoalmente a você por mandar e-mails como este. Toda vez que você faz isso, eu lembro da importância de usar nossos dias de licença médica para nossa saúde mental — não acredito que isso ainda não é prática comum em todas as organizações. Você é um exemplo para todos nós, ajudando a acabar com um estigma para que possamos dar o nosso melhor no trabalho."

Publicidade

O CEO da Olark, Ben Congleton, respondeu ao e-mail de Parker escrevendo:

"Olá Madalyn,

Eu só queria agradecer pessoalmente a você por mandar e-mails como este. Toda vez que você faz isso, eu lembro da importância de usar nossos dias de licença médica para nossa saúde mental — não acredito que isso ainda não é prática comum em todas as organizações. Você é um exemplo para todos nós, ajudando a acabar com um estigma para que possamos dar o nosso melhor no trabalho."

A resposta de Congleton atraiu o apoio de muitas pessoas no Twitter e deixou Parker impressionada. Seu tweet foi compartilhado quase 12.000 vezes.

Madayln Parker

"Estou completamente passada com a repercussão!", disse Parker ao BuzzFeed. "Estou felicíssima por ajudarmos a aumentar a conscientização e a normalizar questões sobre transtornos mentais. Precisamos acabar com o estigma!"

Alguns se perguntaram por que Parker sentiu a necessidade de especificar que estava tirando um dia para sua "saúde mental", mas como ela explicou:

Twitter: @madalynrose

"Fui específica para dar o exemplo e para a minha equipe saber que eles podem se sentir à vontade para tirar licença para sua saúde mental, mesmo que não digam."

E Parker compartilhou que cuidar da própria saúde é um valor organizacional da Olark.

Twitter: @madalynrose

"Em mais de uma ocasião me perguntaram o que eu faria para cuidar de mim mesma depois de um dia estressante. Eles realmente se importam comigo"

Depois que Parker compartilhou sua história, algumas pessoas começaram a compartilhar suas experiências positivas sobre saúde mental no trabalho...

@madalynrose @chowspecial Once IMed my boss: Me: Gotta go. Panic attack. Boss: omg. Go. Whiskey in the supply room if you need it.

"Uma vez com o meu chefe.
Eu: Preciso ir. Ataque de pânico.
Chefe: Meu deus. Vá. Tem whiskey no almoxarifado, se precisar."

Publicidade

...e algumas experiências não tão positivas.

@madalynrose Any jobs going where you work? So rare. I left a mental health charity once bc HR wanted to know in ad… https://t.co/8pHKvVmzn7

"Alguma vaga onde você trabalha? É tão raro [este tipo de atitude]. Eu já deixei uma empresa porque o RH queria saber com antecedência quando eu teria um ataque de pânico."

Outras pessoas simplesmente expressaram quanta esperança a história de Parker havia dado a elas.

@madalynrose @plasmagicas I'm gonna have to start job hunting soon and I'm mentally ill & have panic attacks. Thank… https://t.co/v1sgWLmWtK

"Eu vou começar a procurar emprego em breve e sou mentalmente doente e tenho ataques de pânico. Obrigada por me dar esperança de que posso encontrar um trabalho como sou."

Impressionado com as respostas, Congleton escreveu uma matéria na Medium, explicando por que os patrões devem se preocupar com a saúde mental de seus funcionários.

Olark

"Estamos em 2017. Estamos em uma economia de conhecimento. Nossos trabalhos exigem o máximo de desempenho mental", escreveu. "Quando um atleta se machuca, ele se senta no banco e se recupera. Precisamos acabar com a ideia de que isso não funciona para o cérebro."

Parker espera que, ao compartilhar sua história, ajude a diminuir o estigma sobre a saúde mental, mesmo que só um pouco.

Madalyn Parker

"Eu queria que mais pessoas entendessem que saúde mental *é* saúde! As pessoas não podem esperar que você faça um bom trabalho se estiver passando mal a ponto de não conseguir comer nem dormir", disse. "Sintomas mentais não significam sintomas inválidos".

Este post foi traduzido do inglês.

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss