back to top

J.K. Rowling fez uma ótima observação sobre as palavras usadas para criticar as mulheres na política

"Se você não consegue discordar de uma mulher sem recorrer a todos esses insultos velhos e sujos, que se dane você e sua política."

publicado

J.K. Rowling não é estranha a uma boa polêmica no Twitter, mas, na última sexta-feira (9), ela deu um passo a mais ao escrever sua opinião sobre as palavras que utilizamos ao criticar mulheres na política.

Just unfollowed a man whom I thought was smart and funny, because he called Theresa May a whore. 1/14

"Acabei de deixar de seguir um homem que eu achava inteligente e engraçado porque ele chamou Theresa May [premiê britânica] de vadia. 1/14"

Rowling começou dizendo que tinha acabado de deixar de seguir um homem no Twitter depois de ele ter chamado a primeira ministra do Reino Unido, Theresa May, de "vadia".

Depois, fez uma crítica contundente aos homens que se dizem "progressistas", mas que ainda recorrem a xingamentos sexistas para criticar as mulheres.

Abaixo, todo o thread de Rowling:

"Se você não consegue discordar de uma mulher sem recorrer a todos esses insultos velhos e sujos, que se dane você e sua política. 2/14"

If you can’t disagree with a woman without reaching for all those filthy old insults, screw you and your politics. 2/14

"Estou cansada de homens 'progressistas' cujas máscaras caem todas as vezes em que uma mulher os desagrada e que recorrem imediatamente a palavras brutas e humilhantes 3/14"

I’m sick of ‘liberal’ men whose mask slips every time a woman displeases them, who reach immediately for crude and humiliating words 3/14

Publicidade

"associadas ao feminino, [homens que] agem como misóginos da velha guarda e depois se portam como se tivessem sido corajosos. 4/14"

associated with femaleness, act like old-school misogynists and then preen themselves as though they’ve been brave. 4/14

"Quando você faz isso, Sr. Cara Progressista Gente Boa, você se alinha, querendo ou não, com os homens que mandam às mulheres imagens pornográficas violentas 5/14"

When you do this, Mr Liberal Cool Guy, you ally yourself, wittingly or not, with the men who send women violent pornographic images 5/14

"e ameaças de estupro, [homens] que tentam por todos os meios possíveis intimidar as mulheres para fora da política e dos espaços públicos, tanto reais quanto digitais. 6/14"

and rape threats, who try by every means possible to intimidate women out of politics and public spaces, both real and digital. 6/14

"'Boceta', 'vadia' e, naturalmente, estupro. Somos muito feias para ser estupradas, ou precisamos ser estupradas ou precisamos ser estupradas e mortas. 7/14"

‘Cunt’, ‘whore’ and, naturally, rape. We’re too ugly to rape, or we need raping, or we need raping and killing. 7/14

Publicidade

"Toda mulher que eu conheço que ousou expressar uma opinião publicamente já sofreu esse tipo de abuso ao menos uma vez, 8/14"

Every woman I know who has dared express an opinion publically has endured this kind of abuse at least once, 8/14

"[abuso] que está enraizado na aparente determinação de humilhá-la ou intimidá-la na base de que ela é mulher. 9/14"

rooted in an apparent determination to humiliate or intimidate her on the basis that she is female. 9/14

"E se você quiser saber o quanto piora se também acontece de você ser negra ou gay, pergunte à Diane Abbot [parlamentar britânica] ou Ruth Davidson [parlamentar escocesa]. 10/14"

If you want to know how much fouler it gets if you also happen to be black or gay, ask Diane Abbot or Ruth Davidson. 10/14

"Não me importa se estamos falando de Theresa May [premiê britânica] ou Nicola Sturgeon [primeira-ministra da Escócia] ou Kate Hooey [política britânica] ou Yvette Cooper [política britânica] ou Hillary Clinton [ex-candidata democrata à Presidência dos EUA] : 11/14"

I don’t care whether we’re talking about Theresa May or Nicola Sturgeon or Kate Hooey or Yvette Cooper or Hillary Clinton: 11/14

Publicidade

"o feminino não é um defeito. Se sua resposta imediata a uma mulher que te desagrada 12/14"

femaleness is not a design flaw. If your immediate response to a woman who displeases you 12/14

"é chamá-la de um sinônimo da vulva dela, ou a comparar a uma prostituta, então pare de fingir e assuma: você não é progressista. 13/14"

is to call her a synonym for her vulva, or compare her to a prostitute, then drop the pretence and own it: you’re not a liberal. 13/14

"Você só está a alguns passos de um cara que se esconde atrás do desenho de um sapo*. 14/14"

You’re a few short steps away from some guy hiding behind a cartoon frog. 14/14

*referência ao meme do 'Sapo Pepe'. Há anos, a imagem é usada por neonazistas e integrantes da extrema direita na internet.

Muitas pessoas concordaram com o thread.

This whole thread is dead on. Too many "liberal" men resort to sexist insults when a woman does something they disl… https://t.co/Ad7N2gU8R9

"Toda essa thread acerta no ponto. Muitos homens "progressistas" recorrem a xingamentos sexistas quando uma mulher faz algo que eles não gostam."

Publicidade

I've met guys who consider themselves progressive, but who also default to this sort of behavior to minimize women.… https://t.co/qCibnq4qXK

"Conheci homens que se consideram progressistas, mas que também recorrem a esse tipo de comportamento para diminuir as mulheres. Bem notado, Sra. Rowling."

O mesmo tipo de reação também costuma afetar pessoas imigrantes e negras, que geralmente ouvem um "volte para [coloque aqui algum país estrangeiro]", apontou uma mulher no Twitter.

Yes. This thread. Add to it, for some of us, being told to "go back to [fill in some foreign country]." https://t.co/JnOz4KHGfs

"Sim. Esta thread. Some a ela, para alguns de nós, ouvir 'volte para [complete com o nome de algum país estrangeiro]."

O perfil da página Dictionary.com [Dicionário.com] também participou, apontando o poder das palavras para "empoderar e inspirar, esclarecer e tornar humilde", mas, também "degradar, manipular e aterrorizar."

Words are powerful. They can empower & inspire, enlighten & humble. But they can also degrade, manipulate & ter… https://t.co/grBnAQleln

"Palavras são poderosas.
Elas podem empoderar & inspirar, iluminar & tornar humilde.
Mas também podem degradar, manipular & aterrorizar.
Escolha com sabedoria."

"Nós podemos discordar politicamente sem precisar apelar para a misoginia, o racismo, a religião ou a aparência", resumiu uma pessoa. "Seja melhor do que isso."

Important thread. We can disagree politically without resorting to mysogyny, racism, religion, or appearance. Be… https://t.co/a7LXHiaoAm

Este post foi traduzido do inglês.