8 de mar de 2018

    Momentos que não postamos no Instagram

    "Ninguém quer falar publicamente sobre seus pensamentos impuros, transtornos de ansiedade ou seus desejos mais selvagens, pois tememos ser julgados."

    "O projeto é sobre o desconforto que sinto sempre que abro as redes sociais e me deparo com feeds impecáveis. A maioria de nós está construindo versões idealizadas de si em cada plataforma. Todos nós queremos ser o "jovem descolado". Se eu fosse julgar as pessoas pelos seus perfis criados nas redes sociais, acabaria presumindo que todos meus amigos ou estão de férias ou vivem na farra. Se não isso, pelo menos todo mundo é feliz. Tipo, constantemente alegre, engraçado E também com uma aparência impecável. Mas eu não sou perfeita nem sempre estou feliz. Ninguém que eu conheço é assim. Então, por que estamos todos escolhendo retratar apenas as partes perfeitas das nossas vidas?

    Porque, convenhamos, quem é que vai querer lavar a própria roupa suja em público quando não posso nem botar o meu sutiã para secar na sacada sem a tiazinha que mora ao lado ficar me julgando? Ninguém quer falar publicamente sobre seus pensamentos impuros, transtornos de ansiedade ou seus desejos mais selvagens porque tememos ser julgados. Com o projeto Dirty Laundry (em tradução livre, "Roupa Suja"), quis falar sobre todas as coisas desconfortáveis ou constrangedoras: menstruação, materialismo frenético, padrões irreais de beleza, consumo excessivo de álcool, solidão, o medo de ficar por fora, peidos fedorentos, inaptidão social. Afinal, a nossa roupa suja não faz de nós quem somos — nosso "eu" verdadeiro?

    Aqui estão alguns sentimentos que a geração millenial tende a esconder atrás da porta:

    "Associação dos Padrões Físicos Femininos"

    Kaviya Ilango

    "Plástica no nariz da Melania / Monocelha da Padmavati / Creme Kajol 7 em 1 / Beicinho da Kylie / Implantes da Nicole Kidman / Axilas da Priyanka / Barriga da Halle Berry / Bumbum da Kim / Fenty da Rihanna / Coxas da Beyoncé / Mãe"

    "Tudo o que eu quero é ar puro"

    Kaviya Ilango

    "O lar é onde o sutiã não existe – e a calcinha de vovó existe"

    "O barato e a ressaca das redes sociais"

    Kaviya Ilango

    "O Grande Irmão está sempre de olho em você"

    Kaviya Ilango

    "– Um último desejo?
    – Antes de atirar em mim, posso apagar o histórico do meu navegador?"

    "Como você está se sentindo hoje?"

    Kaviya Ilango

    "Estou bem."

    "Materialismo é a minha droga preferida"

    Kaviya Ilango

    "A crise existencial que atormenta"

    Kaviya Ilango

    "– O que há de errado?
    – Uma maçã por dia, você morre de qualquer maneira."

    [ Jogo de palavras com a expressão “An apple a day keep the doctor away” - Uma maçã por dia mantém o médico longe ]

    "Sussurros e murmúrios"

    Kaviya Ilango

    "As máscaras que usamos e as guerras que lutamos"

    Kaviya Ilango

    "Problemas de primeiro mundo em um país de terceiro mundo"

    Kaviya Ilango

    “Deveríamos ser todos niilistas

    Cookies sem glúten / Super abacate monoinsaturado / Café Koli-Luwak de comércio justo / Detox orgânico de aveia / água enriquecida com oxigênio / suco prensado a frio de couve e salsão / jeans rasgado eticamente / porque a vida é um saco, suculentas”

    "Lixo pra dentro, lixo pra fora"

    Kaviya Ilango

    “Medo, negatividade, ansiedade, insegurança raiva, fofoca, frustração, cinismo, dúvida, culpa, cobiça.”

    "Medo de ficar por fora"

    Kaviya Ilango

    Siga o projeto #100DaysOfDirtyLaundry no Instagram.

    Veja também:

    Você já tem o app do BuzzFeed Brasil no seu celular? Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.

    Este post foi traduzido do inglês.

    BuzzFeed Daily

    Keep up with the latest daily buzz with the BuzzFeed Daily newsletter!

    Newsletter signup form