back to top

Os dados surpreendentes do patrimônio dos candidatos de SP

O BuzzFeed Brasil analisou as declarações de bens que os políticos entregaram à Justiça Eleitoral. Oficialmente, a campanha de rua começa nesta terça (16).

publicado

Estes são os principais candidatos na disputa pela Prefeitura de São Paulo. Por lei, eles são obrigados a entregar uma declaração de seu patrimônio.

Nós analisamos as informações que eles entregaram.


O patrimônio dos candidatos vale muito mais do que o que eles declararam. Eles não são obrigados a declarar o valor atualizado de bens como imóveis, por exemplo.

Celso Russomanno (PRB): R$ 1,8 milhão

O deputado gosta mesmo de carros e aventuras. Tem um Hummer e outro jipe, duas motos e uma lancha Phantom, estimada em R$ 80 mil.

É apegado também a um Passat 2004 e guarda uma relíquia, um Ford 79. Tem uma casa na praia e outra em Campos do Jordão, entre outros imóveis.

No último Datafolha, Russomanno liderava a disputa com 25% das intenções de voto.

Marta Suplicy (PMDB): R$ 13 milhões.

Publicidade

A senadora guarda em casa R$ 120 mil em dinheiro. Entre seu patrimônio, que inclui imóveis e participação em empresas, a ex-petista declarou ter R$ 60 mil em cinco quadros, dois tapetes, cinco faqueiros, três esculturas, quatro aparelhos de jantar, dois anéis e um par de brincos de brilhante.

Marta aparece em segundo com 16%.

Luiza Erundina (PSOL): R$ 605 mil.

A deputada declarou dois apartamentos e um Fox 1.0 de 2006. Em 2014, ela informou ter um patrimônio bem maior: R$ 897 mil. Entre as duas eleições, o patrimônio dela encolheu 32%.

Além de aplicações financeiras, naquele ano ela declarou até seu iPad, no valor de R$ 2.848.

Erundina é a terceira da corrida, segundo o Datafolha (10%).

Fernando Haddad (PT): R$ 452 mil.

O petista é o que declarou o menor patrimônio entre os principais candidatos deste ano. Segundo seus documentos, ele afirma estar R$ 20 mil mais pobre do que na eleição passada. Quase um terço do patrimônio dele vem de uma herança de família (R$140 mil).

O prefeito aparece em quarto nas intenções de voto (8%).

João Doria (PSDB): R$ 180 milhões.

O tucano é um investidor em artes. Tem R$ 30 milhões em quadros e 48 esculturas avaliadas em R$ 2,6 milhões. O candidato guarda ainda em sua garagem dois Porsches. Tem empresas e imóveis.

Segundo o último Datafolha, Doria tem 6%.

Veja mais:

Primeiro a declarar bens, Doria tem patrimônio de R$ 180 milhões

Os dados surpreendentes do Datafolha que você provavelmente não viu