go to content

12 lugares para curtir a natureza perto das maiores cidades do Brasil

Se você mora na cidade ou está de passagem, consegue encaixar um passeio destes em um dia só.

publicado

1. As cascatas da Borussia ficam pertinho de Porto Alegre e são um cantinho muito refrescante.

A cidadezinha de Osório fica no caminho entre Porto Alegre e o litoral gaúcho, mas pode valer mais a pena ficar por lá mesmo e visitar as cascatas e o morro da Borussia, onde também tem um mirante e uma galera que pula de asa delta. Ônibus para lá saem diariamente da rodoviária de Porto Alegre, mas fica mais fácil explorar a região de carro.

2. Maquiné é famosa pelos doces e pelas cachoeiras, o que mais você quer?

Os gaúchos conhecem Maquiné como o lugar com um quiosque de doces atrás do outro, na beira da estrada que vai para as praias. Mas, se ficar por lá mesmo, a cascata do Garapiá é linda e refrescante. Pode chegar em Maquiné de ônibus ou carro, mas até a cachoeira são 5km a pé pelo mato. O mergulho vai ser mais que merecido!

3. Na represa de Guarapiranga você está na zona Sul de São Paulo, mas tem zero prédios à vista.

Dá para chegar de ônibus de linha desde o Terminal Santo Amaro, em São Paulo, e lá tem passeios de barcos e áreas verdes na beira da água onde fazer piqueniques ou apenas dar um tempo da cidade.

4. No Parque dos Sonhos tem trilhas e tirolesas, mas você também pode ficar só sentado em meio às árvores.

Ele fica a 130 km de São Paulo, no município de Socorro, em plena Serra da Mantiqueira. Lá tem muitos hotéis-fazenda e pousadas, mas por ser pertinho da metrópole, super dá para ir de manhã e voltar no fim do dia.

5. O Parque da Serra do Curral é logo na saída de Belo Horizonte mas parece outro mundo.

O Parque da Serra do Curral tem 400 mil m² e trilhas com mirantes, onde tudo mundo gosta de tirar fotos da vista que inclui a cidade lá embaixo. O parque abre de terças a domingos das 8 às 17 horas e é gratuito.

6. A apenas 25 km de Belo Horizonte, o parque da Serra do Rola-Moça tem até animais ameaçados de extinção.

Está tudo bem se você não tiver maturidade para o nome do Parque, mas ele foi originado pela história popular de uma noiva que voltava do seu casamento quando seu cavalo escorregou e ela rolou ladeira abaixo, seguida pelo marido desesperado. Por sorte o lugar é tão lindo que não há nome engraçado ou história triste que estrague: abre diariamente das 8 às 17 horas e para fazer trilhas e passeios é preciso agendar antes. Veja os contatos aqui.

7. Cachoeira do Tororó, nos arredores de Brasília é uma beleza para quem ama aventuras (ou não).

Existe um ônibus que deixa a aproximadamente um quilômetro da cachoeira, portanto o site do local recomenda ir de carro. Nos fins de semana de calor costuma ficar bastante cheia, pois é bem pertinho da cidade, mas a beleza do lugar vale a visita.

8. Pirenópolis fica a 130 km de Brasília, e tem ônibus para lá em diversos horários.

Em Pirenópolis tem cachoeiras, esportes de aventura, trilhas, paisagens, enfim, é como dar um mergulho na natureza e ainda voltar para a cidade no mesmo dia. O site da cidade tem várias informações.

9. Itacimirim fica a menos de uma hora de Salvador mas a correria da vida parece estar a milhares de quilômetros.

Os ônibus para Itacimirim saem a cada trinta minutos da rodoviária de Salvador (que sorte para quem mora lá!), e para chegar até a praia você vai precisar de um táxi ou moto-táxi. Tem mais informações aqui.

10. E a praia de Embassaí, lindeza de morrer a uma hora e meia da capital baiana.

Para chegar em Embassaí desde Salvador você pode pegar os ônibus do Expresso Linha Verde, que saem da rodoviária. Chegando lá, como geralmente rola nesse tipo de prainha, vai precisar de moto-táxi para chegar até a praia e às vezes, na maré cheia, vai ter que pegar um barquinho de madeira que faz a travessia até a vila.

11. Pernambuco está de parabéns pela praia dos Carneiros, a 50 km do Recife.

Na região Nordeste não é exatamente difícil achar lugares maravilhosos onde passar o final de semana. A praia dos Carneiros é de cair o queixo e fica a 50 km do Recife. O esquema é aquele, ônibus (a passagem custa R$ 14) e depois táxi ou caminhada até a praia e o vilarejo.

12. Assim como a de Calhetas, que é mais rochosa.

Calhetas é minúscula e fica a 50 km do Recife, mas meio escondidinha. Os ônibus saem do Cais Santa Rita e vão até o Terminal Integrado do Cabo de Santo Agostinho, e dali saem outros ônibus para as praias. Veja mais informações aqui.

E perto da sua cidade, quais são os lugares onde você gosta de se aventurar?

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss