back to top

17 dicas para viajar sozinha com mais tranquilidade

Ou como eu parei de me preocupar e comecei a curtir mais o momento.

publicado

Viajar sozinha pode soar intimidador, mas é algo que também traz grandes recompensas.

Como eu sou uma pessoa bem ansiosa, aprendi que o que eu puder fazer para me sentir preparada e segura terá um grande impacto na minha viagem. Por isso, reuni algumas dicas que também podem te ajudar na sua próxima aventura:

1. Tenha uma mochila de viagem leve e espaçosa.

Via blog.aandf.co.jp

No grande debate sobre a escolha entre malas ou mochilas, eu prefiro usar uma mochila quando viajo sozinha. A parte ruim disso é que a maioria das mochilas de viagem são chamativas, feias e basicamente dizem para todo mundo: "Olhem para mim! Eu sou uma turista!". Por isso eu tenho uma mochila com um design monótono e minimalista, que faz com que ela se passe por uma mochila comum, mas que contém muitos compartimentos espaçosos, incluindo uma aba discreta para laptops. Se você não foi muito alta, como eu, pode ser um pouco difícil encontrar uma mochila com um tamanho adequado, mas uma versão de 40 litros tem funcionado para mim.

2. Faça um itinerário e combine de manter contato com um(a) amigo(a).

Columbia / Universal / Via giphy.com

Entregue o seu planejamento para alguém de sua confiança, indicando onde você estará e quando. Você pode dar tantos detalhes quantos quiser. Eu costumo incluir o endereço e as informações de contato de quaisquer hotéis ou Airbnb's onde eu vá ficar, junto com os horários de partida e chegada. Além disso, quando for viajar entre locais mais distantes, eu também recomendo que você defina um horário aproximado para entrar em contato, para que saibam que você está bem e chegou em segurança.

Publicidade

3. Use um bom par de botas à prova d'água.

@HERNANDEZJESS / Via instagram.com, @NYCPRETTY / Via instagram.com

Quanto mais versáteis forem seus calçados, mais espaço você economiza na mala. Por isso, botas à prova d'água, ideais para todo tipo de clima e terreno, são um bom investimento.

5. Tenha expectativas realistas de quanto $$$ você vai gastar.

"Se a gente for pagar isso por um caranguejo, é bom que ele cante, dance e nos apresente à Pequena Sereia,"

Vamos encarar os fatos: os locais mais seguros para viajar sozinha também costumam ser os mais caros. Se estiver fazendo isso pela primeira vez, considere ir para um lugar com boa segurança para que tenha uma viagem tão tranquila quanto possível. Apenas esteja preparada para o aumento no gasto com coisas como comida e alojamento, já que você não dividir os custos com ninguém.

6. Leve um tripé.

Um tripé barato e compacto pode te ajudar a tirar fotos e vídeos melhores de você mesma em suas viagens — enquanto te livra do estigma de usar um pau de selfie.

7. E uma capa de chuva ou um poncho compacto

Sabrina Majeed / Via instagram.com

Qualquer coisa que te deixe com as mãos livres é algo muito bom para se ter à disposição quando se viaja sozinha. E é por isso que eu prefiro capas de chuva e ponchos em vez de guarda-chuvas. A maioria dos ponchos têm ainda a vantagem de ocuparem muito pouco espaço quando estão dobrados.

Publicidade

8. Contrate um plano de dados para seu celular, mas não exagere no uso.

FOX / Via giphy.com

"Vamos falar com o DJ e ver se ele nos passa a senha do Wi-Fi daqui."

Por anos eu dependi dos Wi-Fis de cafés e hotéis quando viajava para fora, porque comprar um plano de dados internacional não parecia valer a pena. Porém, vez ou outra, eu me via metida em situações estressantes onde eu estava sem um plano de dados e precisava muito procurar alguma coisa na internet, como o recibo de uma passagem de trem quando meu número de confirmação não funcionava. Hoje eu vejo um plano de dados internacional como uma apólice de seguro.

O segredo é fingir que você não tem um. Uns poucos posts em redes sociais (especialmente vídeos) consomem rapidamente a maioria da sua franquia de dados, e a cobrança desses planos internacionais por dados excedentes é cara. Ponha seu aparelho em modo avião, use o Wi-Fi de cafés e hotéis e use o plano de dados apenas quando for absolutamente necessário. Uma vantagem em usar essa estratégia é que a maioria dos planos de dados internacionais também te dão acesso aos hotspots em aeroportos e estações de trens.

9. Compre um adaptador universal de tomada.

amazon.com

Quando viajo sozinha, meu telefone é tudo. Ele é meu mapa, meu guia de viagens e meu botão do pânico em caso de emergências. E é por isso que é importante lembrar uma regra básica: Sempre. Recarregue. Seu celular. Um adaptador universal é bastante prático e serve para várias viagens. Procure um adaptador que tenha portas USB, pois assim pode manter todos os seus dispositivos carregados.

10. E uma bateria portátil.

Ainda falando em manter seu celular sempre carregado, uma bateria recarregável externa é algo essencial. Especialmente se você pretende postar snaps ou atualizar seu Instagram.

11. Instale aplicativos de carona que documentem sua viagem.

Netflix

Eu frequentemente lanço mão de serviços como o Lyft ou o Uber quando viajo sozinha. Com eles, eu posso ter uma estimativa do valor da viagem direto no aplicativo e não preciso me preocupar em negociar em um idioma que eu não conheço bem. Esses aplicativos também têm um registro da identidade do motorista e o destino desejado. E ainda, é possível usar o recurso Enviar Estimativa de Chegada que permite que um amigo acompanhe sua viagem em tempo real, para ter a certeza de que você chegará em segurança.

12. Leve uma mochila impermeável.

@twelfthofmay / Via instagram.com

Ela vai manter os seus pertences secos mesmo que você faça um passeio de caiaque.

Publicidade

13. Tenha como companhia um livro empoderador.

Random House / Via amazon.com, Penguin / Via penguinrandomhouse.com

Uma das partes mais difíceis de estar sozinha na estrada é o fato de não ter uma amiga ao lado para te dar apoio quando você se sente insegura. Em certos aspectos, um bom livro pode preencher esse vazio. Ler histórias de outras viajantes independentes em suas próprias jornadas sempre fez com que eu me sentisse um pouco mais confiante e inspirada.

Um de meus companheiros de viagem favoritos é uma cópia de "Mulheres Que Correm Com os Lobos", uma coletânea de contos folclóricos de várias culturas que examinam a relação da mulher com a natureza.

14. Planeje sempre chegar durante o dia.

Sabrina Majeed / Via instagram.com

Algumas cidades nunca dormem, enquanto outras morrem quando chega a noite. Caso algo dê errado com sua reserva ou você não consiga chegar até o seu anfitrião, é muito mais fácil — e seguro — resolver isso durante o dia.

15. Leve um kit de primeiros socorros que cabe na sua mala.

Via amazon.com

Se você vai viajar de carro, tenha sempre um kit de primeiros socorros compacto no seu porta-luvas. Se você vai viajar de avião, lembre-se de remover quaisquer objetos cortantes antes colocá-lo na sua bagagem de mão.

16. Monte sua mala com bolsinhas organizadoras.

mochithings.com

Não tem nada mais irritante do que ter que tirar tudo da bolsa e depois ter que dobrar tudo de novo só para procurar o desodorante que estava no fundo da bolsa. Em vez disso, use bolsas com divisórias para poder encontrar o que precisa com facilidade. Existem até bolsas especiais para guardar roupas íntimas, que permitem que você possa guardar seus sutiãs sem amassar.

17. Planeje um dia para ficar sem fazer nada.

Columbia Pictures

Lembre-se: filmes como "Comer, Rezar, Amar" e "Livre" pintam um quadro inspirador, porém exagerado, de como é viajar sozinha. Não tem nada de errado em você querer passar um dia inteiro enrolada no cobertor do quarto do hotel assistindo a uma maratona de Netflix.

Tire um dia para recarregar as baterias, porque viajar sozinha, acredite ou não, pode ser socialmente cansativo. Você também não precisa se sentir pressionada a "se encontrar". Apenas se preocupe em ficar confortável e inevitavelmente você irá tirar alguma lição disso.

Este post foi traduzido do inglês.

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss