back to top

7 coisas que você precisa saber pra entender porque a NFL virou uma febre no Brasil

O Super Bowl e o aumento de transmissões nos canais pagos são alguns destes fatores.

publicado

1. Antes de mais nada, a NFL se tornou popular no Brasil por causa do aumento do volume de transmissões do esporte aliada à popularização da TV à cabo.

Leonardo Fraga Godoy / Via Twitter: @lfgodoy

Em entrevista ao BuzzFeed Brasil, o comentarista da ESPN Brasil, canal que cobre o esporte, Leonardo Bertozzi opina que "além de ser um esporte cativante, a liga faz um excelente trabalho de organização e divulgação".

2. A popularidade do Super Bowl ajudou a difundir o interesse pelo esporte.

Ethan Miller / Getty Images

Mesmo não tendo tanta intimidade com o esporte, o Super Bowl tem se tornado popular nas redes sociais a cada ano que passa por causa dos shows do intervalo e comerciais especiais.

Em entrevista ao BuzzFeed Brasil, o advogado Felipe Laurence, de 27 anos e dono do perfil @oQuarterback, uma das maiores contas do Twitter dedicada ao futebol americano, lembra que "o Super Bowl é nome que recebe a final da NFL. "Então não existe “final do Super Bowl” como muitas pessoas leigas no esporte falam".

3. O futebol americano conquista os fãs por ser um jogo de estratégia.

Kent Nishimura / Getty Images

"À primeira vista um jogo de futebol americano não tem sentido nenhum, é um bando de marmanjo se batendo. É normal você achar isso desinteressante e desnecessário. Mas olha direito, presta atenção e você vai ver que uma partida da NFL é muito mais próxima de um jogo de xadrez do que de uma luta de MMA", diz Felipe.

4. Um jogo de futebol americano é algo feito para assistir na televisão.

ESPN Brasil / Via Reprodução

"Assistir um jogo deles não quer dizer somente assistir o esporte em si, mas também todo o espetáculo em volta disso. Desde a produção dos jogos até as grandes jogadas e momentos que acontecem na partida agradaram muito aos brasileiros", conta Felipe.

Já Bertozzi, da ESPN, aponta que os narradores adotam "estilos diferentes, mas que agradam o fã de esportes". "Eles têm uma capacidade enorme de se apropriar de 'memes' da internet ou fatos da cultura pop e incorporá-los à transmissão para torná-la mais leve, sem nunca perder o principal mote das transmissões que é a boa informação e a opinião embasada", explica.

5. As redes sociais foram uma mão na roda para a popularização do esporte no Brasil.

Twitter: @Endzone_Brasil

"As redes sociais também ajudaram a despertar o interesse de quem não conhecia tão bem a NFL", lembra Leonardo Bertozzi. "Em dias de jogos, a timeline se enche de tuítes sobre as partidas, aumentando a curiosidade sobre o esporte", completa o comentarista.

6. Tom Brady, marido de Gisele Bündchen, é um dos nomes de destaque e um dos favoritos dos torcedores brasileiros.

Doug Pensinger / Getty Images

"São muitos grandes jogadores, mas, sem dúvida, quarterbacks se destacam", diz Henrique Jasper, também editor do "Touchdown Gaúcha". Outros que foram amplamente mencionados por todos os torcedores brasileiros foram: Aaron Rodgers, Peyton Manning, Big Ben, Gronkowski, Edelman, Odell, Fitzgerald e Ninkovich.

7. Fãs argumentam que basta um jogo para que você queira ver mais.

Kevin C. Cox / Getty Images

"A NFL não é tão complicada quanto parece, não é tão chata quanto parece e não é modinha como muitos falam", complementa Laurence.

Segundo Renan Jardim, radialista e editor do blog "Touchdown Gaúcha", em entrevista para o BuzzFeed Brasil diz que "as pessoas que já acompanham adoram conversar sobre isso. "E se você souber menos que seu amigo, não tem problema, ele vai te ensinar".

E Leonardo Bertozzi é ainda mais direto: "Veja um jogo. Basta um".

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss