back to top

Conheça a primeira modelo transgênero a ganhar destaque na Vogue

Brilhe, Andreja Pejić.

publicado

Em julho passado, Pejić que desfilou para ambas as marcas masculinas e femininas, revelando-se transgênero.

instagram.com

"Quero aproveitar esta oportunidade para agradecer a todos vocês pelo amor e apoio ao longo dos anos", ela escreveu em sua página do Facebook na época. "Todos vocês me ajudaram nesta jornada e eu tenho aprendido muito e realmente me libertei, e a resposta ao anúncio de hoje realmente tomou conta de mim e me faz lembrar por que eu escolhi fazer isso publicamente".

Hoje, ela revelou que é o rosto mais novo para a marca de beleza Make Up Forever.

instagram.com

O anúncio de Andreja Pejić seguiu a notícia de que a Clean & Clear escolheu o transgênero adolescente Jazz Jennings para chefiar sua campanha #SeeTheRealMe.

Recentemente Pejić também revelou que ela também é destaque na nova edição da Vogue — a primeira que vez um modelo transgênero recebeu tal honra.

instagram.com

"Se no início da minha carreira na indústria da moda ou a meio caminho disso ou até mesmo nesta época do ano passado você me dissesse que eu teria uma apresentação de quatro páginas na VOGUE AMERICANA, eu provavelmente teria dito a você 'oh, eu não sei nada disso não!'", disse Pejic em sua legenda no Instagram.

A modelo disse que muitas vezes as pessoas disseram a ela que "as chances de eu terminar nestas páginas eram quase nulas. Então você pode imaginar o que eu estou sentindo agora!"

O editorial da Vogue também inclui uma breve entrevista com Pejić.

instagram.com

Na entrevista, ela confessou que alguns questionaram sua decisão de prosseguir com a cirurgia para a readequação sexual.

instagram.com

"Havia definitivamente um monte de 'Oh, você vai perder o que é especial sem você'", disse ela à Vogue. "Você não vai ser interessante mais. Há um monte de garotas bonitas lá fora", um agente teria dito a ela, "É melhor ser andrógeno que um travesti".

Mas, afinal, ela não deixou isso levá-la para baixo.

instagram.com

"Ao ver que ia ser conhecida no mundo inteiro por esta transição, pensei: quem vai me amar? Como é que eu vou ter um relacionamento com um homem, se tudo isso se tornar público?", ela disse. "Então eu pensei 'eu sou bem-sucedida e feliz com o que consegui'. Não há nada do que eu deveria me envergonhar. Você pode pegar ou largar".

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil?

Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.