back to top

O Gre-Nal do último final de semana nos deu vergonha de sermos o país do futebol

Parem de romantizar comportamentos inaceitáveis em qualquer outra esfera como "paixão pelo time".

publicado

Na última sexta a gente postou na Capotão a história deste garoto que ironizou os gritos homofóbicos do times.

O garoto foi atacado inclusive na nossa postagem. Quem normaliza as ofensas homofóbicas defende o "futebol sempre foi assim".

No último domingo, no primeiro Gre-Nal do ano tivemos vários exemplos de coisas que não tem nada a ver com jogo.

Torcedores do @SCInternacional e do @Gremio brigam antes do clássico Grenal válido pelo Campeonato Gaúcho. Nas imagens abaixo, podemos ver gremistas e colorados se envolvendo em uma confusão nos arredores do Estádio Beira-Rio, palco da partida de hoje a tarde. https://t.co/A28A7d6MxM

Os dirigentes confortavelmente sentados na grana e você arriscando ser preso ou ir pro hospital por "paixão pelo time".

Tacar cadeira na torcida adversária não tem nada a ver com o jogo.

Facebook: video.php

É só dano ao patrimônio que ainda vai aumentar o ingresso que o próprio torcedor vai pagar da próxima vez.

Publicidade

Se dirigir ao camarote cheio de mulheres do time adversário dessa maneira, não tem nada a ver com jogo.

Em plena semana da mulher, a reação de um homem quando vê um camarote cheio de mulheres do time contrário. NOJO.

É só prática de ato obceno e machismo, mesmo.

E muito menos agredir uma repórter que estava apenas fazendo o seu trabalho.

"Sai daqui, puta", gritou um torcedor do Inter pra mim. Pedi que repetisse enquanto eu filmava. Me agrediu. Nunca achei que fosse passar por isso TRABALHANDO 😔 https://t.co/yn6W9scfp4

Segundo essa matéria, a repórter Renata de Medeiros registrou um boletim de ocorrência e o agressor foi direcionado ao Juizado Especial Criminal.

O Inter soltou nota lamentando o ocorrido, se posicionando totalmente contra a atitude do torcedor e incentivando as pessoas a denunciarem agressões nos estádios.

Todas essas coisas, apesar de controversas, tem a ver com o jogo.

- confusão no "cara ou coroa" - juiz machucado e substituição de juiz - técnico e preparador de goleiro expulsos - segundo tempo com 57 minutos - pressão até o último minuto NÃO TEM CLÁSSICO QUE SUPERE O GRENAL!!!

Só parem de romantizar comportamentos inaceitáveis em qualquer outra esfera como "paixão pelo time". Paixão é outra coisa.

Publicidade

Gosta de futebol e memes? Então curta a página Capotão no Facebook e veja o esporte como você nunca viu antes.