back to top

50 lugares para se apaixonar na Bela Vista

Um dos distritos mais charmosos de São Paulo.

publicado

Segundo o site da Prefeitura de São Paulo, o distrito da Bela Vista fica entra a Avenida Paulista, Radial Leste, Rua Frei Caneca e Avenida 23 de Maio.

prefeitura.sp.gov.br

Além delas, a Avenida Bernardino de Campos, a Rua do Paraíso, os viadutos do Paraíso e Jaceguai, a ligação Leste-Oeste e a Rua Avanhandava também delimitam a região.

A rica e extensa região transpira história e cultura com seus quase 900 imóveis tombados. Os bairros abrigam ainda diversos espaços culturais, bares e restaurantes. Por isso o BuzzFeed Brasil resolveu listar 50 programas imperdíveis no distrito:

Instagram: @mrctim29

Uma cena clássica da Bela Vista.

1. Começando pela pontinha do distrito, a Rua Frei Caneca, você não pode deixar de fazer umas comprinhas na Paiol, uma loja para lá de fofa que vende produtos de artesanato brasileiro.

2. Ali, meio escondida entre prédios e butecos, fica o Empório Vinhares, especializado em bebidas e frios. O preço é bem amigo, em especial se você pegar as promoções da casa.

3. Se prefere uma bela refeição, o Zéffiro tem um clima aconchegante, pratos bacanas e uma carta de vinhos delícia.

4. Mas se quer gastar pouco, o Frey Café e Coisinhas é a opção. Além do serviço habitual, o espaço abre para feirinhas temáticas. É só ficar de olho na programação.

5. O shopping Frei Caneca, precisamos admitir, não é dos melhores da cidade, porém a localização central, os Teatros e o cinema da Rede Itaú o tornam uma boa opção para qualquer dia da semana.

6. Ali na paralela da Frei temos ainda o super pop restaurante Spot. Também com preço mais salgadinho vale o investimento, em especial se apostar nos drinks e no famoso penne com melão e presunto cru.

7. Se o seu negócio é restaurante por quilo, durante o almoço o Kilove serve as opções mais deliciosas da cidade, nós garantimos.

8. E para a cervejinha, o Barão de Itararé acompanha muito bem os pratos típicos de boteco que o bar serve.

9. Mas nem só de comer e comprar vive a região, prova disso é o imponente MASP, que tem, além das exposições, cursos, peças e até manifestações semanais.

10. E ali atrás do museu o hipster e fofo Mirante 9 de Julho conta com uma extensa programação, além do café e a vista da cidade.

11. Por ali rola também a "Choperia Opção", que apesar do precinho salgado conta com um deque delicioso cheio de mesas para aproveitar uma cervejinha.

12. Ainda na Avenida Paulista você chega no Center 3, que vale por seu cinema super comercial e feirinha de artesanato aos finais de semana.

13. Entre a Itapeva e a Pamplona rola a Alameda Rio Claro, que ora enche de barraquinhas de comida típica, ora de apresentação de músicos de rua.

14. E se seu negócio é shopping, o Cidade São Paulo é o mais novo ponto da Paulista com diversas opções de compra e boas salas de cinema da rede Cinemark.

15. Agora se seu negócio são filmes e livros alternativos a Reserva Cultural é o programa para você. O espaço conta com um Café, uma Livraria e seis salas de cinema.

16. Para quem é fã de uma comédia rasgada, o Teatro Gazeta oferece opções de peças.

17. E para os fãs de drinks, o Blue Pub, na Alameda Ribeirão Preto, é uma boa opção.

18. E para os notívagos, a aposta é o PanAm Club, uma balada com vista panorâmica da cidade no topo do hotel Maksoud Plaza.

19. No quesito comidas, a área da Brigadeiro Luiz Antônio é campeã de clássicos, o primeiro, a Lanchonete Ponto Chic, famosa pelo seu icônico e super recheado bauru.

20. Outra boa opção é a Osteria Generale com seus grandes pratos que podem ser dividido em no mínimo três pessoas. Um dos melhores custo/benefício da cidade.

21. Recém repaginado, o Top Center merece uma visita, em especial para dar uma olhada na nova loja hit da cidade, a baratinha Forever 21.

22. E para os mais clássicos, o Shopping Pátio Paulista é uma opção. Além das lojas e da rede Cinemark, o espaço conta ainda com as salas premium da rede PlayArte.

23. Se tiver pique e um bolso farto vale encarar o rodízio da Churrascaria Novilho de Prata

24. E para um espetáculo de responsa vale assistir uma peça da sempre boa programação do Teatro Raul Cortez.

25. E que tal cair no samba com "Vai Vai"? Sim, a clássica quadra escola de samba fica na Bela Vista.

Instagram: @boydocalum

A quadra da escola de samba Vai-Vai.

26. Meio escondidinho no meio do bairro o Espaço Zebra reúne arte, gastronomia e muita fofura.

27. Outro clássico do bairro é a Casa de Dona Yaya, o casarão que abrigou sua dona, uma mulher da alta sociedade, reclusa devido à esquizofrenia durante quase toda a vida. O imóvel abriga hoje o Centro de Preservação Cultural da USP.

28. Já o Portella Bar e Restaurante conta com o melhor da comida tradicional nordestina a preços módicos e uma bela carta de cachaças.

29. Se você é da turma alternativa ou saudosista, o Madame é uma das principais casa de nicho da cidade e foi berço da geração rocker e clubber dos anos 80 e 90 quando ainda se chamava Madame Satã.

30. Já os mauricinhos e patricinhas podem bater ponto no Lions Night Club. Se não for sua vibe vale ver a programação da casa que com frequência realiza festas mais alternativas no domingo à tarde.

31. A casa oficial dos musicais em São Paulo é o Teatro Renault e é programa obrigatório, pelo menos uma vez na vida.

32. Outro programa oficial da cidade é a Festa de Nossa Senhora Achiropita que rola em agosto e tem a melhor fogazza da cidade.

33. Bem antiga mas menos pop, a Festa da Nossa Senhora do Carmo

que acontece em julho é uma deliciosa alternativa para quem quer comer uma boa massa por um precinho camarada.

34.Um projeto queridinho do bairro é a Vila Itororó, um antigo conjunto habitacional que se prepara para receber um centro cultural que promete revitalizar ainda mais a região.

35. E quase em frente à Vila temos o Casarão do Belvedere, que recebe uma extensa programação teatral e de música em suas paredes recheadas de história.

36. Outro espaço que transpira história é o Teatro Sérgio Cardozo, que em tempos de ditadura foi palco de cenas violentas como a agressão aos atores André Valli e Marília Pêra que se preparavam para encenar "Roda Viva" de Chico Buarque.

37. Já o Ágora Teatro é um dos berços do teatro alternativo e conta com uma programação sempre desafiadora. Vale a visita!

38. E que tal comer um pãozinho bem tradicional na centenária Padaria Italianinha?

39. Antiga casa do samba rock paulistano, o Teatro Mars tem eventos e festas especificas então vale acompanhar a programação.

40. Outro belo espaço de experimentação artística, o Teatro do Incêndio conta com uma bela programação e cursos.

41. E o que seria de um bairro histórico sem um museu sobre o bairro? Por isso a visita ao Museu Memória do Bexiga

é obrigatório.

42. Não podemos esquecer também das cantinas. Uma das mais tradicionais é a Cantina Ce Que Sabe.

43. E se é fã de carne não pode deixar de passar no Templo da Carne, claro.

44. E fechando a tríade gastronômica, uma bela passadinha na Cantina Roberto, que tem uma das melhores e mais tradicionais entradas de São Paulo.

45. Mas nenhuma visita ao bairro fica completa sem uma passadinha na Escadaria do Bixiga, também conhecida também como Escadaria do Jazz.

46. E claro, bater perna na feirinha de antiguidade do Bixiga que rola todos os domingos.

47. E para dançar, aposte no Club Yacht, uma balada de temática náutica e programação super variada.

48. Para quem curte rock a programação obrigatória é o clássico Café Piu Piu

49. Ou então o seu rival-amigo Café Aurora.

50. E pra finalizar esse roteiro todo só uma bela massa na Pizzaria Speranza.

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss