back to top

O túnel ferroviário mais longo do mundo teve uma cerimônia de inauguração muito bizarra

Foram necessários 17 anos para construir um túnel recordista atravessando os alpes suíços, mas apenas uma cerimônia de inauguração para que todos achassem bizarro.

publicado

O túnel ferroviário mais longo e mais profundo do mundo foi oficialmente inaugurado na Suíça após quase duas décadas de trabalho de construção.

O túnel de base de Gotthard atravessa 57 km dos alpes suíços, proporcionando um eixo ferroviário de alta velocidade para mercadorias normalmente transportadas por um milhão de caminhões por ano.

Os líderes da França, Alemanha e Itália estavam entre 1.100 convidados e 300 membros da imprensa mundial convidados para compartilhar deste feito da engenharia e triunfo tecnológico, marcado por uma cerimônia de inauguração no recinto Rynaecht em Erstfeld, conforme previsto pelo diretor de teatro alemão Volker Hesse.

E foi, hm, um pouco estranho.

Publicidade

Especialmente quando você reproduz em velocidade dobrada...

Video - The incredible ceremony for the opening of the world's longest & deepest rail tunnel (in fast fwd) #Gotthard https://t.co/yk0971FHkl

E o "bebê voador da morte" foi simplesmente assustador.

A tunnel is having an opening ceremony on the BBC News Channel and it's quite something.

Publicidade

I've spent a lot of time in Switzerland but the flying death baby motif for this tunnel opening ceremony beats me. https://t.co/Rrdi60jNzu

"Eu passei muito tempo na Suíça, mas o tema bebê voador da morte da cerimônia de abertura do túnel acabou comigo."

Wtf is wrong with our country? This opening ceremony looks weird as fuck 😂



Publicidade

Either the opening ceremony of #gottardo2016 world's longest deepest rail tunnel or a @kanyewest album launch

Cerimônia de inauguração à parte, o túnel recordista – concebido pela primeira vez, em forma de esboço, em 1947 – significa que o túnel ferroviário Seikan do Japão, de 53,9 km, deixou de ser o mais longo do mundo.

Peter Klaunzer / AFP / Getty Images

O presidente da Suíça, Johann Schneider-Ammann, quando o túnel é oficialmente inaugurado.

O túnel encurtará o tempo de viagem em 45 minutos por toda a Suíça. Ele também tem o objetivo de diminuir o tráfego pesado e a poluição que pode ser acumulada devido às viagens de caminhão entre o norte e o sul da Europa, reportou The Independent.

"As mercadorias da Europa, seja o vinho italiano para a Holanda, ou carros alemães para a Grécia, precisam cruzar os alpes. Agora, será possível fazer isso de forma mais rápida, segura e barata", disse um correspondente da BBC.

Estão sendo conduzidos testes antes que os trens comecem a operar no final de dezembro, o que permitirá que 260 trens de carga e 65 trens de passageiros atravessem o túnel todos os dias.

Como parte das comemorações de inauguração deste final de semana, visitantes poderão viajar através dos túneis em trens especiais.

Outras atrações incluirão uma exposição de veículos com condução automática, robôs e drones nos centros de manutenção e intervenção SFR em Erstfeld e Bias. Também haverá festivais de estações ferroviárias em Aarau, Bienna, Berna, Genebra, Winterthur e Zurique.

Mas de alguma forma, a memória permanente do dia de inauguração provavelmente será esta.

Publicidade



Publicidade

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss