• omelhorde2017 badge
Posted on 19 de dez de 2017

As fotos mais extraordinárias da ciência em 2017

Incluindo dois gigantes gasosos, a aurora boreal e uma lula bebê na costa da Escócia.

Richard Germain / RPS / IISE / Via rps-science.org

"Tensão superficial": a imagem mostra as forças intermoleculares da água mantendo esse alfinete flutuando ao mesmo tempo em que a água atua como um espelho distorcido. A foto ganhou destaque no concurso Internacional Images for Science, da Royal Photographic Society.

University of Plymouth / University of Oxford / Via doi.org

Uma jovem lula no fundo do mar da costa oeste da Escócia, 1.400 metros abaixo da superfície. Neste ano, cientistas britânicos mostraram como as profundezas do oceano ainda são, em grande parte, desconhecidas pelo homem.

Miao Yong / Royal Society of Biology / Via rsb.org.uk

Duas donzelinhas em uma folha na província de Zhejiang, China. A foto foi uma das imagens selecionadas no concurso do ano da Royal Society of Biology.

NASA / Gerald Eichstädt / Seán Doran / Via apod.nasa.gov

O planeta Júpiter em foto da espaçonave Juno, que chegou lá neste ano após uma viagem de cinco anos. Para surpresa dos cientistas, verificou-se que as bandas de nuvens se dissipam nos polos do planeta em redemoinhos e caos.

Thomas P Peschak / National Geographic / Via nationalgeographic.com

Baleia-cinzenta se aproxima de turista em Laguna San Ignacio, costa da Baixa Califórnia, México. As baleias são um chamariz para o turismo na região. A imagem foi eleita uma das fotos do ano da National Geographic.

NASA / Cassini / Via saturn.jpl.nasa.gov

Encélado, uma das luas de Saturno, atrás do planeta. Esta é uma das últimas imagens obtidas pela sonda Cassini, que colidiu com o gigante gasoso em setembro, após mais de uma década enviando imagens maravilhosas do Espaço.

Anup Deodhar / Royal Society of Biology / Via rsb.org.uk

O ovo de um sapo em Amboli, no Estado de Maharashtra, Índia. O sapinho completamente desenvolvido está dentro de um ovo que tem cerca de 5 milímetros de diâmetro.

Chris Kotsiopoulos / GreekSky / Via greeksky.gr

Nuvens se separam durante tempestade para revelar eclipse lunar na ilha grega Icária, em uma área conhecida como o Planeta das Cabras. Esta foi uma das fotos de astronomia do dia da Nasa, em julho.


Brian Skerry / National Geographic / Via nationalgeographic.com

Um tubarão-mako nas águas da Nova Zelândia. Uma das fotos do ano da National Geographic.

Ronan Donovan / National Geographic / Via nationalgeographic.com

Um gorila-das-montanhas com seu filhote de 3 meses. Uma das fotos do ano da National Geographic.

Leejiah Dorward / British Ecological Society / Via britishecologicalsociety.org

Esta foto de um camaleão na Tanzânia foi a vencedora geral entre estudantes no concurso de fotografia de 2017 da British Ecological Society.

Amy Bateman / Royal Society of Biology / Via rsb.org.uk

Foto mostra desenvolvimento de girinos em Cúmbria, Inglaterra. Uma das imagens selecionadas para as imagens do ano da Royal Society of Biology.

Zoe Davies / British Ecological Society / Via britishecologicalsociety.org

Urso-pardo tenta abocanhar salmão no Alasca. Foto foi a vencedora na categoria "ecossistemas dinâmicos" do concurso de fotografia de 2017 da British Ecological Society.

James Woodend / Royal Photographic Society / Via rps-science.org

A aurora boreal sobre Jökulsárlón, lago glacial à beira da geleira de Vatnajökull. Uma das imagens selecionadas na competição International Images for Science, da Royal Photographic Society.

Partha Saha / RSB / Via rsb.org.uk

Lago esmeralda em vale glacial na região de Jammu e Caxemira, Índia. Uma das imagens do ano selecionadas pela Royal Society of Biology.

Zoltan Toth / Royal Photographic Society / Via rps-science.org

Um único floco de neve capturado antes de derreter. Uma das imagens em destaque no concurso Internacional Images for Science, da Royal Photographic Society.

Daniela Rapavá / RPS / Via rps-science.org

Bolha congelada dá a impressão de que sua metade superior está levitando. Uma das imagens em destaque no concurso Internacional Images for Science, da Royal Photographic Society.

Randy Bresnik / NASA / Via nasa.gov

Supertufão Noru, visto da Estação Espacial Internacional.

Sanne Govaert / British Ecological Society / Via britishecologicalsociety.org

O efeito jarra: uma borboleta em uma jarra de plástico. Esta foi a foto vencedora na categoria "arte da ecologia (estudantes)" do concurso de fotografia de 2017 da British Ecological Society.

Pratik Pradhan / RPS / Via rps-science.org

Escorpiões florestais gigantes vistos sob luz ultravioleta. Uma das imagens em destaque no concurso Internacional Images for Science, da Royal Photographic Society.

Mark Levitin / RPS / Via rps-science.org

Um lago de lava no vulcão Erta'Ale, Etiópia. Uma das imagens em destaque no concurso Internacional Images for Science, da Royal Photographic Society.

Roberto García Roa / British Ecological Society / Via britishecologicalsociety.org

Seda branca: um lagarto Anolis trocando de pele. Esta foi a foto vencedora na categoria "íntimo e pessoal" do concurso de fotografia de 2017 da British Ecological Society.

Confira o melhor de 2017 no BuzzFeed Brasil clicando aqui.

Este post foi traduzido do inglês.

Tom Chivers is a science writer for BuzzFeed and is based in London.

Contact Tom Chivers at tom.chivers@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here

Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, que o reconhecem e identificam como um usuário único, para garantir a melhor experiência de navegação, personalizar conteúdo e anúncios, e melhorar o desempenho do nosso site e serviços. Esses Cookies nos permitem coletar alguns dados pessoais sobre você, como sua ID exclusiva atribuída ao seu dispositivo, endereço de IP, tipo de dispositivo e navegador, conteúdos visualizados ou outras ações realizadas usando nossos serviços, país e idioma selecionados, entre outros. Para saber mais sobre nossa política de cookies, acesse link.

Caso não concorde com o uso cookies dessa forma, você deverá ajustar as configurações de seu navegador ou deixar de acessar o nosso site e serviços. Ao continuar com a navegação em nosso site, você aceita o uso de cookies.