14 frases que você deveria parar de dizer para cadeirantes

    "Tenha fé que Deus vai te curar".

    1. "Tão bonita e na cadeira de rodas".

    2. "Como é na hora do sexo?"

    Twitter: @ThomasSanttos22

    São perguntas como: "o pinto sobe?", "você consegue gozar?", "é melhor quando ficam por cima?", "você sente o pau normalmente?", "você só fica parado durante o sexo?" etc. Segure sua curiosidade, pelo menos até ser mais íntimo. Afinal, são perguntas pessoais que podem constranger qualquer pessoa.

    3. "Você precisa de ajuda para ir no banheiro?"

    4. "Não sabia que você conseguia fazer tanta coisa assim!"

    5. "Não cansa ficar sentado o dia todo na mesma posição?"

    6. "Que bom que você tá passeando, faz bem tomar um arzinho!"

    Twitter: @suhiman123

    Olha, moço, eu tô apenas indo à faculdade e depois vou ao trabalho. Não é passeio, não.

    7. "Que bom que mesmo estando na cadeira você é feliz!"

    8. "Seu namorado (homem ou mulher sem deficiência) é um anjo na sua vida, né?"

    As pessoas acham que alguém sem deficiência que se relaciona com quem tem deficiência é um ser especial, divino quase. Mal sabem que apenas reforçam a ideia de que cadeirantes não servem para se relacionar com alguém.

    9. "Tenha fé que Deus vai te curar".

    g1.globo.com

    Muita gente acaba dizendo isso para uma pessoa com deficiência pressupondo que essa pessoa já não possui fé em nada ou que a cadeira é um grande problema e que é impossível ter uma vida legal assim.

    10. "Se você for na minha igreja será curada".

    youtube.com

    É muito comum que apareçam pessoas com uma "solução" para a deficiência, seja por meio da religião ou alguma outra solução milagrosa. Se você não foi questionado, provavelmente a pessoa não quer saber sua opinião sobre o assunto, então, respeite.

    11. "A fulana, amiga minha cadeirante, é super feliz. Você deveria conhecê-la".

    12. "Você é um exemplo de superação".

    13. "Você é muito guerreiro".

    A vida da pessoa com deficiência poderia ser muito melhor se as pessoas se preocupassem mais com a acessibilidade e menos com achar os cadeirantes "coitados" ou "guerreiros".

    14. "Você ainda vai curtir muito a vida".

    Como se estar numa cadeira de rodas fosse a própria depressão, tristeza e sofrimento. Como se tudo a vida de uma pessoa com deficiência dependesse do fato de andar. Andar é ótimo? Com certeza. Mas se a pessoa fizer a vida girar em torno disso, se frustra bastante.

    Colaboraram neste post os cadeirantes: Fatine Oliveira, Marina Batista, Vítor Flaibam e Mila D'Oliveira.

    Veja também:

    BuzzFeed Daily

    Keep up with the latest daily buzz with the BuzzFeed Daily newsletter!

    Newsletter signup form

    Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, que o reconhecem e identificam como um usuário único, para garantir a melhor experiência de navegação, personalizar conteúdo e anúncios, e melhorar o desempenho do nosso site e serviços. Esses Cookies nos permitem coletar alguns dados pessoais sobre você, como sua ID exclusiva atribuída ao seu dispositivo, endereço de IP, tipo de dispositivo e navegador, conteúdos visualizados ou outras ações realizadas usando nossos serviços, país e idioma selecionados, entre outros. Para saber mais sobre nossa política de cookies, acesse link.

    Caso não concorde com o uso cookies dessa forma, você deverá ajustar as configurações de seu navegador ou deixar de acessar o nosso site e serviços. Ao continuar com a navegação em nosso site, você aceita o uso de cookies.