back to top

Conheça a drag queen que conquistou a internet chinesa

"Sister Tomato", uma drag queen de 24 anos, causou polêmica por conta da chocante roupa que ela usou ao comprar comida.

publicado

Essa é a "Sister Tomato" — ou "Shenzhen Superstar Tomato", para usar o nome dela inteiro do Weibo. Ela trabalha como pole dancer que se apresenta em bares e boates pela China.

Courtesy of Sister Tomato / Via weibo.com

"Ela gosta de ser chamada de "Sister Tomato" porque ela acha que seu nome é "feio", contou ela ao BuzzFeed News em uma entrevista por telefone.

Sister Tomato diz que agora ela está morando em Shenzhen, uma cidade em crescimento no sudeste da China. Ela usa qualquer coisa que ela goste e não se importa se as pessoas na rua encaram ou tiram fotos dela escondidas.

Publicidade

Como a maioria dos artistas, porém, ela acha que poderia ser mais popular. A solução mais fácil? Weibo. "Eu vou fazer algumas compras e eu estarei vestida lindamente", contou ela para um amigo fotógrafo no começo do mês passado.

O amigo mais tarde postou Sister Tomato andando pelo corredor de bebidas montada, calçando botas de salto plataforma, um top cortado e roupas de baixo de couro com uma abertura atrás, com um fio dental rosa dentro. E essas fotos: elas. estouraram.

As fotos, com curiosos observadores ao fundo, viralizaram imediatamente no Weibo, compartilhadas mais de 4.000 vezes. Elas também foram pegas por vários canais da mídia local e atraíram milhares de comentários, positivos e negativos.

Weibo

"As pernas. Quantas mulheres ficarão envergonhadas por causa delas" diz um deles.

"Eu só me importo com os saltos altos dela, mas as cuecas são bem bonitas também."

Weibo

Mas alguns questionavam o desenho das roupas e diziam que ela havia cruzado a linha da decência social. "Desculpa?", dizia um dos comentários mais populares, com mais de 1.000 "curtidas", "[nós] podemos respeitar hobbies diferentes, mas você está me dizendo que isso não é imoral?? Tolerância irracional."

Weibo

Continuou o severo comentário: "Para qualquer sexo ou idade, sair de casa se vestindo assim é chamado de monstruosidade. Travestis não se sujeitam a outra regra, uma pessoa não pode usar rouba de baixo, cortar um buraco acima da bunda e sair. Por favor, não exagere, nós já não mostramos tolerância suficiente às minorias hoje em dia?"

Publicidade

Outros tentaram trazer experiências do exterior e disseram que não tem problema. "Eu moro nos Estados Unidos e já vi muitas pessoas como ela. Eu tenho um colega de classe travesti esse semestre. Mas eu nunca vi as pessoas ofendidas por causa deles ou tirando fotos deles dessa forma."

Weibo

"Uma vez eu vi um vendedor travesti na Macy's quando eu estava nos Estados Unidos. Ele tinha maquiagem espalhafatosa, esmalte e acessórios", concordou outra pessoa.

Weibo

"Ele era natural e gracioso. Ninguém por perto se comportava como se houvesse algo incomum. Mas uma colega minha ficou de cabeça baixa, evitando contato visual com ele quando ele a cumprimentou e lhe perguntou o que ela desejava. Foi ignorância bem óbvia e eu achei que foi muito rude!"

"Eu acho que as pessoas deveriam ser respeitadas porque elas não se importam com o que os outros pensam e simplesmente fazem o que querem... para aqueles que comentaram e riram, quanto mais de tolerância vocês podem mostrar ao mundo, por favor?"

Weibo

Diferentemente de alguns de seus colegas, Sister Tomato quer mostrar sua autencidade não apenas no palco, mas na rua também.

Courtesy of Sister Tomato / Via weibo.com

Ela também contou ao BuzzFeed News que não se importa com críticas, desde que elas não "quebrem a lei". Nem mesmo críticas de membros da família a desanimaram — eles lhe disseram que sua dança era boa, mas que ela precisava mudar a forma de se vestir.

"Eu me sinto bem vestida desse jeito, às vezes quando eu ouço música em shoppings, eu começo a dançar e as pessoas me encaram e tiram fotos. É divertido para todos, e aí eu digo tchau [e vou embora]", disse Sister Tomato.

Publicidade

Via whatsonweibo.com

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss