back to top

10 coisas que eu aprendi sendo muito ruim na cozinha

Eu errei para que você não tenha que errar também.

publicado

1. Tempere a comida ANTES de jogar ela na panela.

Magone / Getty Images

O que eu aprendi fazendo muito frango sem gosto é que não adianta botar quilos de tempero na panela, esperando que a carne magicamente fique gostosa. O que eu precisava fazer era deixar o frango num tempero básico antes de cozinhar. O ideal é fazer isso com antecedência, mas até alguns minutos já fazem diferença.

2. O segredo para diminuir o desperdício é saber guardar os alimentos corretamente.

Merc67 / Getty Images

Eu sempre joguei muita comida fora e culpava o fato de morar sozinho e não conseguir consumir tudo no prazo. Mas a verdade é que eu não sabia guardar os alimentos corretamente. Por exemplo, o ideal é lavar os temperos verdes, secá-los e guardá-los dentro de um pote hermético com um guardanapo dentro. A umidade faz as folhas secarem ou amarelarem rápido na geladeira e o guardanapo ajuda a absorver esta umidade.

3. Apressar o cozimento das carnes prejudica o resultado final.

Alexraths / Getty Images

Como eu sempre cozinho com fome, eu tinha mania de apertar a carne na frigideira ou aumentar o fogo pra ver se a comida ficava pronta logo. Mas isso fazia a carne torrar e perder suculência, então eu passei a deixar minha carne cozinhar em paz enquanto eu faço o resto do prato.

4. Um simples ingrediente pode dar um ar completamente novo ao seu prato de sempre.

Ansonmiao / Getty Images

Se você consegue contar as suas receitas nos dedos de uma só mão como eu, existem ingredientes que mudam um prato completamente. Por exemplo, cogumelos, aspargos, brie, amêndoas e tomate seco podem dar uma cara nova ao seu frango cansado do dia a dia.

Publicidade

5. Existe muito utensílio barato que pode te ajudar no dia a dia.

Naruedom / Getty Images

Uma ida à loja de R$ 1,99 pode salvar a sua pele na hora de preparar o seu jantar. Existem utensílios bem baratinhos para descascar alho, cortar cebola perfeitamente, ralar queijo, etc. Não perca o seu tempo com esses perrengues e foque na mágica da panela.

6. O limão pode salvar a sua vida.

Rez-art / Getty Images

Foi justamente errando muito na cozinha que eu aprendi a confiar naqueles ingredientes que são meus amigos e consertam as minhas mancadas. O limão vai bem na salada, em pratos crus, fritos, para tirar "ranço" de frango e peixe, para realçar o gosto de coisas salgadas e cortar o excesso de coisas doces. Amém!

7. Use sabores ousados para levar o seu tempero ao próximo nível.

Themacx / Getty Images

Você já deve ter ouvido que o açúcar é uma ótima forma de contornar a acidez do molho de tomate. Então não tenha medo de brincar com os sabores. Experimente pimentas, condimentos doces, azedos. Em pouco tempo, todo mundo vai ficar te perguntando qual o segredo do seu tempero.

8. Entenda seu forno.

Gpointstudio / Getty Images

Cada fogão e cada forno tem um temperamento próprio. Eu já estraguei muita receita pensando que se o site fala 30 minutos eu posso ir tomar meu banho e relaxar. A verdade é que você tem que acompanhar o preparo, pois a comida pode ficar crua, queimada ou mesmo não cozinhar perfeitamente só porque você não deu aquela virada básica na assadeira.

Publicidade

9. Invista em receitas cruas ou rápidas de preparar.

Tetiana_chudovska / Getty Images

Se você também sofre na cozinha, aposte em ingredientes crus ou de rápido preparo. Em cinco minutos você consegue fazer um cuscuz marroquino, uma quinoa, uma salada de abacate, ou uma receita de poke. E você vai ter bem pouca louça pra lavar também.

10. O papelote e o papel alumínio são os seus melhores amigos.

Reprodução/BuzzFeed / Via buzzfeed.com

Existe coisa melhor do que jogar um peixe ou um frango no forno e ele magicamente ficar suculento? Pois é, depois de muita receita seca e queimada, eu descobri que o papelote e o papel alumínio são meus melhores amigos. Com poucos temperos, esses invólucros transformam o sabor dos alimentos e a sua assadeira ainda fica limpinha. Veja receitas aqui.