go to content

Senador Lasier Martins, aquele do choque, é acusado de bater na mulher

"Ele me humilhava na frente da minha filha. Ele dizia que eu não era mulher para estar em Brasília", contou a vítima. O senador nega.

publicado

O senador Lasier Martins (PSD-RS) foi acusado de agressão pela mulher, Janice Santos, em Brasília.

O senador ganhou notoriedade por dois outros episódios em sua vida: quando levou um choque ao vivo em uma TV do Rio Grande do Sul e quando, no mês passado, assinou "sem ler" requerimento pela tramitação do projeto de anistia do caixa dois.

De acordo com o jornal Correio Braziliense, Janice afirmou na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam) que foi agredida pelo senador na terça-feira (28). Com marcas aparentes pelo corpo, ela passou por exame de corpo de delito.

Janice, que é jornalista, disse que esta não foi a primeira agressão. Ao jornal, Lasier falou que "reagiu para se defender" durante uma discussão, na qual, segundo ele, a mulher o teria atacado com um objeto de metal.

Lasier e a jornalista estão em processo de separação, depois de cinco anos de casamento.

À Rádio Gaúcha, Janice, 38, afirmou que houve pelo menos "duas brigas muito feias".

"Ele me humilhava na frente da minha filha. Ele dizia que eu não era mulher para estar em Brasília".

O senador, por sua vez, disse em entrevista à rádio que a jornalista tentou atirar contra ele um porta-joias. "Ela tentou me agredir e errou. Quando errou, ela acabou machucando a mão".

Como é senador, Lasier Martins tem foro privilegiado. Com isso, a apuração das denúncias deverão ser encaminhadas à Procuradoria-Geral da República (PGR).

Lasier, 75, também é jornalista. Em 1996, quando trabalhava em uma TV do Rio Grande do Sul, ele fazia uma reportagem sobre uvas quando tocou um dos cachos e levou um choque que o derrubou. A lembrança do episódio é odiada pelo senador, mas o vídeo viralizou nas redes sociais.

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

A assessoria do senador enviou ao BuzzFeed Brasil uma nota oficial:

"A propósito de ocorrência policial registrado por sua mulher Janice, o senador Lasier Martins informa que está em processo judicial de separação litigiosa no Foro do Distrito Federal. Esclarece que não houve a alegada agressão física, mas ações e manobras da mulher no sentido de tirar proveito em tentativa de acordo no processo judicial. O senador está triste com o acontecimento e aguarda o andamento do processo judicial onde apresentará provas de sua inocência."

Veja também:

Senador gaúcho diz que assinou sem ler projeto que blindava políticos da Lava Jato



Tatiana Farah é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ela pelo email tatiana.farah@buzzfeed.com.

Contact Tatiana Farah at Tatiana.Farah@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.