back to top

Kim Kataguiri diz que vai ser candidato, mas não pelo PSL de Bolsonaro

"Não tenho interesse em participar do PSL. Meus ideais são, em grande parte, incompatíveis com os do Bolsonaro", disse o líder do MBL.

publicado

A filiação do deputado Jair Bolsonaro ao PSL fechou mais uma porta entre a legenda e as alas jovens da direita brasileira. Além da debandada do Livres, o MBL (Movimento Brasil Livre) deixou claro que não tem interesse em que seus membros disputem eleições pelo partido.

Um dos principais líderes do MBL, Kim Kataguiri, já havia se reunido com o presidente do PSL em São Paulo, Roberto Siqueira, para tratar de candidaturas. Kataguiri disse que a conversa tratou da candidatura de um membro do MBL de Santos (SP), mas afirmou que Siqueira estava interessado na filiação dele, Kataguiri, que nas redes sociais tem mais de meio milhão de seguidores.

Kataguiri confirmou ao BuzzFeed News que vai disputar as eleições este ano. Mas não pelo PSL.

"Não tenho interesse em participar do PSL. Meus ideais são, em grande parte, incompatíveis com os do Bolsonaro", disse o líder do MBL.

Ele disse que ainda não definiu qual será a legenda a se filiar. "Mas é certeza que disputo para deputado federal", completou.

Tatiana Farah é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ela pelo email tatiana.farah@buzzfeed.com.

Contact Tatiana Farah at Tatiana.Farah@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.