back to top

Defesa de Dilma diz que chapa é única e que Temer não fez prestação separada de contas

Estratégia da petista no julgamento do TSE é mostrar que, em caso de cassação, punição teria de atingir o atual presidente.

publicado


A defesa da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) afirmou nesta quinta-feira que é "estapafúrdia" a tentativa de separar as contas de campanha de 2014 da petista e do presidente Michel Temer (PMDB), como quer fazer o Planalto no julgamento da cassação da chapa Dilma-Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O julgamento começa na terça-feira e põe em risco o cumprimento do mandato do peemedebista.

"A prestação de contas é única. Não há uma prestação de contas de Michel Temer. Não há, então, a possibilidade de separação de contas, de separação de chapas. Isso nos parece uma argumentação absurda, estapafúrdia, completamente fora do direito eleitoral", disse o advogado Flávio Caetano, em entrevista coletiva em São Paulo.

Publicidade

De acordo com o advogado, "a jurisprudência do TSE é consolidada que, uma vez que se casse a cabeça de chapa, se cassa o vice também. Não existe presidente sem vice, nem vice sem presidente".

Caetano afirmou que, no início do processo, ele e o advogado Sávio Lobato representavam Dilma e Temer e que, ainda como vice-presidente, durante a crise do impeachment, Temer buscou seus próprios advogados e investiu na tese de separação das contas.

Na entrevista coletiva, os advogados apresentaram a estratégia da Dilma, que vai alegar cerceamento de defesa por não ter, por exemplo, obtido acesso ao conteúdo das delações de Marcelo Odebrecht, João Santana e Monica Moura. Os advogados acusam os três delatores de mentir e apresentar versões diferentes nos depoimentos à Procuradoria-Geral da República, no âmbito da Lava Jato, e ao TSE.

De acordo com Caetano, tanto Dilma como Temer requerem do TSE que essas delações sejam desconsideradas no julgamento da chapa eleitoral.









, Flávio Caetano Crocci, afirmou nesta quinta-feira que não houve prestação de contas em separado por parte do presidente Michel Temer (PDMB) e que



Tatiana Farah é Repórter do BuzzFeed e trabalha em São Paulo. Entre em contato com ela pelo email tatiana.farah@buzzfeed.com.

Contact Tatiana Farah at Tatiana.Farah@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.

Em parceria com