back to top

Estes são os sinais de que chegou a hora de terminar seu namoro

Pode ser difícil saber quando insistir ou dar um fim na relação.

publicado

Relacionamentos podem ser bem complicados. E é difícil saber quando é a hora de tentar consertar as coisas ou aceitar que talvez você e seu companheiro(a) não são mais compatíveis.

The WB

"Algumas relações não foram feitas para durar para sempre."

Por isso, conversamos com dois especialistas sobre relacionamentos: o psicoterapeuta e conselheiro matrimonial Jean Fitzpatrick e Terri Orbuch, doutora e autora do livro "5 Simple Steps to Take Your Marriage From Good to Great". Eles nos ajudaram a montar uma lista com os sinais de alerta de que talvez seu relacionamento não esteja saudável e também deram alguns conselhos sobre como lidar com esses problemas ou tomar a decisão de que chegou a hora do término.

Os sinais de alerta que têm um asterisco ao lado (*) são os mais graves e devem ser levados a sério, não importa o resultado do teste. Além disso, em um relacionamento onde o abuso físico, emocional ou de substâncias é um problema, a busca por auxílio profissional é essencial.

  1. Marque tudo o que for verdadeiro em seu relacionamento:

    Você discorda de seu parceiro(a) em muitos valores essenciais (sobre fé, filhos, dinheiro, igualdade etc.)
    Seu parceiro(a) faz você se sentir como se não pudesse fazer mais nada direito.
    Suas interações pararam de ser calorosas e acolhedoras.
    Você não sente que são mais carinhosos um com o outro, especialmente em público.
    Seu parceiro(a) não está mais ajudando a manter a vida sexual de vocês interessante e tende a ser bem egoísta na cama.
    Vocês não se esforçam muito para se conectarem com os colegas de trabalho, amigos e família do outro.
    Em vez de lembrar sobre os momentos divertidos, tudo que você pensa é sobre feridas antigas e decepções.
    Sua família e seus amigos estão dizendo que é hora de terminar.
    Você sente que seu parceiro quase não te escuta mais; às vezes parece que você está falando com as paredes.
    Você sente que está sempre usando muita cautela ao redor dele(a), tentando evitar conflitos.
    Você ou seu parceiro(a) evitam conversas sobre o futuro.
    Seu parceiro(a) se recusa a pedir desculpas por qualquer coisa.
    Seu relacionamento parece sugar suas energias, em vez de acrescer ao seu nível de energia ou crescimento pessoal.
    Vocês pararam de flertar ou brincar um com o outro.
    Parece que vocês não têm muito em comum — filmes, livros, programas de TV, passatempos, humor etc.
    Você está começando a ter inveja de seus amigos solteiros.
    Você parou de visualizar seu parceiro(a) como pai ou mãe de seus filhos.
    Você frequentemente faz seus próprios planos para o trabalho, diversão ou férias sem consultar o outro.
    Quando você divide alguma notícia, preocupação ou alegria, seu parceiro(a) não esbanja reação, fica indiferente ou diz algo negativo a respeito.
    Você ou seu parceiro(a) não estão preocupados em resolver esses problemas.
    As brigas podem ficar pesadas, levando a insultos e xingamentos.*
    Vocês estão sempre ligados em seus celulares, computadores ou assistindo TV quando estão perto do outro.
    Você sente que um de vocês está sempre "entendendo as coisas de uma maneira diferente".
    Você e/ou seu parceiro confia(m) mais em seus amigos do que no outro.
    Você está começando a fazer mais planos com seus amigos do que com seu parceiro(a).
    Você não se sente sortudo(a) mais por estar com ele(a) e já começou a compará-lo(a) negativamente com as pessoas que você conheceu.
    Você sente que ele(a) trata as outras pessoas consideravelmente melhor do que trata você.
    Seu parceiro(a) está constantemente criticando, ridicularizando e pondo você pra baixo (às vezes até em público).*
    Você notou que raramente vocês estão sóbrios quando estão juntos — devido ao álcool, drogas etc.
    Há um aumento de ciúme de desconfiança (e não o ciúme ao reagir sobre algo que realmente aconteceu) no relacionamento.
    Você não sente que pode confiar em seu parceiro(a) e se abrir com ele(a).
    Você já falou sobre passos importantes específicos (morar junto, noivar, casar, ter filhos etc.) mas ele(a) fica sempre adiando.
    Você não se sente confortável mais ao dizer "eu te amo".

Estes são os sinais de que chegou a hora de terminar seu namoro

Ao que tudo indica, vocês têm um relacionamento incrível, visto a completa ausência de sinais de alerta. Continuem com o bom trabalho!

A união de vocês parece bastante forte. Clique para ver o GIF Clique para ver o GIF
wifflegif.com
Take quizzes and chill with the BuzzFeed app.
Get the app

Vocês têm uma relação sólida, mas se beneficiariam com um pouco mais de comunicação e estratégias de gerenciamento de conflitos. Fitzpatrick e Orbuch recomendam trabalhar no aperfeiçoamento de seu relacionamento valorizando mais o seu parceiro(a) diariamente, expressando com mais frequência suas necessidades e aprendendo o melhor método de abordar os conflitos. Pode ser também que seu relacionamento ainda seja recente e existam algumas pequenas manias ou coisas que vocês precisam aprender sobre o outro. Isso é normal!

O laço de vocês parece bem forte, mas pode ser bom resolver algumas coisas. Clique para ver o GIF Clique para ver o GIF
NBC / tenor.co
Take quizzes and chill with the BuzzFeed app.
Get the app

É provável que seu relacionamento precise de mais atenção se você quiser que ele seja sustentável, dizem os especialistas. Eles recomendam que vocês reservem 20 minutos por dia para sentarem e se conectarem (livre de tecnologias, por favor). Se houver problemas que continuam surgindo, conversem sobre eles em vez de ignorá-los ou esperar que desapareçam. Tire um tempo para conversarem sobre como solucionar ou ajustar problemas recorrentes. Também pode ser o caso de que as expectativas de seu parceiro(a) não sejam realistas. Definir padrões que sejam muito altos para serem atingidos só levará à frustração, decepções e ressentimentos.

Se você quer que seu relacionamento dure, deverá trabalhar um pouco mais para isso. Clique para ver o GIF Clique para ver o GIF
Disney / imgur.com
Take quizzes and chill with the BuzzFeed app.
Get the app

Fitzpatrick e Orbuch dizem que a boa notícia é que muitas vezes é possível reverter esses problemas. Se esse relacionamento é importante para você, eles recomendam aprender sobre maneiras não tóxicas de lidar com o conflito e reconstruir o respeito mútuo e a intimidade. Caso contrário, esse problemas ficarão ainda piores e difíceis de serem consertados. Para isso será necessário mudança, compromisso e empenho dos dois lados. Os especialistas sugerem que vocês busquem aconselhamento ou a ajuda de outro especialista da área da saúde, caso você e seu parceiro estejam realmente querendo as mudanças.

Se você quiser salvar esse relacionamento, é melhor começar a trabalhar nele. Clique para ver o GIF Clique para ver o GIF
tenor.co
Take quizzes and chill with the BuzzFeed app.
Get the app

Não parece que você está feliz ou satisfeito com o seu relacionamento. Orbuch e Fitzpatrick acreditam que isso significa que ou você não está no momento ideal para uma parceria romântica a sério ou seu companheiro(a) não é a pessoa certa para você. Pergunte a si mesmo se você consegue confiar e se importar com alguém neste momento de sua vida. E também pergunte quais as qualidades que você realmente busca em uma parceria romântica e se você está obtendo-as no momento. Se a resposta for não, o que você precisa mudar para que possa se sentir feliz, seguro e realizado nesse relacionamento? Há uma chance de que você e seu parceiro podem solucionar esses problemas, mas também é bem possível que essa não seja a relação adequada para você. Confira aqui outros sinais de que você precisa terminar seu relacionamento e veja aqui como fazer isso como um adulto.

Seu relacionamento já deve ter ido além do limite da salvação. Clique para ver o GIF Clique para ver o GIF
gifrific.com
Take quizzes and chill with the BuzzFeed app.
Get the app

Este post foi traduzido do inglês.

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss