back to top

30 coisas que especialistas em sexo querem que você saiba sobre sexo anal

Basicamente... tudo.

publicado

Podemos apostar que suas aulas de educação sexual nem discutiam essa modalidade.

Paramount Pictures / Via rebloggy.com

"Não faça sexo, porque você vai ficar grávida... e morrer."

O sexo anal é um tipo de modalidade sexual que as pessoas sempre praticaram, mas, ainda hoje, não há muitos conselhos e dicas sobre como melhor aproveitá-lo — especialmente se compararmos à quantidade de informações sobre sexo oral e vaginal. Então, o BuzzFeed Health resolveu conversar com alguns educadores e terapeutas sexuais para reunir as informações sobre sexo anal que provavelmente estavam faltando na sua vida:

Logan Levkoff, PhD, educadora sexual e autora de "Third Base Ain't What It Used To Be" [Os 'Finalmentes' Não São Mais Como Antes, em tradução livre]

Charlie Glickman, PhD, educador sexual e autor de"The Ultimate Guide to Prostate Pleasure" [O Guia Definitivo para o Prazer da Próstata, em tradução livre]

Emily Morse, PhD, sexóloga e locutora no programa de rádio e podcast "Sex with Emily" [Sexo com Emily, em tradução livre]

Kat Van Kirk, PhD, terapeuta sexual e autora de "The Married Sex Solution" [A Solução do Sexo no Casamento, em tradução livre]

1. Antes de mais nada, o sexo anal pode ser prazeroso para qualquer pessoa. Definitivamente não tem a ver com uma sexualidade ou identidade de gênero específica.

"As pessoas presumem que quem gosta de sexo anal é homossexual, ou que só um grupo de pessoas gosta, ou que é estranho, vergonhoso ou errado porque o ânus só serve como 'saída'", disse Van Kirk ao BuzzFeed Health. "Mas isso não é verdade. Qualquer um pode experimentar e aproveitar. Na verdade, o sexo anal é a principal modalidade de sexo em muitos países onde não há métodos anticoncepcionais disponíveis." Então, não sinta vergonha de si mesmo ou de seu parceiro ou de outras pessoas por querer ou gostar de sexo anal. "Há pouquíssima matéria fecal nessa região do reto e a limpeza é similar à do sexo vaginal", diz. "O problema é que muitas pessoas já tiveram experiências ruins ao tentar fazer sexo anal, simplesmente porque não sabiam bem o que estavam fazendo, e isso acabou as afastando da ideia. Muitas pessoas ficariam surpresas com o quanto isso pode ser prazeroso, se feito corretamente."Essa região tem muitas terminações nervosas, diz Van Kirk, por isso pode proporcionar prazer à qualquer pessoa, independentemente de ter uma próstata ou não (mas vamos falar sobre isso mais tarde).
Lolostock / Getty Images

"As pessoas presumem que quem gosta de sexo anal é homossexual, ou que só um grupo de pessoas gosta, ou que é estranho, vergonhoso ou errado porque o ânus só serve como 'saída'", disse Van Kirk ao BuzzFeed Health. "Mas isso não é verdade. Qualquer um pode experimentar e aproveitar. Na verdade, o sexo anal é a principal modalidade de sexo em muitos países onde não há métodos anticoncepcionais disponíveis."

Então, não sinta vergonha de si mesmo ou de seu parceiro ou de outras pessoas por querer ou gostar de sexo anal. "Há pouquíssima matéria fecal nessa região do reto e a limpeza é similar à do sexo vaginal", diz. "O problema é que muitas pessoas já tiveram experiências ruins ao tentar fazer sexo anal, simplesmente porque não sabiam bem o que estavam fazendo, e isso acabou as afastando da ideia. Muitas pessoas ficariam surpresas com o quanto isso pode ser prazeroso, se feito corretamente."

Essa região tem muitas terminações nervosas, diz Van Kirk, por isso pode proporcionar prazer à qualquer pessoa, independentemente de ter uma próstata ou não (mas vamos falar sobre isso mais tarde).

2. Não tenha sua primeira vez se estiver sob efeito de entorpecentes ou sem se planejar antes. É obrigatório que haja consenso de ambas as partes.

giphy.com / Via Instagram: @plannedparenthood

"Quando eu digo 'não', significa 'não'."

"Por ser uma questão desconfortável de se falar a respeito, muitas pessoas tiveram sua primeira vez enquanto estavam bêbadas ou sem planejamento, através de uma penetração ~acidental~", diz Van Kirk. "Se você pretende fazer sexo anal, converse com a outra pessoa, pois ambas devem estar de acordo sobre a prática."

3. O lubrificante é o seu melhor amigo. Escolha um mais espesso, pois a duração tende a ser maior.

"O ânus, diferentemente da vagina, não conta com uma lubrificação natural", diz Van Kirk. "Então é necessário usar bastante lubrificante, senão a penetração não será suave e causará dor." Ela recomenda lubrificantes à base de silicone ou à base d'água, mas mais espessos que o normal para que eles durem mais e não "sequem" no meio do ato. E não use lubrificantes à base de óleo se for usar camisinha, pois o atrito pode causar rompimento do látex.
popkey.co

"O ânus, diferentemente da vagina, não conta com uma lubrificação natural", diz Van Kirk. "Então é necessário usar bastante lubrificante, senão a penetração não será suave e causará dor."

Ela recomenda lubrificantes à base de silicone ou à base d'água, mas mais espessos que o normal para que eles durem mais e não "sequem" no meio do ato. E não use lubrificantes à base de óleo se for usar camisinha, pois o atrito pode causar rompimento do látex.

4. Filmes pornô são o pior lugar para aprender sobre sexo anal.

giphy.com / Via giphy.com

"As mentiras"

"Assistir a filmes pornôs é como ver um programa de culinária onde o chef está cortando cebolas e, de repente, elas aparecem magicamente picadas na mesa, sem casca espalhada, tábua de corte suja ou alguém com os olhos ardendo", disse Glickman para o BuzzFeed Health.

"Nesses filmes, não há preliminares, não há uso de lubrificante e você não vê as pessoas conversando sobre consentimento. É bem irreal."

"Você pode até usá-los para se excitar, mas não espere aprender algo com isso", disse Morse ao BuzzFeed Health. "Não tem como as posições, o ritmo e a profundidade da penetração serem agradáveis para a pessoa. Sinceramente, sinto dor só de assistir."

5. Independentemente do seu status atual, o melhor é sempre usar camisinha.

As camisinhas são muito eficazes na prevenção e contaminação de DSTs e HIV, então elas são fundamentais para o sexo. Mesmo que você e seu parceiro (ou parceira) estejam em um relacionamento monogâmico e com os exames em dia, é melhor usar camisinha. Levkoff disse ao BuzzFeed Health: "Usar camisinha reduz o risco de proliferação de bactérias, contaminação por DST e o risco de desenvolver problemas na próstata, porque as bactérias podem entrar pela uretra, além de evitar uma possível gravidez." Sim — gravidez. Para que uma mulher engravide, é preciso que o esperma passe pela vagina (e depois pelo cérvix, útero etc.), e isso pode ser possível (embora pouco provável) no sexo anal, dependendo da posição. Então, ejacular na bunda de uma mulher pode não ser uma boa ideia, caso não haja nenhum método contraceptivo envolvido.
instagram.com / Via Instagram: @plannedparenthood

As camisinhas são muito eficazes na prevenção e contaminação de DSTs e HIV, então elas são fundamentais para o sexo. Mesmo que você e seu parceiro (ou parceira) estejam em um relacionamento monogâmico e com os exames em dia, é melhor usar camisinha.

Levkoff disse ao BuzzFeed Health: "Usar camisinha reduz o risco de proliferação de bactérias, contaminação por DST e o risco de desenvolver problemas na próstata, porque as bactérias podem entrar pela uretra, além de evitar uma possível gravidez."

Sim — gravidez. Para que uma mulher engravide, é preciso que o esperma passe pela vagina (e depois pelo cérvix, útero etc.), e isso pode ser possível (embora pouco provável) no sexo anal, dependendo da posição. Então, ejacular na bunda de uma mulher pode não ser uma boa ideia, caso não haja nenhum método contraceptivo envolvido.

6. É recomendável colocar uma camisinha nos dedos ou em acessórios sexuais, também.

instagram.com / Via Instagram: @plannedparenthood

"Camisinhas mantêm os seus brinquedos sexuais limpos."

"É bom usar camisinha, seja no pênis, em uma cinta peniana ou outro acessório", diz Levkoff. "Algumas pessoas têm mais de um parceiro e, às vezes, usam o mesmo brinquedo sexual em todos. Então, por questões de higiene e segurança, também é bom lavar bem os acessórios. Nem todo mundo cuida da saúde como deveria, então é melhor ser esperto e se cuidar."

E, se for usar sua mão, use uma camisinha nela também ou, então, uma luva descartável.

7. É recomendável usar lençóis escuros ou deitar em uma toalha antes de começar.

Old Spice / Via reddit.com

Assim, se o lubrificante ou algum fluido corporal vazar, é só colocar a peça pra lavar, sem se preocupar em limpar a área toda, diz Glickman.

Ele também diz que, se você for usar luvas ou camisinhas, não é bom só deixá-las de lado. Em vez disso, descarte-as imediatamente no lixo quando terminar e lave as mãos.

8. Fique longe de pomadas anestésicas.

"Nunca use pomadas anestésicas", diz Glickman. "É como tomar uma dose de novocaína no dentista e tentar comer depois sem sentir o rosto. Há pessoas que já se machucaram seriamente por não conseguir sentir o que estava acontecendo lá atrás."
jackflacco.com

"Nunca use pomadas anestésicas", diz Glickman. "É como tomar uma dose de novocaína no dentista e tentar comer depois sem sentir o rosto. Há pessoas que já se machucaram seriamente por não conseguir sentir o que estava acontecendo lá atrás."

9. Comece com as preliminares e estimule a pessoa com as mãos antes de penetrá-la.

imgur.com

A maioria das pessoas precisa de preliminares antes que a penetração vaginal seja confortável e isso também vale para a penetração anal, diz Glickman.

"Acaricie a região do reto enquanto faz sexo oral no seu parceiro ou parceira. Quanto mais você conseguir estimular a região anal eroticamente, mais prazer vai conseguir dar àquela parte do corpo ao longo do tempo", diz Glickman. "Será mais fácil para a outra pessoa relaxar e sentir o que você está fazendo."

Use seus dedos para fazer círculos lentos e profundos ao redor da superfície anal, como se estivesse massageando um pescoço. Também é possível usar um vibrador na área, se a pessoa gostar (só não o coloque dentro do ânus).

10. A pessoa penetrada deve estar sempre no controle.

Sony Pictures / Via reddit.com

"Olhe para mim. Olhe para mim. Eu sou o capitão agora."

"Quem deve controlar o ritmo, a profundidade e a posição deve ser a pessoa que está sendo penetrada, para que a experiência seja a mais confortável possível e não cause ferimentos", diz Van Kirk. "Se a pessoa penetrada estiver confortável e aproveitando o momento, então a experiência será ótima para ambos."

Para evitar ordens e direcionamentos em cima da hora, é melhor conversar antes para garantir que ambos estão cientes de tudo o que vai acontecer.

11. Comece com posições mais confortáveis e fáceis para a penetração anal.

Glickman recomenda começar com seu rosto virado para baixo, apoiando-se nos cotovelos e nos joelhos, em vez das mãos e joelhos, porque o quadril deve estar mais alto do que os ombros para facilitar o acesso de quem vai penetrar. Ele também recomenda experimentar uma posição onde a pessoa penetrada esteja de pé e inclinada sobre a cama ou, então, no estilo "cavalgada" para poder controlar totalmente a profundidade da penetração e o ritmo. "Se decidir experimentar uma posição de bruços, coloque um travesseiro ou toalha dobrada sob os quadris para erguê-los. Isso facilitará o acesso e deixará a coluna em uma posição mais confortável para a penetração", diz Glickman.
youtube.com / Via giphy.com

Glickman recomenda começar com seu rosto virado para baixo, apoiando-se nos cotovelos e nos joelhos, em vez das mãos e joelhos, porque o quadril deve estar mais alto do que os ombros para facilitar o acesso de quem vai penetrar. Ele também recomenda experimentar uma posição onde a pessoa penetrada esteja de pé e inclinada sobre a cama ou, então, no estilo "cavalgada" para poder controlar totalmente a profundidade da penetração e o ritmo.

"Se decidir experimentar uma posição de bruços, coloque um travesseiro ou toalha dobrada sob os quadris para erguê-los. Isso facilitará o acesso e deixará a coluna em uma posição mais confortável para a penetração", diz Glickman.

12. Experimente se masturbar durante a penetração para relaxar mais e aproveitar a experiência.

"Não é que as mulheres não consigam aproveitar o sexo anal", diz Van Kirk. "Mas é importante se masturbar ou estimular o clitóris de alguma outra forma durante a penetração anal, porque isso vai confundir os receptores de dor/prazer no sistema nervoso, o que ajuda a se concentrar no prazer com uma sensação que já é familiar para você. Assim, você ficará mais relaxada e aproveitará mais o momento."
New Line Cinema / Via imgur.com

"Não é que as mulheres não consigam aproveitar o sexo anal", diz Van Kirk. "Mas é importante se masturbar ou estimular o clitóris de alguma outra forma durante a penetração anal, porque isso vai confundir os receptores de dor/prazer no sistema nervoso, o que ajuda a se concentrar no prazer com uma sensação que já é familiar para você. Assim, você ficará mais relaxada e aproveitará mais o momento."

13. Usar acessórios sexuais durante o sexo anal também pode ser divertido. Só verifique se eles são apropriados para a região anal.

"Acessórios sexuais facilitam muito a penetração anal", segundo Glickman. "Eles dão mais opções, o que significa mais formas de aproveitar a experiência."Ele recomenda começar com brinquedos que sejam feitos de materiais fáceis de limpar, como silicone (que é não poroso e não causa alergias), com o lado mais fino e macio, sem superfícies ásperas ou protuberâncias. A base também deve ser achatada para que o acessório não entre demais e fique preso no seu reto (motivo do qual as pessoas vão ao pronto-socorro o tempo todo).
Comedy Central / Via newnownext.com

"Acessórios sexuais facilitam muito a penetração anal", segundo Glickman. "Eles dão mais opções, o que significa mais formas de aproveitar a experiência."

Ele recomenda começar com brinquedos que sejam feitos de materiais fáceis de limpar, como silicone (que é não poroso e não causa alergias), com o lado mais fino e macio, sem superfícies ásperas ou protuberâncias. A base também deve ser achatada para que o acessório não entre demais e fique preso no seu reto (motivo do qual as pessoas vão ao pronto-socorro o tempo todo).

14. E você pode brincar com o seu ânus sozinho(a) também.

reddit.com

"Descobrir o que é prazeroso para você antes de praticar sexo anal pode ajudar a melhorar a experiência", diz Morse. "Comece tendo um orgasmo para se sentir bem e, depois, fique em frente a um espelho, passe lubrificante no seu dedo e acaricie a área. Isso dará uma boa noção do tipo de pressão e ritmo mais agradáveis para você."

15. Sim, pode acontecer de você dilacerar e machucar seu ânus, então, vá devagar e não force a penetração.

funnyjunk.com

O tecido próximo ao ânus é bem sensível, então é importante ir devagar para não ficar com a pele irritada ou machucada.

"Há tantas terminações nervosas na abertura do ânus que pode ser gostoso se concentrar apenas na entrada", explica Morse. "Na primeira vez, a penetração não precisa ser completa. Aliás, nem deve ser."

Você pode começar colocando o dedo mindinho e ir aumentando aos poucos. "Não acelere a penetração anal", diz. "Dê um passo de cada vez, até se sentir mais confortável."

16. É SIM fisicamente possível que mulheres cis tenham orgasmos com a penetração anal.

Sony Pictures / Via popkey.co

Sim, é possível estimular o ponto G através do reto e ter um orgasmo, diz Van Kirk. Dito isso, também não há nada de errado em não gozar dessa forma.

"É geralmente um fator aleatório, porque o ponto G, anatomicamente, dependendo da mulher, pode estar mais presente ao longo da parede, enquanto em outros casos, não", explica.

"Na maioria das vezes, as pessoas ficam nervosas, o corpo fica tenso e elas não conseguem sentir prazer nem gozar, mesmo que tivessem a sorte de conseguir gozar por trás."

17. E homens cis também podem gozar, mas com estímulos na próstata.

Warner Bros. / Via photobucket.com

A próstata é bem similar ao ponto G, de acordo com Glickman, e a razão pela qual homens gostam de estímulos nela é que, toda vez que ela é tocada, parece o início de um orgasmo. Mas, em vez de durar apenas um segundo, dura enquanto houver estímulo.

"A próstata fica de 7 a 10 cm para dentro do reto e tem cerca de 2,5 cm de diâmetro", explica Glickman. "É mais fácil para um parceiro encontrar a próstata depois das preliminares porque, durante a excitação, ela produz fluidos que a deixam mais cheia, como um balão." Mulheres trans também têm próstatas, diz Glickman, mas os hormônios usados no processo de transição podem fazer a glândula encolher e ficar menos sensível.

Quando encontrar a próstata, você deve estimulá-la como se fosse o ponto G. Então, use técnicas do ponto G, como mover o dedo para frente e para trás, para as laterais e também dando pequenos tapas. Ele ainda ressalta que se deve "tocar, não cutucar". Use a parte carnuda do seu dedo e não a parte da unha, com movimentos fixos e lentos e começando com uma pressão mais leve.

18. Sincronizar sua respiração com a penetração pode deixar as coisas mais confortáveis.

20th Century Fox / Via popkey.co

"A respiração profunda reduz a ansiedade e também relaxa o músculo do esfíncter, essencial para o sexo anal", diz Morse. "Toda vez que a pessoa penetrada inspirar, você pode empurrar um pouco mais e, quando ela expirar, puxe um pouco. Sempre ouça o que a pessoa tem a dizer e espere até ela estar pronta para mais ou para parar."

19. Nunca vá do sexo anal para o vaginal sem trocar de camisinha ou higienizar bem a área.

"Não vá direto do sexo anal para o vaginal, porque você pode passar bactérias de uma região para a outra — é assim, inclusive, que se contrai uma infecção urinária", diz Levkoff. "Não use lubrificante demais também, para não vazar da região anal para a vagina — dependendo da posição — pois isso também pode espalhar bactérias."
giphy.com

"Não vá direto do sexo anal para o vaginal, porque você pode passar bactérias de uma região para a outra — é assim, inclusive, que se contrai uma infecção urinária", diz Levkoff.

"Não use lubrificante demais também, para não vazar da região anal para a vagina — dependendo da posição — pois isso também pode espalhar bactérias."

20. Antes de fazer sexo anal, evite comer alimentos que você sabe que não vão cair bem.

dreams-are-hidden-nightmares.tumblr.com

"As pessoas precisam se lembrar que fazer sexo sempre gera bagunça e que alguns vazamentos podem ocorrer", diz Morse. "Mas, se você segue uma dieta saudável, tem um intestino regulado e está se relacionando com alguém de confiança, não há motivo para preocupação."

Ela recomenda seguir uma dieta saudável e conferir quais alimentos causam reações adversas no seu organismo. Algumas pessoas podem comer feijão sem problema algum. Outras comem e sentem que não poderia haver momento pior para fazer sexo anal. Ouça seu corpo.

Mesmo assim, podem haver traços de matéria fecal no reto, de acordo com Morse, então é melhor desencanar disso se realmente houver vontade de fazer sexo anal.

21. E se você acha que está com vontade de fazer cocô. Então, provavelmente, você precisa fazer cocô.

"É provável que você não faça cocô durante o sexo anal", diz Levkoff. "Mas, se estiver com vontade de ir ao banheiro, é melhor parar, avisar que está se sentindo desconfortável, pedir licença e ir."O sexo anal não é uma atividade que você precisa acertar de primeira. Relaxe, respire, vá com calma e não tenha medo de expressar suas vontades.
FOX / Via reactiongifs.com

"É provável que você não faça cocô durante o sexo anal", diz Levkoff. "Mas, se estiver com vontade de ir ao banheiro, é melhor parar, avisar que está se sentindo desconfortável, pedir licença e ir."

O sexo anal não é uma atividade que você precisa acertar de primeira. Relaxe, respire, vá com calma e não tenha medo de expressar suas vontades.

22. E, sim, há chances de ocorrerem alguns barulhos estranhos durante o ato.

youtube.com / Via tenor.co

Independentemente do que estiver fazendo, corpos fazem barulho de qualquer forma e isso é algo que todo mundo tem que aceitar e levar na boa, diz Levkoff.

"Qualquer tipo de penetração leva ar para dentro do corpo e esse ar faz barulhos engraçados quando sai", explica. "Vai acontecer. E se todo mundo ficasse preocupado com isso, então ninguém nunca ia transar. É difícil ter prazer se você não está concentrado no momento."

23. Falando nisso, preparar-se mentalmente é tão importante quanto se preparar fisicamente (se não mais).

"O fato é que nossas mentes têm a incrível capacidade de fazer as coisas serem menos prazerosas caso não estejamos totalmente afim de fazer algo", diz Levkoff. "Se nos sentimos nervosos ou desconfortáveis, o corpo dá um jeito de mostrar isso — os músculos travam, não é possível relaxar e nem se preparar para a situação, o que significa que será difícil sentir prazer."
Disney

"O fato é que nossas mentes têm a incrível capacidade de fazer as coisas serem menos prazerosas caso não estejamos totalmente afim de fazer algo", diz Levkoff. "Se nos sentimos nervosos ou desconfortáveis, o corpo dá um jeito de mostrar isso — os músculos travam, não é possível relaxar e nem se preparar para a situação, o que significa que será difícil sentir prazer."

24. Não tem problema beber uma taça de vinho antes, mas tente não exagerar.

ABC / Via giphy.com

"Uma taça de vinho pode ajudar a relaxar, mas algumas pessoas acabam exagerando, ficando bêbadas e o sexo acaba sendo doloroso", diz Morse. "É muito mais produtivo respirar profundamente, prolongar as preliminares ou ouvir música para ajudar a relaxar."

25. É normal se sentir desconfortável ao conversar sobre sexo anal. Tente aproveitar o momento, sempre conversando honestamente com seu parceiro ou parceira.

imgur.com

"O desconforto não quer dizer que você não tem intimidade com a pessoa ou que não está em um relacionamento saudável. O que acontece é que nós fomos criados para ver o sexo como tabu", diz Levkoff. "Sugerir a um parceiro ou parceira que você deseja experimentar algo novo será desconfortável, independentemente do que seja. Temos uma tendência a esquecer que a intimidade sexual tem a ver com ser vulnerável e capaz de ter essas conversas. Isso faz parte de todos nós. Faz parte da maturidade sexual."

Então, enfrente o desconforto de frente, ela sugere. Você pode dizer "Olha, tem algo que eu sempre quis experimentar. Eu sei que não deveria estar desconfortável ao falar sobre isso, mas eu estou. Lá vai..."

26. Tome um banho e limpe bem suas partes antes de começar para que a experiência seja limpa e saudável para os dois.

Cartoon Network / Via pandawhale.com

"e nem é meu aniversário."

Se não tiver tempo de tomar banho, use lenços umedecidos (daqueles de bebê, que não contêm álcool).

E, embora algumas pessoas tenham o hábito de remover os pelos da região anal (porque assim fica mais sensível ao toque), tenha cuidado.

27. Também é possível fazer um enema (a famosa "chuca") antes, se isso deixar você mais confortável e confiante.

"Se o seu intestino funciona regularmente e você evacuou algumas horas antes do ato, então não é preciso se preocupar", diz Morse. "Mas se você acha que vai se sentir mais confortável com um enema, vá em frente." Se não quiser fazer um enema, você pode limpar a região anal com um sabão antialérgico ou lenço umedecido. Se quiser limpar ~mais profundamente~ insira a ponta do seu dedo, gentilmente.
MIC / Via giphy.com

"Se o seu intestino funciona regularmente e você evacuou algumas horas antes do ato, então não é preciso se preocupar", diz Morse. "Mas se você acha que vai se sentir mais confortável com um enema, vá em frente."

Se não quiser fazer um enema, você pode limpar a região anal com um sabão antialérgico ou lenço umedecido. Se quiser limpar ~mais profundamente~ insira a ponta do seu dedo, gentilmente.

28. E, se pretende usar os dedos, confira se todas as unhas estão bem aparadas e lixadas.

Unhas limpas e curtas e mãos com luvas são ideais, de acordo com Morse, porque o tecido ao redor do ânus é bem sensível e pode se machucar facilmente. A última coisa que você pode querer nesse momento é machucar sua região anal com as unhas.
youtube.com / Via giphy.com

Unhas limpas e curtas e mãos com luvas são ideais, de acordo com Morse, porque o tecido ao redor do ânus é bem sensível e pode se machucar facilmente.

A última coisa que você pode querer nesse momento é machucar sua região anal com as unhas.

29. E, se você não estiver afim, não force.

"Vai ser um não para mim, Dawg!""Mesmo pessoas que já experimentaram o sexo anal algumas vezes podem não se sentir à vontade em algumas situações", diz Glickman. "Ouça seu corpo, porque se você estiver se sentindo tensa, estressada, com raiva, cansada ou simplesmente não estiver no clima, seu corpo não será receptivo ao sexo anal e a experiência não será proveitosa."Também é recomendável alinhar as expectativas com seu parceiro antes de começar. "Você pode dizer 'Olha, eu quero fazer isso, mas, se eu não curtir, não vou querer fazer de novo'", sugere Levkoff. "É importante que isso esteja bem definido. Se a outra pessoa disser 'Mas se eu gostar, vou querer mais', bom, então quer dizer que não vale a pena estar em um relacionamento com essa pessoa.
pinterest.com

"Vai ser um não para mim, Dawg!"

"Mesmo pessoas que já experimentaram o sexo anal algumas vezes podem não se sentir à vontade em algumas situações", diz Glickman. "Ouça seu corpo, porque se você estiver se sentindo tensa, estressada, com raiva, cansada ou simplesmente não estiver no clima, seu corpo não será receptivo ao sexo anal e a experiência não será proveitosa."

Também é recomendável alinhar as expectativas com seu parceiro antes de começar. "Você pode dizer 'Olha, eu quero fazer isso, mas, se eu não curtir, não vou querer fazer de novo'", sugere Levkoff. "É importante que isso esteja bem definido. Se a outra pessoa disser 'Mas se eu gostar, vou querer mais', bom, então quer dizer que não vale a pena estar em um relacionamento com essa pessoa.

30. Um pouco de nervosismo é normal — só tenha certeza de que você está pronto(a) e está fazendo isso porque quer.

Warner Bros. Pictures / Via tenor.co

"Meu corpo está pronto."

Segundo Levkoff, todo mundo costuma ficar nervoso. Tem uma coisa prestes a entrar na sua bunda! Mas, se você só está fazendo isso para agradar a outra pessoa (ou vice-versa), então, não será tão gostoso e as coisas não vão terminar bem.

Faça só se tiver vontade. E pare se achar que deve parar.

Lembre-se: seja paciente e relaaaaaxe. Ninguém nasce sabendo!

giphy.com / Via giphy.com

"Só vá com calma, ok?"

Em junho, o BuzzFeed Brasil celebra o respeito à diversidade. Acesse os demais conteúdos da Semana LGBT aqui.

Leia também:

Este post foi traduzido do inglês.

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil?

Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.