back to top

Em dia de nova denúncia contra Lula e Dilma, Fachin arquiva inquérito que investigava nomeação de ministro do STJ

A pedido de Rodrigo Janot, inquérito que investigava Dilma, José Eduardo Cardozo e dois ministros do STJ foi arquivado

publicado

No mesmo dia em que os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff foram novamente denunciados, o ministro do STF Edson Fachin determinou o arquivamento do inquérito que investigava os dois petistas, o ex-ministro José Eduardo Cardozo, o ex-presidente do STJ Francisco Falcão e o ministro da corte Navarro Ribeiro Dantas.

Se, por um lado, Lula e Dilma foram denunciados por obstruir a Justiça no episódio que tentou levar o ex-presidente à Casa Civil, acabaram inocentados por uma outra suposta tentativa de obstrução. No caso, a indicação de Navarro Ribeiro Dantas para o STJ com o objetivo de embaraçar a Lava Jato.

O pedido de arquivamento foi feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot.

Dilma Rousseff
Apu Gomes / AFP / Getty Images

Dilma Rousseff

Devido à delação de Delcídio do Amaral, além de Dilma, Lula, Cardozo e Navarro Ribeiro, também era investigado o ex-presidente do STJ Francisco Falcão, que comandou a corte quando o colega foi empossado.

O arquivamento é mais um problema para Delcídio do Amaral, que, tal como aconteceu com a JBS, pode ver seu acordo de colaboração ruir, uma vez que tem tido pouca eficiência em provar os delitos por ele delatados.

Severino Motta é repórter do BuzzFeed News, em Brasília

Contact Severino Motta at severino.motta@BuzzFeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil?

Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.