back to top

12 coisas que você provavelmente não sabia sobre o É o Tchan

SPOILERS: Eles tocaram num festival de jazz na Suíça e foram tema de uma tese de mestrado.

publicado
Publicidade

5. A introdução de Melô do Tchan lembra muito um trecho instrumental da versão dos Novos Baianos para Samba da Minha Terra.

Ouça o trecho dos Novos Baianos:

Ouça a introdução de Melô do Tchan:

Publicidade
bi-o-e-ner-gé-ti-cas.f. Estudo das transformações e trocas energéticas nos ou entre seres vivos e o ambiente.
Sistema de terapia que combina respiração e exercícios corporais, psicoterapia e livre expressão de impulsos e emoções, para libertar energias psíquicas e físicas bloqueadas.
Publicidade
No terceiro capítulo – "Os significados da música do Tchan" (p. 111-47) – a autora, alinhando-se à concepção da música como "um modo especial de comunicação" (p. 113), faz uma incursão pelo campo da semiologia musical, partindo da idéia de "signo" conforme conceituada por Saussure e depois por Peirce e apoiando-se no senso antropológico de Blacking para enfatizar a importância da relativização da escuta para o estudo adequado da música como fenômeno sociocultural. A parte central do capítulo é constituída pelo estudo de dois sucessos do É o Tchan, baseado em elementos das metodologias propostas por Jean Jacques Nattiez e Philip Tagg.
Publicidade