go to content

Aqui está tudo o que você precisa saber sobre o novo iPhone 7 e 7 Plus

Os aparelhos não têm entrada de áudio analógica e são resistentes à água

publicado

A Apple anunciou na última quarta (7) seus novos iPhones, o iPhone 7 e 7 Plus. À primeira vista, eles não *parecem* tão diferentes das versões anteriores (não que isso importe muito, porque você provavelmente vai colocá-lo numa capinha) — mas, como esperado, houve várias modificações.

Os EarPods, os fones brancos da Apple, estão abandonando o padrão de entrada analógica de áudio de 3,5mm. Agora, eles se conectarão ao iPhone por meio de um cabo Lightning, o que significa que você não poderá mais usá-los no seu computador ou MP3 player.

Porém, para diminuir o choque da mudança, os novos iPhones 7 e 7 Plus virão com um adaptador que conecta o plugue analógico comum à entrada Lightning. Esse adaptador também poderá ser comprado separadamente por US$ 9 nos EUA.

Mas a mão que tira também dá.

Os novos iPhones finalmente são resistentes à água, seguindo a onda do Galaxy S7 e do Note7, da Samsung.

O iPhone 7 e o 7 Plus podem ficar por 30 minutos submersos a até 1 metro de profundidade. Isso significa que, caso seu iPhone caia na privada, ele vai sobreviver. No entanto, ele não pode ser levado para fazer um mergulho profissional.


As câmeras do iPhone também ficaram mais rápidas e poderão capturar imagens com uma gama de cores maior do que os modelos anteriores. A câmera FaceTime frontal agora pode tirar selfies de até 7 megapixels (no 6s, eram 5 megapixels). Tanto a versão 7 como o 7 Plus também terão estabilização de imagem ótica.

A câmera traseira do iPhone 7 conta com uma "lente de seis elementos da Apple" (os modelos anteriores são de cinco elementos), abertura do diafragma de f/1.8 e um novo sensor de 12 megapixels que é 60% mais rápido e 30% mais eficiente ao usar energia.

O novo flash ("True Tone Flash") tem quatro LEDs e fornece 50% mais luz do que o modelo anterior. O Live Photos também pode ser editado e estabilizado.

Também haverá um novo e potente processador de imagem no iPhone 7.

O processador, que pode calcular 100 bilhões de operações em 25 milésimos de segundo, atende aos "padrões P3 de cinema".

O maior dos iPhones, o 7 Plus, agora tem duas câmeras traseiras.

Há uma grande-angular de 12 megapixels e uma teleobjetiva de 12 megapixels, lado a lado. As imagens capturadas por cada lente são combinadas em uma foto única e otimizada. As lentes têm um zoom ótico "puro" de 2x e um zoom digital de 10x, mas são limitadas a um zoom de 6x para gravação de vídeo.

Até o final do ano, será lançada uma atualização que permitirá ao usuário fazer imagens com o primeiro plano em foco e o fundo ofuscado, o chamado efeito bokeh.

Além das atualizações da câmera, houve vários ajustes de hardware. O principal botão do iPhone passará a ser sólido, ou seja, não se moverá mais fisicamente quando pressionado, mas continuará dando essa impressão por meio de vibrações.

A tela é 25% mais brilhante, suporta a tecnologia 3D Touch (introduzida no 6s no ano passado) e, como o 9.7 iPad Pro, suporta maior gama de cores. A vida útil da bateria foi levemente melhorada (duas horas a mais para o 7 e uma hora a mais para o 7 Plus, em comparação com o 6 e o 6 Plus, respectivamente). O aparelho também terá um novo alto-falante externo (no topo do aparelho), capaz de reproduzir áudio em modo estéreo.

Há um novo chip que impulsiona o iPhone, chamado A10 Fusion. O A10 tem quatro núcleos (dois a mais do que o anterior) e dois desses núcleos são de alta performance (40% mais rápido que o A9 no 6s). Os dois núcleos restantes são altamente eficientes e funcionam a um quinto da potência dos núcleos de alta performance. O motor de gráficos também foi melhorado (50% mais rápido do que o chip A9 anterior).

O iPhone 7 e 7 Plus funciona com iOS 10, o que inclui uma atualização do iMessage, novas habilidades para Siri e um app para dispositivos de smart-home chamado Home.

E, finalmente, os iPhones vêm em NOVAS CORES (novamente, não que isso importe, porque você irá/deverá usar uma capinha). Além de dourado, prata e rosa dourado, haverá um "black" com acabamento fosco "anodizado" e o "jet black", com acabamento de alto brilho que faz o vidro da parte posterior do aparelho parecer que está derretendo.

Estes aparelhos, desbloqueados, custarão nos EUA o mesmo preço do iPhone 6s e 6s Plus.

Todos eles terão a partir de 32Gb de armazenamento interno. Nos EUA, o iPhone 7 custará a partir de $649 e o iPhone 7 Plus a partir de $769. A pré-venda começa em 9 de setembro.

Nicole Nguyen covers products and personal technology for BuzzFeed News and is based in San Francisco.

Contact Nicole Nguyen at nicole.nguyen@buzzfeed.com.

Got a confidential tip? Submit it here.