back to top

16 coisas que você precisa saber sobre o casamento igualitário nos EUA

Este post te explica o porquê de hoje ser um dia histórico.

publicado

O casamento entre pessoas do mesmo sexo agora é reconhecido em todo país segundo decisão tomada na sexta-feira 26 de junho pela Suprema Corte dos Estados Unidos.

Mladen Antonov / Getty Images

A Suprema Corte determina que todos os cidadãos podem se casar, independente de sua identidade de gênero ou orientação sexual.

Timothy A. Clary / Getty Images

Você sabia que...

1. Barack Obama foi o primeiro presidente dos estados Unidos a dizer as palavras gay, bissexual e transsexual em rede nacional?

A primeira vez que ele as disse foi em janeiro de 2015 durante seu discurso do State of the Union.
Mark Wilson / Getty Images

A primeira vez que ele as disse foi em janeiro de 2015 durante seu discurso do State of the Union.

"Que feito notável. Isso reafirma a crença de que pessoas comuns podem fazer coisas extraordinárias", disse Obama.

"What an extraordinary achievement. What a vindication of the belief that ordinary people can do extraordinary things." —@POTUS #LoveWins

2. Os primeiros casamentos entre pessoas do mesmo sexo nos Estados Unidos começaram em 2004.

Justin Sullivan / Getty Images

3. O estado do Massachusetts foi o primeiro a legalizar o casamento igualitário em 2004.

Look at the progress America has made in 11 years. I'm beyond proud. #LoveWins 🌈👬👭❤️💛💚💙💜

4. No entanto, os primeiros casais LGBT que se casaram nos Estados Unidos puderam obter uma licença em 1971, muitos anos antes de se começar a luta pela igualdade.

Robyn Beck / Getty Images

5. Até pouco tempo, apenas os casais LGBT de 35 estados podiam se casar.

6. E haviam 15 estados que não reconheciam esse direito para pessoas do mesmo sexo.

Os 15 estados eram: Ohio, Michigan, Kentucky, Tennessee, Alabama, Kansas, Missouri, Arkansas, Georgia, Louisiana, Nebraska, Dakota do Norte, Mississippi, Dakota do Sul e Texas.
Alex Wong / Getty Images

Os 15 estados eram: Ohio, Michigan, Kentucky, Tennessee, Alabama, Kansas, Missouri, Arkansas, Georgia, Louisiana, Nebraska, Dakota do Norte, Mississippi, Dakota do Sul e Texas.

7. A implementação desta nova lei não foi fácil, teve suas demoras e complicações.

Jim Watson / Getty Images

8. Em 2013, a Suprema Corte dos Estados Unidos declarou inconstitucional uma lei chamada de "Defesa do matrimônio", promulgada por Bill Clinton em 1996, que definia o casamento exclusivamente como uma união entre um homem e uma mulher.

Alex Wong / Getty Images

9. Isso significou que a comunidade LGBT desfrutaria dos mesmos direitos e benefícios fiscais que outros casais nos estados onde o casamento igualitário era legalizado.

Mladen Antonov / Getty Images

10. No entanto, nestes últimos anos houve muita resistência, sobretudo em lugares como Alabama, Kansas e Missouri, onde o casamento entre pessoas LGBT era diretamente proibido.

Mais detalhes sobre as políticas estado por estado aqui.
Karen Bleier / Getty Images

Mais detalhes sobre as políticas estado por estado aqui.

11. Muitos políticos não estão contentes com a notícia, como por exemplo líderes do Alabama que publicaram documentos que falam sobre coisas como "definição bíblica do casamento", a "desilusão", a "tradição", a "liberdade" religiosa e etc.

The people of Alabama also voted to define marriage as between a man and woman.

12. Muitos jovens nos Estados Unidos ainda acham que o casamento só pode ocorrer entre um homem e uma mulher, como descobriu Matt Stopera do BuzzFeed alguns meses atrás.

13. Muitas pessoas demonstraram seu descontentamento com essa nova lei dizendo que irão se mudar para o Canadá ou México:

¯\_(ツ)_/¯ O que eles não sabem é que nesses países o casamento igualitário já foi aprovado. ¯\_(ツ)_/¯

14. Apesar das dificuldades, essa sexta-feira 25 de junho é um dia de grande festa para o país e para o mundo, devido esta grande vitória para a comunidade LGBT.

Mladen Antonov / Getty Images

15. O trecho final da decisão condensa seu espírito: "Nenhuma união é mais profunda do que o casamento, pois representa os ideias mais elevados de amor, felicidade, devoção, sacrifício e família."

16. O juiz da Suprema Corte Anthony Kennedy não fala de "casamento igualitário" ou "casamento entre pessoas do mesmo sexo", ele simplesmente diz "casamento".