back to top

Claudia Leitte não entendeu direito o que é ser rainha de bateria

Sambou nada, fez carão e deixou todo mundo no vácuo. Ah, vá!

publicado

A performance de Claudia Leitte como rainha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel provocou um misto de vergonha e preguiça em quem assistia aos desfiles pela TV na madrugada desta segunda (16).

A cantora sambou pouco, andou de lá pra cá e ainda fez uma série de passos que pareceram mais debochados e preguiçosos do que realmente empolgados.

Reprodução/ g1.globo.com

Isso tudo só naquela parte da transmissão da Globo em que a câmera acompanha a rainha por um tempo enquanto os comentaristas falam sobre ela.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Para terminar de estragar tudo, Claudia Leitte fez esse movimento.

Reprodução/ g1.globo.com

Esta parte para mim é muito séria. Como alguém acha que pode fazer uma "brincadeirinha" dessas no meio da avenida, exatamente na frente dos jurados? Achei desnecessário e pouco respeitoso à escola. Não é tudo sobre você sempre, Claudia.

Publicidade

Para completar, Mrs. Leitte ainda interrompeu a entrevista do carnavalesco Paulo Barros na cabine de transmissão da Globo, estragando o momento de emoção do carnavalesco.

Reprodução/ Facebook: video.php

Paulo Barros falava emocionado, contando da superação de conduzir o carnaval da escola, quando Claudia chegou por trás dele, beijou seu ombro e começou a falar. Em seguida, ela começou a cantar e a sambar e as atenções voltaram-se para ela. Veja o trecho aqui.

Publicidade

Atualização: Este post foi atualizado às 15h34 desta quarta-feira para que a informação da interrupção da entrevista de Paulo Barros fosse inserida.