85 coisas que você provavelmente não sabe sobre “Lost”

Nós temos que voltar.

ABC

 

1. Enquanto estava de férias com sua família no Havaí durante o verão de 2003, o então presidente da ABC Entertainment, Lloyd Braun, assistiu a “Náufrago” e achou que a ideia ajudaria a fazer um programa interessante.

2. Braun tinha gostado do nome Lost desde um reality show lançado na NBC com o nome em 2001.

3. A sala ficou em um “silêncio mortal” quando mais tarde ele lançou a ideia durante um retiro corporativo da ABC.

4. Mas o chefe em desenvolvimento de drama da ABC, Thom Sherman, gostou da ideia e contratou o inexperiente escritor Jeffrey Lieber (Tuck Everlasting, que chegou ao Brasil como “Vivendo na eternidade”) para trabalhar nisso.

5. Em seu primeiro rascunho, Lieber mudou o título da série proposta para Nowhere (Lugar Nenhum). O rascunho não fez jus às expectativas de Braun e Lieber foi retirado do projeto. Braun chegou a J.J. Abrams, que ainda estava trabalhando em Alias. (Lieber, no entanto, receberia um crédito de “criado por” na série completa).

6. Por Abrams estar tão ocupado, a rede também se aproximou do jovem escritor Damon Lindelof, que queria nada mais que ter um emprego em Alias. Ele tinha entrado em contato com a executiva de drama da ABC Heather Kadin, esperando que ela ajudasse isso a acontecer.

7. Entre os passos iniciais de Lindelof para Abrams estava a sugestão de que os náufragos descobrissem uma escotilha no meio da selva e passassem a primeira temporada toda tentando abri-la.

8. Abrams originalmente queria Michael Keaton para o papel de Jack.

9. O personagem de Jack seria supostamente morto durante o episódio piloto.

10. Steve McPherson, o então-presidente da ABC, argumentou que matando Jack faria os telespectadores não confiarem na série. Quando o plano mudou, Keaton estava fora.

11. A cena da morte de Jack em vez disso foi para o co-piloto do Oceanic 815 (interpretado por Greg Grunberg, amigo de Abrams desde o jardim de infância e ex-estrela de duas de suas outras séries, Alias e Felicity).

12. Forest Whitaker foi originalmente escalado como Sawyer, mas voltou atrás para dirigir First Daughter (no Brasil lançado como “A Filha do Presidente”), que coincidentemente tinha no papel principal Michael Keaton como o presidente dos Estados Unidos.

Da esquerda: Michael Keaton, Matthew Fox, Forest Whitaker, Josh Holloway Alberto E. Rodriguez / Getty Images & ABC

13. Dizem que, apesar de Sawyer ter sido originalmente criado para ser um artista trambiqueiro mais velho de Buffalo, N.Y, Holloway esqueceu uma parte do texto durante seu teste e em seguida chutou uma cadeira e xingou em voz alta, frustrado. Os autores gostaram do estilo que ele deu ao personagem e decidiram retratar Sawyer mais como um vigarista sulista.

14. Yunjin Kim inicialmente foi indicada para o papel de Kate, uma vez que Sun não existia na época — não havia um roteiro de Lost ainda.

15. O escritores criaram a personagem Sun depois de sua primeira impressão de Kim.

16. Abrams notou pela primeira vez Jorge Garcia em um episódio de “Curb Your Enthusiasm” e estava determinado a tê-lo no elenco.

17. Garcia inicialmente interpretaria o papel de Sawyer porque Hurley nem sequer existia.

18. Os escritores então também criaram o personagem de Hurley baseado nele.

19. Dominic Monaghan também interpretaria Sawyer, antes de ser escalado como Charlie.

20. O único membro do elenco principal que não teve que fazer teste para o papel foi Terry O’Quinn que já tinha trabalhado com Abrams em Alias. (Ele interpretou o diretor do FBI Kendall).

21. As duas horas do episódio piloto de Lost teve um custo relatado de 13 milhões de dólares.

22. Ele saiu abaixo do orçamento.

23. O urso polar que ataca a Sawyer no piloto ia ser originalmente um javali.

24. Alguns telespectadores pensaram que o logotipo da Iniciativa Dharma fez uma aparição no episódio piloto atrás de Walt nos destroços do avião. Mas ele não foi criado até a segunda temporada.

25. Na segunda temporada, no segundo episódio (“À deriva”) há um logotipo da Iniciativa Dharma na cauda de um tubarão quando Michael está puxando Sawyer de volta à jangada.

26. E a Iniciativa Dharma foi originalmente chamada Medusa Corp.

Walt, sem o logotipo da Iniciativa Dharma.

ABC via tv.yahoo.com

Um tubarão com o logotipo da Iniciativa Dharma em sua cauda.

ABC

 

27. Se lembra de Lloyd Braun, o então-presidente da ABC? Braun proveu a voz da intro “Previously on Lost” (“Anteriormente em Lost”), que passava no início de cada episódio.

28. Os produtores executivos Carlton Cuse e Lindelof queriam para o elenco Lance Reddick para o papel de Mr. Eko, mas ele estava indisponível devido a participação em “The Wire”. Reddick eventualmente se juntou à série na quarta temporada como Matthew Abaddon, um misterioso empregado de Charles Widmore.

29. Com Reddick indisponível, os produtores chamaram a Adewale Akinnuoye-Agbaje, que havia estrelado no drama presidiário da HBO, “Oz”.

30. O nome Mr. Eko foi criação do próprio Akinnuoye-Agbaje. Ele sugeriu que eles mudassem o nome original de seu personagem, Omecca, para Eko, que seria coerente com a própria linhagem tribal nigeriana do ator. Ele também observou que eles deveriam acrescentar um “Mr” (“Sr”). “Carter eu eu olhamos um para o outro como se isso fosse a coisa mais ridícula do mundo”, disse Lindelof. “Então nós não parávamos de dizer isso e nós percebemos então que seria algo realmente legal.”

31. O plano original era para Mr. Eko permanecer na série por quatro temporadas, mas Akinnuoye-Agbaje foi liberado de seu contrato depois de apenas uma temporada porque ele queria sair da série.

Lance Reddick como Matthew Abaddon

ABC

Adewale Akinnuoye-Agbaje como Mr. Eko

ABC

 

32. O passado de Locke foi criado porque O’Quinn fazia pausas durante as gravações na praia enquanto escutava seu Ipod. “Aquele cara tem um segredo”, Ambrams falou para Lindelof. “Descubra o que é.”

33. Ian Somerhalder (Boone) foi o primeiro ator escalado na série.

34. Somerhalder também foi o primeiro a ser morto.

35. Cuse estava quebrando a cabeça com o último número da notória combinação de números 4, 8, 15, 16, 23, 42. Ele chegou animado com a ideia do 42 como uma homenagem ao Guia do Mochileiro das Galáxias, o qual é a “Resposta para A Ultima Questão da Vida, do Universo e tudo mais”. Lindelof teve a mesma ideia, o que tornou isso oficial.

36. Dos seis números, o 23 é o mais usado.

37. Os primeiros quatro números aparecem no logotipo da ABC Studios.

38. Em uma cena retrospectiva na primeira temporada, episódio 15 (” Volta Para Casa”), Charlie está em um bar com um colega viciado em heroína, que aponta Lucy Heatherton (Sally Strecker), como vítima potencial de um esquema para conseguir mais drogas. Ela diz a Charlie que seu pai está fora da cidade comprando uma empresa de papel em Slough, uma referência a Ricky Gervais e Stephen Merchant de The Office do Reino Unido.

39. Brittany Perrineau, esposa do ator Harold Perrineau (Michael) na vida real, apareceu na séria como Mary Jo, namorada do Sawyer, na Primeira Temporada, Espisódio 16 (” Foras da Lei”).

40. Nas cenas de flashback de Ben Linus, Carrie Preston — que na vida real é a esposa de Michael Emerson (Ben adulto) — interpreta a mãe do Ben jovem.

Michael Emerson e Carrie Preston

Kevin Winter / Getty Images Entertainment

Harold e Brittany Perrineau

Paul A. Hebert / Getty Images Entertainment

 

41. A primeira jangada que foi construida afundou na primeira temporada. E a segunda era tão rápida que vivia ultrapassando o bote com a câmera.

42. Enquanto filmavam “Exodus”, o capítulo final da primeira temporada, todos os rapazes na jangada olharam feito bobos para Maggie Grace (Shannon) ao mesmo tempo.

43. E naquela cena, Vincent improvisou e simplesmente nadou atrás deles.

44. O cachorro de Walt, Vincent, foi na verdade encenado por um Labrador fêmea amarelo, chamada Madison.

45. Durante a filmagem da cena de amasso, Grace pregou uma peça em Somerhalder ao fumar um cigarro e encher a boca de alho picado, além de usar um protetor escrotal tamanho grande sob as calças.

46. Evangeline Lilly (Kate) levou para casa a carta original “Querido Sr. Sawyer” como uma lembrança durante a primeira temporada, mas a mesma foi queimada no incêndio que destruiu a casa dela em 2006.

47. Em “Todo Mundo Odeia Hugo” (segunda temporada, episódio 4), Hurley tem um sonho em que ele toma um pouco de leite da escotilha e na embalagem e uma foto de Walt é vista embaixo da palavra “DESAPARECIDO”.

O rosto de Walt na caixa de leite de Hurley. ABC

48. O’Quinn andava 19 quilômetros de ida e volta ao estúdio.

49. O dublê do bebê Aaron era uma boneca chamada Jane.

50. Lindelof é um fã de “It’s Always Sunny in Philadelphia” e convidou o criador e protagonista Rob McElhenney para interpretar Aldo na terceira temporada de Lost.

51. Durante essa mesma temporada, Daniel Dae Kim (Jin) chamou Lindelof e Cuse antes dele comprar uma casa no Hawaii, para perguntar se eles planejavam matar Jin.

52. Yunjin Kim abordou Cuse e lhe contou que o marido dela na tela não estava, na verdade, falando coreano.

53. No final da terceira temporada, Jack visita uma funerária chamada Hoffs/Drawlar, que é um anagrama para “avançar rapidamente” e este foi o primeiro episódio que utilizou essa narrativa de viagem ao tempo.

54. O caixão de Locke é transportado da funerária para a caminhonete de Ben que tem escrito “Limpeza de Tapetes Canton-Rainer” em “O Pequeno Príncipe” (quinta temporada, episódio 4) — “Canton-Rainer” é um anagrama para “Reencarnação”.

55. E Mittelos Bioscience, a organização de ciência frente aos Outros para recrutar pessoas do mundo exterior, é um anagrama para “tempo perdido”.

56. Ethan Rom (Willian Mapother) é um anagrama para “outro homem”.

ABC

ABC via docarzt.com

 

57. Quando Jin está falando com Byung Han, o Secretário de Segurança de Meio Ambiente, em “… In Translation” (primeira temporada, episódio 17), a filha mais velha está assistindo TV e Hurley está no notíciário do posto de gasolina.

58. Sayid (Naveen Andrews) também pode ser visto na TV enquanto Kate está no escritório de Sam Austen (Lindsay Ginter), em “What Kate Did” (segunda temporada, episódio 9).

59. Nikki (Kiele Sanchez) e Paulo (Rodrigo Santoro) ganharam destaque na terceira temporada porque os fãs queriam saber mais sobre todos os outros na ilha.

60. Mas quando esses fãs viraram-se contra os infelizes sobreviventes do Oceanic 815, Cuse e Lindelof perceberam que eles também odiaram os personagens. “Nós tínhamos planejado uma história muito elaborada para eles, que iria se estender por uma temporada ou mais, mas nós condensamos isso em um episódio em que nós sepultamos eles vivos”, diz Cuse.

61. O programa Exposé de Nikki pode ser visto em quatro episódios: Locke o assiste em uma tv enquanto come em “The man from Tallahassee” (terceira temporada, episódio 13); Nikki o filma em “Exposé” (terceira temporada, episódio 14); Sun o assiste, dublado em coreano em “Ji Yeon” (quarta temporada, episódio 7); e o pai de Hurley está o assistindo antes de Hurley chegar com Sayid inconsciente em “The Lie” (quinta temporada, episódio 2).

62. Yunjin Kin e Cynthia Watros se formaram juntas na British American Drama Academy.

63. Michael Giacchino, que fez a trilha sonora de Lost, usou algumas peças de avião para a percussão.

64. Nenhum membro do elenco aparece em todos os episódios de Lost.

65. Mas Jorge Garcia esteve na maioria dos episódios (118 de 121)

66. Dominic Monaghan “cheirava” açúcar mascavo nas cenas de Charlie usando heroína.

67. O hit “You All Everybody” da Drive Shaft toca ao fundo de um episódio da quarta temporada de Alias quando Sydney (Jennifer Garner) e Jack Bristow (Victor Garber) conversam fora da festa de aniversário de Weiss (Greg Grunberg, de novo!).

68. Cuse faz a narração nos comerciais para a Fundação Hanso, que financiou a Iniciativa Dharma.

69. Foi oferecido a Jennifer Jason Leigh o papel de Libby, que por fim foi para Cynthia Watros.

70. Michael Emerson e Mira Furlan (que interpreta Danielle Rousseau, a mãe da filha de Ben) fazem aniversário no mesmo dia (7 de setembro), mas Emerson é um ano mais velho.

71. Walt teria 10 anos de idade quando a série começou, mas depois de duas temporadas o ator que interpretava ele, Malcolm David Kelley, tinha crescido tremendamente. Por isso, Walt foi raptado no final da primeira temporada. Ele só esteve apto a voltar, mais tarde, durante cenas de flashforward, uma vez que ele teria envelhecido apropriadamente nessas alturas.

72. De fato, Kelley tinha crescido 25 centímetros do piloto de Lost para o final da série.

Walt Pequeno

ABC

Walt grande

ABC

 

73. “The Constant” (quarta temporada, episódio 5) é o episódio favorito de Cuse e Lindelof.

74. Eles escreveram uma cena que explicava quem eram as pessoas durante a perseguição de barco, no episódio 4 da quinta temporada (“O pequeno príncipe”). Mas no fim das contas, Lindelof disse, eles decidiram: “Isto é legal mas seria muito melhor se nós nunca respondêssemos.

75. Uma sacerdotisa do Hawai foi trazida para abençoar o local de filmagem e o elenco antes que as gravações da sexta e última temporada começassem.

76. Ainda antes da sexta temporada, o site de vendas Kayak listava os voos da Oceanic Airlines de Sydney para Los Angeles por 4.815,16 dólares como um easter egg de Lost.

77. Durante as filmagens da sexta temporada, Cuse e Lindelof não contaram sequer aos atores sobre alguns flashbacks, porque eles “sentiam que era a melhor maneira para obter as perfomances que [eles] precisavam”.

78. Dois dublês que pareciam com Sun e Jim foram contratados enquanto se filmava o último episódio da série. Eles foram vestidos em trajes formais e convidados a andar em volta da igreja onde a cena final foi filmada, então paparazzis pensariam que eles estavam filmando uma cena do casamento de Sun e Jim.

79. Uma grande quantia em dinheiro teria sido oferecida a Akinnuoye-Agbaje para ele fazer uma cena no último episódio da série, mas segundo dizem, ele queria cinco vezes a quantia que foi oferecida. Então ele se recusou a participar.

80. Depois de filmar a série, Lindelof levou a tampa da escotilha e fez dela uma mesa.

81. E Cuse tem agora o relógio de contagem regressiva da escotilha.

82. Entretanto, Garcia levou duas das pinturas de Hurley da instituição mental.

83. As botas que Sawyer usava na série eram do próprio Josh Holloway. Ele as possuía já há 12 anos antes da série.

84. Garcia tinha uma caixa de correio fechada instalada em sua casa no Hawaii, então ele podia ter os scripts enviados para sua casa.

85. E Garcia chorou quando leu o roteiro final.

ABC

ABC

ABC

 

Check out more articles on BuzzFeed.com!

Jaimie Etkin is the entertainment editor for BuzzFeed News and is based in New York.
 
  Sua reação
 

Reações

Buzzing agora