back to top

O ato homofóbico de Patrícia Abravanel não foi o primeiro do SBT

Homolesbotransfobia é quase um quadro fixo da programação da emissora.

publicado

Mas não foi a primeira vez que o SBT veiculou algo homolesbotransfóbico, ou seja, de preconceito direcionado aos gays, lésbicas e transgêneros.

2. Também teve um debate sobre a criminalização da homofobia em que jornalistas e convidados usaram termos como "opção sexual" e defenderam que a lei específica seria um privilégio.

youtube.com

O "Jornal da Massa" vai ao ar pela Rede Massa, uma filiada do SBT no Paraná. Um dos donos da emissora é o apresentador Ratinho.

Veja o vídeo completo:

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

3. Teve ainda o debate entre a deputada Iara Bernardi e o pastor Silas Malafaia, que além de fazer um discurso de ódio, não deu espaço para que os próprios LGBTs opinassem sobre o tema.

Veja o vídeo completo aqui:

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

4. Teve o apresentador Ratinho resumindo o kit sobre diversidade que seria entregue nas escolas públicas do Brasil como um "desperdício de dinheiro".

Veja o vídeo completo aqui:

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

Assista ao vídeo aqui.

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

6. Silvio Santos também já se divertiu horrores com essa piada em um jogo entre Ratinho e Tom Cavalcanti.

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com

As dicas eram: "David Brasil", "coça no ânus" e "Léo Áquila" e a resposta "Bichinha".

Veja completo aqui:

Veja este vídeo no YouTube

youtube.com