back to top

10 coisas muito legais para você experimentar em agosto

Porque nós testamos e curtimos!

publicado
hellena13 / Getty Images / BuzzFeed Brasil

O time do BuzzFeed Brasil está sempre testando produtos e ideias que melhorem nosso dia-a-dia, então resolvemos dividir algumas indicações do que curtimos com vocês.

Em "coisas que compramos" você vê produtos que cada um adquiriu com seu próprio dinheiro. Em "coisas que experimentamos" estão produtos enviados como cortesia pelas empresas, mas o BuzzFeed não tem nenhuma obrigação de escrever sobre eles, muito menos falar bem (inclusive, desta vez nem falamos de nada nesta categoria!). Já em "coisas que testamos" você lê sobre atividades que colocamos em prática em nossas rotinas ou coisas que achamos interessantes.

1. Sobrecoxas Frango Fácil Congelado Sadia – R$ 12,30

Flora Paul

Tenho tentado evitar o famigerado delivery e este franguinho da Sadia tem me ajudado na missão. Ele é bem gostoso, temperadinho (e segundo a embalagem esse tempero não é cheio de sódio!) e, como o nome já diz, muito fácil de fazer, porque é só colocar no forno mesmo.

O que realmente ajuda para o meu lado é que ele não precisa ser descongelado, ótimo se você não programa o que vai jantar antes mesmo de sair de casa para trabalhar. Já o contra seria que ele leva por volta de uma hora para ficar pronto, mas para lidar com isso eu já coloco ele para assar assim que chego em casa e entre dar um tapa na bagunça, tomar banho, etc ele está pronto e me esperando para um jantar delicinha. – Flora Paul

ADVERTISEMENT

2. Absorvente Always Noites Tranquilas Hiper Longo – R$ 20

Flora Paul

O período da menstruação é bem estressante para mim. Principalmente porque meu fluxo é muito intenso e nem os absorventes noturnos dão conta. Para não manchar o lençol eu emendava um absorvente no outro e isso nem sempre dava certo. Até que encontrei um absorvente de 40 CENTÍMETROS da Always e pela primeira vez tive uma noite de sono sem derramamento de sangue. Eu fiquei tão empolgada que quis usar para caminhar, mas essa não foi uma boa ideia. Tive que voltar para casa no meio do caminho. O absorvente é praticamente um fraldão e rouba toda a sua mobilidade. Por ser tão grande ele também é um pouco mais caro que os absorventes comuns, mas vale a pena! – Aline Ramos

3. Roupão de microfibra Zelo – R$ 80

Geralmente quando alguém diz que uma compra qualquer vai ser um investimento, costuma ser cilada. Pô, como é que um produto pode ser um investimento? Mas neste caso, pode ter certeza: o roupão de microfibra é aquela gasto hoje que vai se tornar sua paz amanhã pois o sobrenome dele é QUALIDADE DE VIDA.

Eu vou ser bastante sincera com você, leitor: na verdade este roupão foi um presente de aniversário, mas hoje, sabendo do quão gostosinho ele é, eu compraria com meu dinheiro sem problemas. Se você é meu amigo, você já me ouviu falar dele O TEMPO TODO no último mês

Quando estou em casa, estou usando ele. Ele é quentinho com pijama em dias frios, mas aberto e com roupas fresquinhas ele também funciona. E você pode usar só ele, sem nada por baixo, o que te impede? Você também pode desencanar da tarefa preguiçosa de se secar pós-banho e, o melhor, você pode tomar café da manhã de roupão como uma estrela de novela antes de pensar no que vestir no dia. Eu sei, é só um roupão muito macio, mas ele é muito macio! – Flora Paul

4. Usar o app Compare – Regra de 3, que ajuda pessoas de humanas.

Reprodução

Se você também é de humanas, este app vai te ajudar demais nas principais tarefas da vida adulta: ir ao bar e fazer compras no mercado. As funções são muito simples e úteis: te permitem comparar medidas e valores, assim você pode responder rapidinho questões importantíssimas como “vale mais a pena pedir a garrafa ou a lata de cerveja?” ou “melhor levar o ketchup grande ou dois pequenos?”. – Alexandre Orrico

5. Fazer uma aula para aprender a surfar.

Nicolas Vendramini

Nesse último mês eu fiz uma coisa que estou adiando há muito tempo na minha vida: aprender a surfar. Eu sempre fui muito fã do assunto e a maioria dos meus amigos já surfa faz tempo, mas eu nunca tinha me dedicado por puro relaxo e porque eu sempre preferi ficar na areia tomando cerveja. Eu também nunca achei que eu teria capacidade motora para ficar em pé em cima de uma prancha.

Eu fiz a minha primeira aula na praia da baleia com o Rodrigo na escola de surf Stand Up Boas Ondas. Basicamente ele me alugou uma prancha gigante (eu peguei uma roupa de neopreme emprestada porque né, as águas de julho são um pouco frias) e ficou comigo na água onde as ondas estavam quebrando, me ajudando a pegar impulso e surfar a onda. Ele também me dava uns toques sobre pisada, posição do corpo e postura. Uma hora de aula na água custou R$ 60 e foi o suficiente pra eu ficar de pé em sete ondinhas (mas não o suficiente para conseguir ser fotografado em pé).

Uma hora é um bom tempo. Eu super recomendo. Faz mais ou menos uma semana que eu fiz a aula e ainda estou um pouco dolorido de levantar da prancha, remar e fazer joelinho. E a melhor parte: sobrou tempo depois pra tomar uma cervejinha na areia! – Nicolas Vendramini

ADVERTISEMENT

6. Parar de perder o ônibus usando o app Citymapper.

Fiquei um bom tempo sem andar de ônibus e perdi todos os macetes que eu adquiri após anos morando em São Paulo. Agora que voltei a usar esse serviço, a última coisa que eu quero é chegar no ponto assim que o ônibus que eu precisava pegar acabou de passar. Por isso baixei o Citymapper, que é um aplicativo gratuito que dá informações em tempo real sobre qualquer forma de transporte público.

Ele considera sua localização geográfica e mostra quais ônibus estão para chegar nos pontos onde você está próximo. Além disso, também recomenda qual ônibus pegar para chegar em um destino, mostra o mapa de intinerários, status do trajeto e a frequência que cada linha têm. As mesmas informações também são oferecidas sobre linhas de trem e metrô. Se você prefere pedalar, ele mostra as estações de aluguel mais próximas e o número de bicicletas disponíveis.

Além de agora eu raramente perder um ônibus, eu também posso decidir se vou encarar o busão lotado ou se vou esperar pelo próximo, que segundo o aplicativo está para chegar em cinco minutos. A desvantagem é que por enquanto ele só funciona para São Paulo e algumas outras grandes cidades fora do Brasil. – Chris Dierkes

7. Cortar o cabelo em uma escola de aprendizes de cabeleireiro.

Vitor Hugo Tsuru

Mudar para uma nova cidade é sempre um desafio. Ainda mais para encontrar serviços básicos de uso constante, como: cortar o cabelo. Para quem veio do interior e de outro estado, os valores em São Paulo podem assustar um pouco.

Nessa busca encontrei a Soho Academy, uma escola para cabeleireiros em que os alunos prestam os serviços capilares nos clientes. A princípio estava receoso, mas o valor super em conta de R$10 para o corte masculino falou mais alto. E com lavagem inclusa!

Todo o processo foi bem simples, o corte é com dia e hora marcados. Agendei com alguns dias de antecedência, devido a procura. Fui atendido no horário, o serviço foi ótimo, super atencioso e nada corrido. Demorou cerca de uma hora, então, reserve um tempo porque como são alunos em treinamento pode demorar mais do que de costume. No final do corte uma supervisora da escola inspeciona o serviço e faz ajustes se necessário. Mês que vem estou lá novamente! – Vitor Hugo Tsuru

8. Alugar online um vestido de festa.

Manuela Barem

No mês passado, pedi indicações de lugares para comprar vestidos de festa em São Paulo no Twitter e a @lipequini me sugeriu a Dress & Go, um site de aluguel de vestidos. No começo, achei bem ousado e pensei "humm, como isso é possível?", mas me senti confiante quando descobri que o site têm um showroom em São Paulo, então seria possível experimentar vestidos antes de tomar uma decisão. Funciona assim: você escolhe o dia em que quer visitar o showroom e agenda um horário. Em seguida, você favorita os vestidos que você gostou, e no dia e horário marcados eles estarão lá esperando por você, além de você ter uma atendente para te ajudar durante uma hora.

O site tem modelos assinados por estilistas em diversos modelos, tamanhos e preços. Eles não garantem que você vai encontrar todos os vestidos que curtiu no showroom, mas eu fiquei positivamente surpresa que a maioria dos que eu dei like estavam lá. Depois deste processo, foi só retornar no site e fazer o aluguel (o pagamento é pelo site também). Você envia suas medidas (busto, altura etc) e o número do seu salto para que eles façam os ajustes no vestido pra você. Por fim, é só agendar a entrega de acordo com a data da sua festa e quantos dias você quer ficar com o vestido, que deve chegar na sua casa dois dias antes da festa.

O vestido vem em uma caixa de tamanho bom, envolto em plástico e passadinho. O entregador do site retira a caixa na segunda-feira logo após o fim de semana da festa, o que é um alívio para gente um pouco ocupada e/ou desorganizada. Eu achei a experiência inteira muito futurista e achei que compensou alugar, afinal poucas vezes a gente quer passar pelo casamento que é comprar um vestido de festa. – Manuela Barem

9. Doar roupas, sapatos e cobertores para o Exército da Salvação.

Facebook: pg

Talvez isso já tenha acontecido com você: você finalmente resolve organizar seu armário, separa coisas para doar para quem precisa e depois passa na base aí de um semestre com elas paradas, seja no seu armário ou no porta-malas do carro, sem dar destino real a elas.

É aí que entra o Exército da Salvação, que recolhe as doações na sua casa e distribui para pessoas necessitadas em igrejas e centros educativos em várias partes do país. Você faz o agendamento online dizendo o que tem para doar e que dia gostaria que eles fizessem a retirada. É simples assim. A confirmação de agendamento e um lembrete para você não esquecer da retirada um dia antes chegam por e-mail.

Deu tudo certo, sem nenhuma dificuldade. Deixei duas sacolas na portaria de casa, eles retiraram e enviaram um e-mail confirmando que deu tudo certo. Também recebi uma ligação agradecendo por ajudar, um bônus para deixar o dia mais feliz. Foi um processo muito simples, efetivo e que pretendo repetir sempre! – Flora Paul

10. Adotar uma cachorrinha!

Este mês eu fiz algo que com certeza mudou meu dia a dia: adotei uma cachorrinha vira-lata de três anos, a Niki (em homenagem à personagem de "Orange is the New Black"). Eu já estava há mais de um ano namorando a ideia, mas tinha receio de não dar conta da responsabilidade e das mudanças que isso iria trazer na minha vida. Aí um sábado de manhã fui dar uma espiada na feirinha de adoção que acontece quinzenalmente em uma loja na frente da minha casa e muito simplesmente VOLTEI COM UMA DOG.

Ela já veio castrada e vermifugada, mas mesmo assim no primeiro dia gastei uma grana considerável em check-up no veterinário, ração, anti-pulgas, caminha, guia e alguns brinquedos. Ufa. Mas depois disso os gastos diminuem consideravelmente, ainda mais se você achar um lugar baratinho para dar banho e der a quantidade de ração recomendada. No primeiro dia eu estava levemente em pânico, achando que ia fazer tudo errado, mas logo relaxei.

Minha rotina não virou do avesso, mas algumas mudanças aconteceram. Passei a acordar mais cedo para passear com ela todo dia antes do trabalho, e descobri que andar no meu bairro depois das 22h (quando levo ela para o xixizinho antes de dormir) é super tranquilo e cheio de outros donos de cachorro dando seu rolê. Sempre que possível incluo ela nos meus programas, procurando marcar com os amigos em bares que tenham mesas na calçada, ou optando por fazer exercício no parque em vez que na academia. E quando estou em casa vendo seriados ela vem dormir no meu pé e é gostoso demais. – Susana Cristalli

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss