back to top

15 vezes em que a propaganda NÃO foi a alma do negócio

Até parecia uma boa ideia, mas deu muito errado.

publicado

1. Às vezes as propagandas exageram um pouquinho.

As definições de expectativa x realidade foram atualizadas com sucesso. Deste tuíte.

As definições de expectativa x realidade foram atualizadas com sucesso. Deste tuíte.

2. De vez em quando também parecem meio desesperadas.

Deste tuíte.

3. Ou contraditórias.

Deste tuíte.

4. De qualquer forma, não fica bem oferecer o que não pode como brinde.

Deste tuíte.

5. E é sempre bom dar uma relida no seu anúncio para ver se não tem nada meio... esquisito.

Deste tuíte.

6. Como uma letra no lugar ""errado"".

Deste tuíte.

7. Mas muito doido mesmo é criar uma versão feminina de marcas.

Deste tuíte.

8. Nota mental: nunca abreviar a palavra "analógico".

Deste tuíte.

9. A mesma anotação vale para a palavra "semente", ok?

Deste tuíte.

10. Os melhores anúncios são os realistas. Afinal, quem NUNCA trocou estes olhares apaixonados ao usar uma panela de pressão?

NINGUÉM, no caso. Deste tuíte.

NINGUÉM, no caso. Deste tuíte.

11. Ou deu essa olhada casual naturalíssima ao tomar um gole de café de uma PRIVADA?!

Deste tuíte.

12. Imagina um PROFESSOR caseiro só para você?

Deste tuíte.

13. Afinal, laranja, maracujá, que diferença faz?

Deste tuíte.

14. Quando nada mais dá certo na sua vida, vale todo tipo de anúncio. Dos mais discretos...

Deste tuíte.

15. ... aos mais diretos. Afinal, propaganda é a alma do negócio.

Deste tuíte.

Veja também:

Você já tem o app do BuzzFeed Brasil?

Baixe gratuitamente no Android e no iOS para ver todos os nossos testes, vídeos, notícias e muito buzz.