back to top

Uma busca de emprego na OLX virou um assédio sexual em massa

Marcelle colocou seu currículo no site e, em menos de 10 horas, recebeu mais de 20 respostas solicitando programas.

publicado

Há poucos dias, a Marcelle Magalhães contou em seu perfil no Facebook que, à procura de um trabalho, decidiu colocar seu currículo na OLX – uma plataforma famosa pelos classificados de compra e venda que também conta com uma área específica para anúncios de procura de emprego.

Mas o tipo de resposta que ela recebeu foi totalmente inadequado, para dizer o mínimo.

Facebook: celle.mag
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Procurada pelo BuzzFeed Brasil, a OLX afirmou estar ciente do problema e já ter banido os usuários abusivos. Também disse estudar mudanças na plataforma para evitar que esse tipo de história continue acontecendo. Leia o comunicado na íntegra:

"A OLX oferece a seus usuários uma categoria destinada a empregos e serviços que visa ajudar pessoas que estão em busca de recolocação profissional.

Infelizmente, ferramentas que são criadas para auxiliar no desenvolvimento social do país se tornam, eventualmente, um local para interações realizadas por terceiros de má índole, como no caso relatado. A atitude destes homens vai contra todos os valores que a OLX acredita e defende, principalmente com relação ao respeito à mulher. A empresa repudia e lamenta profundamente este fato.

A OLX, que se solidariza com a vítima, reforça que já entrou em contato com a usuária para auxiliá-la e baniu os assediadores permanentemente da plataforma.

Após o caso relatado, a OLX estuda implementar melhorias na categoria em breve."

Em parceria com

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss