back to top
Community

10 Coisas Que Aprendi Sobre Bicicletas Andando De Bicicleta

Trago verdades para quem quer iniciar no mundo do pedal.

Posted on

1. Você precisa mesmo escolher uma bicicleta de acordo com sua altura.

Pedala Floripa

O tamanho do quadro importa bastante, e por mais que você não acredite, escolher o tamanho errado pode trazer dores nas costas e nos joelhos. Existem vários sites que explicam a necessidade de escolher a bicicleta correta para você, e isso faz toda a diferença! Aqui tem um legal sobre. Também o modelo: speed, passeio, mountain? Existe uma para cada necessidade e é bacana pesquisar um pouco para não ter problemas no futuro.

2. Você vai ficar ofegante nos primeiros trajetos.

Rey Kjavik

Lembro direitinho de ir buscar meu primeiro modelo de bicicleta, em um local que era consideravelmente perto de casa, e passar mal na metade do trajeto. Sim, tive que sentar e respirar bem fundo, porque a coisa estava feia. Pode ser que você não tenha tantos problemas assim. Mas até pegar o ritmo demora um pouquinho e claro, você pode e deve se permitir a fazer pausas. Pensei em desistir algumas vezes, por usar a bicicleta errada ou por cansar em distâncias curtas. Eu juro que vai passar e você vai se sentir muito cool.

3. Comece a usar capacete antes de cair de cabeça!

Simon Higby e Clara Prior

Sim, eu precisei cair de cabeça pra aprender isso e não foi nada legal. A sorte é que foi só um corte, mas poderia ter sido um traumatismo craniano. Não é brincadeira. Use capacete. Pode até não ser tão bonito, mas é necessário.

4. É divertido pedalar com amigos!

Bradesco

Caso você se sinta insegurança para pedalar na cidade, é legal pedalar com amigos que tenham mais experiência na coisa. Pode ser num domingo de sol, variando trajetos. Conversando e com incentivo de alguém que você gosta, fica bem mais legal. Claro, não tenha vergonha de errar.

5. Procure ciclovias em sua cidade!

Não são todas as cidades que possuem, nem em trajetos realmente relevantes, mas use e abuse se for possível. Aqui em Porto Alegre existem algumas, inclusive uma que passa na frente da minha casa e isso é incrível! Se elas existirem em sua cidade: use-as.

6. Você vai aprender muito sobre ruas.

Via Strava

"Qual o sentido dessa rua? Ixi contra mão, vou ter que ir pela outra". "Deixa eu ver no Maps", "o Strava normalmente sinaliza". Vai ser legal. Ah, tenha se possível os aplicativos do Google Maps e o Strava, são úteis.

7. Os motoristas provavelmente estão nem aí pra você.

Alan Sirulnikoff / Via Netflix

O pisca alerta vai ser dado em cima da hora de dobrar ou talvez nem seja dado. Isso requer muita atenção. E paciência. Em muitos lugares os motoristas ainda se acham os donos das ruas, com comentários como "bicicleta não paga IPVA então não tem direito" e "já não tem espaço pra carro, imagina pra bicicleta", mas não desanime porque A RUA É PÚBLICA.

8. São necessários ajustes e checagens periódicas.

Via WikiHow

O freio pode dar uma afrouxadinha, ou precisa subir um pouquinho o banco, ou encher o pneu: acredite, você vai perceber. Tenha uma oficina de confiança e talvez ferramentas em casa, caso você saiba usá-las. Aqui tem algumas dicas legais.

9. Sinalize sua bike!

Via Stranger Things

Faróis são muito úteis em pedaladas noturnas e não custam tão caro. É importante que você veja os outros e também seja visto!

10. Vai ser legal!

Alan Sirulnikoff / © Alan Sirulnikoff/First Light/C

Sim, trajetos sem depender de transporte público, trânsito muito caótico ou aplicativos. É bem legar ter autonomia e ao mesmo tempo estar fazendo exercício de maneira sustentável!

This post was created by a member of BuzzFeed Community, where anyone can post awesome lists and creations. Learn more or post your buzz!

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss