Posted on 30 de mai de 2018

    13 coisas que psicólogos gostariam de dizer a pessoas LGBTQ

    Nenhum tratamento psicológico será capaz de "curar" a sexualidade de ninguém.

    1. Você tem o direito de NÃO ser a pessoa que seus pais idealizaram para você.

    2. Não há nada de errado com a sua sexualidade.

    3. Nenhum tratamento psicológico será capaz de "curar" a sexualidade de ninguém.

    4. Ninguém precisa ficar com homens e mulheres para saber se gosta de homens ou de mulheres.

    5. Da mesma maneira que uma pessoa bissexual não é uma pessoa indecisa que irá se definir como homo ou hétero algum dia.

    6. Não existe um jeito "certo" de ser LGBTQ.

    7. Você também não precisa se encaixar em um padrão de gênero.

    8. Sair do armário é uma decisão só sua.

    9. Você sempre pode seguir explorando a sua sexualidade.

    10. Ser LGBTQ não impede ninguém de ser pai ou mãe.

    11. É possível ter uma boa relação com uma família, mas você pode ficar bem sem eles.

    12. Aproveite que você já tem um registro de não ser o padrão para questionar outros padrões da sociedade.

    13. Não descuide da sua saúde mental.

    Este post foi feito com a partir de conversas com os psicólogos Janaína Leslão, Kwame Yonatan, Julia Pereira Bueno, Flávio Voight, Jean Henry e Marcelo Femder.

    BuzzFeed Brasil

    Esta é a Semana do Orgulho LGBTQ no BuzzFeed Brasil. Para mais conteúdos que celebram o respeito à diversidade, acesse aqui.

    Veja também:

    BuzzFeed Daily

    Keep up with the latest daily buzz with the BuzzFeed Daily newsletter!

    Newsletter signup form