24 fotos perturbadoras que mostram as consequências de uma guerra nuclear

    Em agosto de 1945, os Estados Unidos jogaram bombas atômicas sobre as cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, matando cerca de 129 mil pessoas e dando fim à Segunda Guerra Mundial. Aviso: este post contém imagens fortes.


    Getty Images

    A fumaça da bomba jogada em Nagasaki vista da cidade de Koyagi-jima, a cerca de dez quilômetros de distância, em 9 de agosto de 1945. A bomba atômica, apelidada de "Fat Man", detonou antes de atingir o solo na parte norte de Nagasaki, pouco depois das 11h da manhã daquele dia.

    Bettmann Archive

    Homem caminha pela terra arrasada de Nagasaki, dois meses após a detonação da bomba atômica na cidade.

    Bernard Hoffman / Getty Images

    A devastação causada pela bomba atômica em Nagasaki.


    Galerie Bilderwelt / Getty Images

    Soldados japoneses avaliam danos causados pela bomba em Nagasaki, em 1945.

    Getty Images

    À esquerda, esqueleto de vítima da bomba, cujo corpo foi pulverizado pela explosão. À direita, cruz no meio da devastação em Nagasaki, em 1945.

    Bettmann / Bettmann Archive

    Criança chora em meio aos destroços em Hiroshima, em 6 de agosto de 1945.

    Bettmann / Bettmann Archive

    Ruínas de Hiroshima após o bombardeio, em 1945.

    Getty Images

    À esquerda, relógio encontrado nos destroços de Hiroshima parado às 8h15, o horário do ataque à cidade, que ocorreu em 6 de agosto de 1945. À direita, sombra humana marcada nas escadas de um banco em Hiroshima, criada pelo calor extremo da explosão.

    John Van Hasselt - Corbis / Getty Images

    A Câmara de Indústria e Comércio de Hiroshima foi o único prédio próximo do centro da explosão atômica que não foi completamente destruído.

    Galerie Bilderwelt / Getty Images

    Homem com queimaduras em todo o corpo é tratado na Estação de Quarentena do Exército na ilha de Ninoshima. O homem estava dentro do raio de um quilômetro do epicentro da bomba atômica lançada em 6 de agosto de 1945 em Hiroshima.

    Getty Images

    À esquerda, sobrevivente tenta confortar bebê que sofreu queimaduras em Nagasaki. À direita, médico diante de hospital improvisado em Hiroshima.

    Keystone / Getty Images

    Vítima do bombardeio em Hiroshima mostra seus ferimentos, 1945.

    Getty Images

    Sobreviventes hospitalizados em Hiroshima, em 1945, mostram a pele coberta por cicatrizes das queimaduras causadas pela bomba.

    John Van Hasselt - Corbis / Getty Images

    Sumiteru Taniguchi recebe tratamento pelas queimaduras que sofreu em Nagasaki, em 1945. Ele sobreviveu.

    Stf / AFP / Getty Images

    Casal observa devastação em Hiroshima, em 6 de agosto de 1946.

    Getty Images

    À esquerda, funcionários públicos de Hiroshima, reunidos na outrora opulenta sala de reuniões da Prefeitura, discutem como reerguer a cidade, 1945. À direita, pessoas observam devastação na cidade.

    Bettmann / Bettmann Archive

    Alunos em uma sala de aula bombardeada em Hiroshima, um ano após o ataque nuclear.

    Alfred Eisenstaedt / Getty Images

    Crianças desabrigadas se aquecem ao redor de uma fogueira nos arredores de Hiroshima, após o término da Segunda Guerra Mundial.

    / ASSOCIATED PRESS

    Pessoas caminham em meio ao destroços do ataque nuclear em Hiroshima.


    Este post foi traduzido do inglês.

    Contact Gabriel H. Sanchez at gabriel.sanchez@buzzfeed.com.

    Got a confidential tip? Submit it here

    Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, que o reconhecem e identificam como um usuário único, para garantir a melhor experiência de navegação, personalizar conteúdo e anúncios, e melhorar o desempenho do nosso site e serviços. Esses Cookies nos permitem coletar alguns dados pessoais sobre você, como sua ID exclusiva atribuída ao seu dispositivo, endereço de IP, tipo de dispositivo e navegador, conteúdos visualizados ou outras ações realizadas usando nossos serviços, país e idioma selecionados, entre outros. Para saber mais sobre nossa política de cookies, acesse link.

    Caso não concorde com o uso cookies dessa forma, você deverá ajustar as configurações de seu navegador ou deixar de acessar o nosso site e serviços. Ao continuar com a navegação em nosso site, você aceita o uso de cookies.