PF investiga fraudes no BNDES em favor da JBS

    A PF afirma que os pedidos da JBS tiveram "tramitação recorde" dentro do banco e só ocorreram após a contratação da consultoria de Antonio Palocci.

    A Polícia Federal realiza operação nesta sexta-feira (12) para apurar fraudes no BNDES em negócio de R$ 8 bilhões em favor da megaempresa JBS, que detém a marca Friboi. Esse é, de longe, um dos negócios mais rumorosos do banco na era Lula.

    A empresa tem como principal sócio o empresário Joesley Batista, afastado do comando por ordem da Justiça.

    Divulgação

    Batizada de operação Bullish, a PF afirma que os pedidos da JBS tiveram "tramitação recorde" dentro do banco e só ocorreram após a contratação da consultoria do ex-ministro Antonio Palocci. Ele atualmente está preso pela Lava Jato e já deu sinais claros de que quer fazer uma delação.

    De acordo com a investigação, houve um prejuízo de R$ 1,2 bilhão ao BNDES, em razão da falta de exigência de garantias e com a dispensa indevida de prêmio contratualmente previsto.

    No total, são cumpridos 37 mandados de condução coercitiva (30 no RJ e 7 em SP) e 20 de bsca e apreensão (14 no RJ e 6 em SP).

    A Polícia Federal monitora 5 dos investigados que encontram-se em viagem ao exterior.

    Segundo a nota da polícia, o nome da operação, Bullish, "adveio da tendência de valorização gerada entre os operadores do mercado financeiro em relação aos papéis da empresa, para a qual os aportes da subsidiária BNDESPar foram imprescindíveis".

    Veja também:

    MPF pede bloqueio de R$ 3,8 bi de Joesley Batista da J&F

    Filipe Coutinho é repórter do BuzzFeed News, em Brasília

    Contact Filipe Coutinho at filipe.coutinho@buzzfeed.com.

    Got a confidential tip? Submit it here

    Utilizamos cookies, próprios e de terceiros, que o reconhecem e identificam como um usuário único, para garantir a melhor experiência de navegação, personalizar conteúdo e anúncios, e melhorar o desempenho do nosso site e serviços. Esses Cookies nos permitem coletar alguns dados pessoais sobre você, como sua ID exclusiva atribuída ao seu dispositivo, endereço de IP, tipo de dispositivo e navegador, conteúdos visualizados ou outras ações realizadas usando nossos serviços, país e idioma selecionados, entre outros. Para saber mais sobre nossa política de cookies, acesse link.

    Caso não concorde com o uso cookies dessa forma, você deverá ajustar as configurações de seu navegador ou deixar de acessar o nosso site e serviços. Ao continuar com a navegação em nosso site, você aceita o uso de cookies.