Updated on 19 de mar de 2020. Posted on 19 de mar de 2020

    Daniel Dae Kim, de "Lost", foi contaminado e quer que parem de chamar o coronavírus de "vírus chinês"

    "Sim, sou asiático. Sim, fui contaminado pelo coronavírus. E não, não peguei o vírus na China. Peguei nos Estados Unidos, em Nova York."

    Mat Hayward / Getty Images

    O ator Daniel Dae Kim, mais conhecido por estrelar em Hawaii Five-O e Lost, anunciou nesta quinta-feira (18) que o exame feito indicar se estava contaminado com a doença provocada pelo novo coronavírus, Covid-19, deu positivo.

    "Sou grato por estar vivo e saudável", disse Kim no Instagram. "Tenho esperança de que, por meio dos nossos esforços coletivos, conseguiremos superar essa situação e achatar a curva."

    Ao se pronunciar de sua casa, no Havaí, o ator americano nascido na Coréia do Sul anunciou que havia feito o teste após voltar de Nova York. Ele estava na região filmando a série New Amsterdam, onde interpreta um médico recrutado por um hospital para atuar durante uma pandemia. Quando a série interrompeu as filmagens devido ao surto de coronavírus, Kim pegou um voo e retornou para sua casa, no Havaí.

    "Não apresentei sintomas durante todo o período, mas, quando o voo entrou em processo de pouso, comecei a sentir minha garganta arranhar, algo que nunca sinto quando estou doente. Então, quando cheguei, liguei diretamente para o meu médico", disse Kim.

    O ator disse que se isolou voluntariamente em casa, dentro de um quarto e longe da família. Ele também revelou que logo começou a sentir outros sintomas, como dores corporais, febre e sensação de peso no peito.

    Kim foi até um drive-thru de exames para realizar o teste, que descreveu como doloroso. "Mas valeu a pena, pois descobri o que houve", disse.

    O ator disse que não foi ao hospital e que já está se sentindo melhor. "Não estou 100% bem, mas estou quase", declarou.

    Kim disse que sua família também fez o teste, mas que ninguém está contaminado.

    O ator pediu desculpas a todos que possa ter infectado sem perceber durante o voo ou nas filmagens de New Amsterdam.

    "Embora eu não tivesse qualquer ideia sobre o que estava acontecendo e estivesse tentando ser o mais cuidadoso possível, me sinto péssimo por ter passado isso para outras pessoas, inclusive aquelas com quem gosto de estar próximo", disse Kim, "E isso, é claro, inclui o elenco de New Amsterdam."

    Kim também emitiu uma forte declaração antirracista para aqueles que estão culpando e até mesmo atacando asiáticos e descendentes por causa da pandemia.

    "Por favor, parem com esse preconceito e essa violência sem sentido contra as pessoas da Ásia", ele disse.

    Kim fez o anúncio no mesmo dia em que o presidente dos EUA, Donald Trump, chamou o coronavírus de "o vírus da China", como tem feito publicamente há alguns dias, sem achar que isso é racismo.

    Close up of President @realDonaldTrump notes is seen where he crossed out "Corona" and replaced it with "Chinese" Virus as he speaks with his coronavirus task force today at the White House. #trump #trumpnotes

    Sem mencionar Trump diretamente pelo nome, Kim denunciou as pessoas que estão chamando o coronavírus de "vírus da China".

    "Sim, sou asiático. Sim, fui contaminado pelo coronavírus. E não, não peguei o vírus na China. Peguei nos Estados Unidos, em Nova York. Não importa o que alguns líderes políticos estão dizendo. Não acho que o lugar de onde o vírus veio tenha tanta importância quanto as pessoas que estão doentes e morrendo", disse.

    "Se o lugar fosse importante, eu chamaria de 'vírus de Nova York', mas sabemos que isso é bobeira, né?"

    O ator disse que espera se recuperar em breve e pretende ajudar nos esforços em busca de uma cura, mesmo que signifique doar seus próprios anticorpos.

    Ele também brincou que agora faz parte do clube de atores famosos que estão sendo diagnosticados com a doença,

    "Acho que é bem legal ser incluído nas mesmas notícias que Tom Hanks e Idris Elba, dois dos meus atores favoritos", disse. "Estou em ótima companhia."

    Este post foi traduzido do inglês.

    David Mack is a deputy director of breaking news for BuzzFeed News and is based in New York.

    Contact David Mack at david.mack@buzzfeed.com.

    Got a confidential tip? Submit it here