• BuzzQueer badge
  • semanalgbt badge
1 de jun de 2018

Eis aqui algumas coisinhas que faltariam no mundo se não fossem as pessoas LGBTI+

Para começar, você nem teria como ler isso.

Sabe o blues? Então, não existiria.

en.wikipedia.org

Gertrude Pridgett, de nome artístico Ma Rainey, foi uma cantora lésbica norte-americana que teve tanta importância na difusão deste estilo musical que ganhou o apelido de "mãe do blues". E sem blues, vale lembrar, é pouco provável que existisse também o rock.

Seria um mundo sem "Heroes", sem "Starman" e sem todo o enorme legado de David Bowie.

youtube.com

Bowie era cantor, compositor, ator e produtor musical que se manteve na ativa por mais de cinco décadas. Bissexual assumido, não é exagero dizer que foi um dos artistas mais inovadores e influentes de todos os tempos.

A pop art não teria um de seus principais expoentes.

tes.com

Andy Warhol foi um empresário, pintor e cineasta nascido nos Estados Unidos. É considerado o maior nome do movimento artístico Pop Art e era abertamente homossexual.

Você nem estaria aqui lendo isto, seja no computador...

Reprodução/Black Bear

Alan Turing era matemático e cientista, conhecido como o pai da computação. Durante a Segunda Guerra ele inventou a "máquina de Turing", que ajudava prever padrões de ataque do Eixo e desempenhou papel importante na vitória dos Aliados. A máquina que Turing criou é hoje considerado o primeiro computador.

Na época, atos homossexuais eram ilegais no Reino Unido. Turing foi tratado com hormônios femininos e sofreu castração química. Só em 2013 ele recebeu o "perdão real" da rainha Elizabeth II.

Ou no celular.

ai.eecs.umich.edu

Esta aqui em cima é a Lynn Conway, mulher trans, cientista da computação e engenheira elétrica. Ela trabalhava na IBM quando fez uma grande mudança no design de microchips, o que tornou a existência de smartphones possível. Ela foi demitida da empresa logo depois de revelar que planejava começar sua transição de gênero.

E provavelmente não teríamos nem aviões.

Flickr: portalfab

A vida sexual (ou a ausência dela) de Santos Dummont, brasileiro inventor do avião, sempre foi alvo de bastante especulação. Biógrafos e pessoas que foram próximas a ele divergem sobre o assunto; às vezes ele é descrito como homossexual, outras como bissexual e há quem acredite que Santos Dummont era, na verdade, assexual e morreu virgem. O fato é: se ele não existisse, o mundo não conheceria esta bela invenção que é o 14 bis.

Esta é a Semana do Orgulho LGBTI+ no BuzzFeed Brasil. Para mais conteúdos que celebram o respeito à diversidade, acesse aqui.

Veja também:

BuzzFeed Daily

Keep up with the latest daily buzz with the BuzzFeed Daily newsletter!

Newsletter signup form