17 dicas úteis para lidar com a Síndrome do Impostor

Para sua informação, você não é uma fraude.

Nós pedimos recentemente a membros do BuzzFeed Community e a alguns especialistas para compartilharem as melhores maneiras de lidar com a Síndrome de Impostor.

A Síndrome Impostor é como os especialistas normalmente se referem à crença persistente de que você chegou ao ponto onde você está não através de suas próprias habilidades ou trabalho duro, mas tendo sorte e basicamente enganando as pessoas para que elas pensassem que você é melhor do que você é.

Então, se você se sente uma fraude no trabalho, na escola ou na vida, aqui estão algumas dicas sobre como parar com isso e arrasar.

1. Não compare o seu interior com o exterior de outra pessoa.

Fato: a pessoa que você acha excelente provavelmente também se sente como uma impostora às vezes, diz a psicóloga clínica Andrea Bonior, Ph.D., ao BuzzFeed Health. Não importa quão confiante alguém dê a impressão de ser ou quão bem ele pareça se encaixar no seu papel, você não tem como saber que ele não está lidando com as mesmas dúvidas que você. “Essa nunca será uma comparação válida, por isso não se prenda a isso”, diz Bonior.

2. Aceite que você não está 100% qualificado para estar onde você está — e tudo bem.

Segredo privilegiado: ninguém está! Mas as pessoas que lidam com a Síndrome do Impostor colocam muita pressão sobre si mesmas para saber como fazer tudo, Valerie Young, Ed.D., autora do livro The Secret Thoughts of Successful Women: Why Capable People Suffer from the Impostor Syndrome and How to Thrive in Spite of It (Os pensamentos secretos das mulheres de sucesso: por que pessoas capazes sofrem de Síndrome do Impostor), diz ao BuzzFeed Health. Um grande motivo para você se sentir como se estivesse ~fingindo~ é que os padrões que você definiu para pessoas qualificadas são muito altos. Então, pare e lembre-se que ninguém é perfeito em seu trabalho — inclusive você — e ninguém espera que você seja.

3. Adote uma postura de poder.

“Muitas vezes adotamos um tipo de linguagem corporal tímida que reflete a incerteza de nós mesmos”, diz Bonior. “Quando você adota uma postura mais poderosa, isso pode realmente te ajudar a se sentir mais confiante”. Tente levantar o seu corpo um pouco mais, manter os ombros para trás e fazer contato visual.

4. Mantenha um arquivo ou uma lista de coisas boas que as pessoas disseram sobre você e seu trabalho.

Anna Borges / BuzzFeed

“Eu tenho uma lista das coisas boas que as pessoas têm dito sobre mim (sempre) fixada na porta do meu armário. Nos dias ruins, eu me lembro de que todas essas coisas são tão verdadeiras quanto as dúvidas que eu tenho.”

Kfinchgnehm

5. Pergunte a si mesmo: “O que eu diria se meus melhores amigos contassem para mim as mesmas preocupações que eu tenho expressado?”

“Se eu posso ver o melhor neles e ser gentil com eles, por que não posso fazer o mesmo por mim? Isso ajuda.”

m4104f710b

6. Seja aberto sobre seus sentimentos porque existem altas chances de que as outras pessoas estejam sentindo o mesmo que você.

Kristin Chirico / BuzzFeed / Via buzzfeed.com

O primeiro passo para lidar com a Síndrome do Impostor é falar sobre isso e perceber que outras pessoas estão passando por isso também — mesmo as pessoas que parecem equilibradas. “É como, ‘Espere um segundo, você se sente como uma fraude? Você não é uma fraude de jeito nenhum, você é a pessoa mais inteligente que conheço’”, diz Bonior. E existem grandes chances de que elas digam o mesmo sobre você.

7. Se vista de uma maneira que faça com que você se sinta poderosa.

“Geralmente eu faço um delineado incrível nos olhos ou uso uma roupa que cai muito bem em mim. Acho que saber quais são as coisas que me fazem sentir confiante abre boas perspectivas em um momento de necessidade. Sugiro montar uma pequena bolsa de coisas que fazem com que você se sinta poderosa, de modo que você possa usar uma quando estiver em dúvida”,

19olsonel

8. Veja o que acontece quando você se permite aceitar elogios.

francescabaldassarri / Via giphy.com

Isso parece muito simples, mas uma grande parte da Síndrome do Impostor é a incapacidade de internalizar suas próprias realizações como verdadeiras e válidas, diz Bonior. Assim, quanto mais você parar de dispensar cumprimentos e elogios, mais fácil será acreditar neles de verdade.

9. Encontre pequenas coisas nas quais você sente um mestre, mesmo quando você se sentir como um impostor fazendo todo o resto.

Channel 4 / Via quickmeme.com

“Eu me tornei muito hábil em tarefas menores e mais humildes que ninguém mais no escritório quer fazer (por exemplo, coisas de computador). Quando chegar o dia em que descobrirem que eu sou uma farsa, eu acho que a reunião será assim:

Chefe: Bem, nós finalmente descobrimos que você é um merda no que faz. Limpe a sua mesa.
Eu: Mas se você fizer isso, quem vai consertar a impressora quando ela começa a aprontar?
Um pânico tranquilo recai sobre a sala.
Chefe: Ok, você pode ficar”.

SnurklesMcGee

10. Dê uma pausa nas preocupações fazendo coisas que não têm nada a ver com o seu trabalho.

Trabalho voluntário é uma ótima opção. “Boa parte da Síndrome do Impostor é ficar preocupado em se definir pelas suas realizações. Fazer esse tipo de serviço te coloca mais no âmbito de se sentir bem sobre o que você traz para o mundo”, diz Bonior.

11. Simplesmente vá em frente e faça as coisas antes que você se convença de que não está qualificado para fazê-las.

“Às vezes, especialmente quando eu me sinto como uma farsa, eu só tenho que ir lá e fazer. É super desconfortável no início, mas eu, às vezes, me esqueço de que o desconforto passa e eu ficarei orgulhoso de mim mesmo depois. Isso nem sempre funciona, mas serve para situações simples”.

—CJ Dermody-Williams, Facebook

12. Fale sobre suas realizações com amigos e familiares.

FOX / Via hulu.tumblr.com

Aceitar e lidar com todas as coisas incríveis que você já fez é importante, mas se você está acostumado a esperar pela sorte, isso pode se parecer superdesconfortável. Em vez disso, Bonior sugere que você se gabe em conversas com seus entes queridos. Você pode até mesmo começar dizendo algo como: “Ei, eu tendo a ser mais dura comigo do que eu deveria, então eu adoraria falar sobre essa coisa que eu fiz que estou realmente orgulhosa”.

“Contar com alguém que você confia, bem como alguém que queira ser seu motivador, pode ajudar a criar um espaço onde você possa se sentir mais confortável enquanto brilha”, diz Bonior.

13. Tente não pirar quando você não souber imediatamente de algo novo.

Nickelodeon / Via quickmeme.com

É bem possível que num momento difícil seu primeiro pensamento seja algo como: “Eu não consigo fazer isso. Eu não mereço estar aqui. Eu sou uma fraude”. Mas você precisa se treinar para reagir de forma diferente e não ser tão duro consigo mesmo, diz Young. Em vez disso, você deveria pensar: “Aqui está uma área em que eu preciso trabalhar e melhorar”.

“Isso acaba fazendo ser menos sobre você e quem você é ou não é como pessoa e se torna uma oportunidade para aprender e crescer”, diz Young.

14. Ligue para sua mãe, avó, avô — as pessoas que pensam que você é a melhor invenção desde o pão fatiado.

maggie684

15. Peça ajuda e conselhos, muitas vezes.

Muitas pessoas com Síndrome do Impostor se convenceram de que admitir que precisam de ajuda significa se rotular como uma fraude, diz Young. O que não é verdade. Você pode dar um jeito nisso usando um sistema de apoio — ninguém pode fazer tudo sozinho.

16. Finja até conseguir seu objetivo, porque, eventualmente, você vai parar de fingir.

Sério: muitas dessas dicas foram sobre como alterar a maneira como você pensa — e isso é porque não há nenhuma mágica que você possa fazer para não se sentir mais como um impostor, diz Young. Mas preste atenção nisso — se você agir como se acreditasse nesses pensamentos, você começará a acreditar neles ao longo do tempo. “Você tem que mudar a forma como você pensa, e, em seguida, como você se comporta, depois os sentimentos vão emparelhar-se”, diz Young.

17. Respire fundo e… simplesmente continue fazendo o que tem que fazer.

“Mesmo se você falhar ou não atender às expectativas, ainda estará recebendo treinamento em uma habilidade que você está tentando dominar. Basta continuar trabalhando nisso. Isso só pode ajudar e nunca faz mal”.

rhoops

Check out more articles on BuzzFeed.com!

Anna Borges is a health writer for BuzzFeed News and is based in New York.
 
  Sua reação
 

Reações

Buzzing agora