back to top

Joaquim Barbosa diz que Brasil vai virar piada no exterior com anulação do impeachment

No Twitter, ex-ministro diz que decisão de Waldir Maranhão vai acabar no STF.

publicado

O ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa afirmou nesta segunda-feira (9) que a "inesperada" decisão do presidente interino da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA), de anular a sessão do impeachment da presidente Dilma Rousseff é motivo de chacota sobre o Brasil.

Sabem o que mundo inteiro deve estar pensando sobre nós, brasileiros? "A laughing stock", muitos devem estar achando...

Em sua página no Twitter, Barbosa afirmou que a medida deverá ser analisada pelo STF porque fala em "vícios jurídicos" e, assim, torna-se matéria a ser analisada pelo tribunal.

"Dificilmente a inesperada decisão de Waldir Maranhão escapará ao crivo do STF qualquer que seja o seu desfecho", escreveu o ministro aposentado, que, na presidência do Supremo foi o responsável pelo julgamento do mensalão, primeiro grande escândalo envolvendo o governo do PT.

Publicidade

Dificilmente a inesperada decisão de Waldir Maranhão escapará ao crivo do STF, qualquer que venha a ser o seu desfecho. Por que?

Porque ela aponta "vícios jurídicos" no rito do processo de impeachment. Ou seja, matéria da alçada do tribunal.

Barbosa ainda fez uma provocação à decisão divulgada pela manhã por Maranhão, que surpreendeu tanto opositores quanto apoiadores do governo. "Sabem o que o mundo inteiro deve estar pensando sobre nós, brasileiros? "A laughing stock" (uma piada), muitos devem estar achando…

Depois que o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) decidiu manter o rito do impeachment e ignorou a decisão de Waldir Maranhão, Joaquim Barbosa retornou ao Twitter. Escreveu "bem, eu avisei!!!" e reclamou: "Pois é. Aí está, exposta ao mundo, a nossa triste e pobrezinha guerra de facções. Um vexame após o outro."