go to content

10 dicas para você tirar de letra a provação que é alugar um apê

Não pesquise só na internet e cuidado com a lábia dos corretores.

publicado

1. Não entre na ladainha dos corretores.

Gettyimages

É comum que os corretores te apressem a decidir ou tentem minimizar os defeitos do imóvel. Lembre-se que para eles é importante fechar o maior número de contratos possível, mas é você quem vai morar lá. Então decida com calma.

2. Agilize os documentos para não ficar atolado na burocracia.

Twitter: @priscilajolie

Não espere encontrar um apartamento para correr atrás da documentação inteira. Já prepare o comprovante de renda, comprovante de residência, cópia do RG e CPF, pelo menos. Às vezes a agilidade na entrega da papelada pode ser decisiva para você ficar ou não com um apartamento.

3. Dividir apartamento é mais barato do que morar sozinho.

O preço por metro quadrado é maior para um apartamento de 1 quarto e consideravelmente menor para um imóvel de 2, 3 ou 4 quartos na mesma região.

5. Dê atenção especial para o site QuintoAndar se você tem dificuldade de encontrar um fiador ou pagar seguro-fiança.

Reprodução

Ela é uma startup e muitos corretores definem a empresa como "a Uber das imobiliárias". A QuintoAndar surgiu com o objetivo de reduzir a burocracia e a quantidade de documentos necessários para quem quer alugar um apartamento em São Paulo ou Campinas.

6. Refaça a mesma busca em diferentes sites: às vezes o mesmo imóvel está anunciado com preços diferentes.

Reprodução

Mesmo que você já tenha encontrado alguns apartamentos que são exatamente o que você procurava, refaça a busca em outros sites. É comum que existam anúncios do mesmo imóvel com preços que variam R$ 100 ou R$ 200 no preço final do aluguel, o que pode fazer uma grande diferença no dinheiro que você vai desembolsar ao longo do contrato.

7. Não fique só na internet: ande a pé pelas ruas onde você pensa morar.

pt.wikipedia.org)

Alguns apartamentos não estão na internet e alguns prédios não colocam nem mesmo plaquinhas no portão. Então, se você gostar muito de um prédio, toque a campainha e pergunte ao porteiro se há algum imóvel disponível para locação.

8. Teste tudo antes de se mudar: descargas, chuveiros e lâmpadas.

giphy.com

Vai por mim: estes simples testes vão poupar uma dorzinha de cabeça assim que você mudar (e também podem te fazer economizar uma graninha).

9. Visite mais de uma vez o imóvel em horários diferentes e dê uma passeada pela vizinhança durante a noite.

Facebook: blogacaradorio

É sempre bom dar uma checada se a rua parece segura fora do horário comercial e como é a oferta de serviços próximos à sua futura casa em diferentes turnos.

10. Leia muito bem o contrato antes de assinar.

TV Record

Leia com muito cuidado e, de preferência, peça o auxílio de um advogado. No contrato estão aumentos previstos, multa caso você decida sair do apartamento, de quem é a responsabilidade caso seja necessário algum reparo e outras questões importantes. Ler tudo evita surpresas no futuro.

Every. Tasty. Video. EVER. The new Tasty app is here!

Dismiss